Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Saúde > Doença Do Berne: Saiba Como Evitar

Doença Do Berne: Saiba Como Evitar

Categoria: Saúde
Visitas: 2
Doença Do Berne: Saiba Como Evitar

O Berne é uma mosca varejeira que deposita suas larvas em um hospedeiro de sangue quente,como em animais ou até em humanos. O Berne também é conhecido como dermatobiose e é uma infecção causada pela larva da mosca Dermatobia homnis.

Se desenvolvem em muitos animais, principalmente, nos bovinos, cães e até em humanos. Esta mosca é diferente das outras normais, porque ela necessita de um outro inseto da sua própria espécie para levar seus ovos até um hospedeiro.

Quando o vetor deposita os ovos em um animal,as larvas saem do ovo percorre até chegar a pele, então perfura a pele abrindo assim uma entrada, depois de cinco dias a larva já cresceu em dez vezes.

É esse tipo de parasita que pode ficar por mais de um mês na pele do hospedeiro, com um crescimento muito rápido. É um parasita que se alimenta de pus, gerando uma infecção no local. Uma fêmea bota em média 800 ovos.

A mosca do berne é mais encontrada em áreas rurais como fazendas, mas também pode aparecer em áreas urbanas. Nos seres humanos, a mosca do Berne penetra na pele através de um perfuramento na pele. É quando o parasita consegue entrar, então ele cresce e causa dor,por causa dos espinhos da larva. As larvas surgem no interior da pele do hospedeiro,assim a larva cresce e se alimenta da carne.

A doença do Berne tem cura e possui tratamento,mas só com orientação médica para retirar a larva que está dentro da pele. É muito importante tratar pois pode agravar.

Os sintomas do Berne são:
- Dor ou coceira no local da ferida - Formação de feridas na pele com vermelhidão é inchaço no local;
- Faz uma liberação de um liquido amarelo ou sangue.

Se o diagnóstico for constatado que é Berne, seu tratamento, na maioria das vezes, tem que ser retirada a larva com uma pinça, isso se estiver fácil de retirar. Ou usa-se medicamentos para matar a larva,mas se o caso for mais grave, é preciso fazer uma cirurgia pequena, porque a larva afunda na carne pelo tempo que está nos humanos ou nos animais.


Gislene Santos Sousa

Título: Doença Do Berne: Saiba Como Evitar

Autor: Gislene Santos Sousa (todos os textos)

Visitas: 2

388 

Comentários - Doença Do Berne: Saiba Como Evitar

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

O meu instrumento musical avariou!

Ler próximo texto...

Tema: Instrumentos Musicais
O meu instrumento musical avariou!\"Rua
É inevitável que, mais cedo ou mais tarde, um instrumento musical precise de reparação.

Mesmo que conheçamos bem o nosso instrumento e o consigamos arranjar, na maioria das vezes é necessário um técnico para o fazer com a melhor das qualidades.

Eventualmente, nem será necessário existir um problema com o instrumento, poderá ser apenas uma questão de manutenção. 

No caso de uma guitarra, por exemplo, qualquer instrumentista é perfeitamente capaz de substituir uma corda partida e tirar da guitarra o mesmo som que ela tinha.

No entanto, existem reparações, seja uma amolgadela no tampo ou uma tarraxa arrancada, que convêm ser feitas por técnicos especializados.

Por norma, as próprias casas que vendem instrumentos musicais efectuam essas reparações ou são capazes de aconselhar técnicos para as fazer.

Mediante o instrumento musical em questão, a reparação ou manutenção poderá ser mais cara. É sempre mais fácil arranjar um técnico que repare um piano do que um que arranje oboés.

Apesar de ser normal cuidar do nosso instrumento musical regularmente, os percalços acontecem todos os dias. Para os contornar, há sempre alguém que nos poderá aconselhar melhor do que nós próprios.

Apesar de poder sair mais caro, temos também a certeza de que o nosso instrumento foi arranjado por especialistas no assunto.

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:O meu instrumento musical avariou!

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • luiz fabiano 18-02-2012 às 15:48:28

    boa tarde amigos preciso de um cabo flex da lcd da camera g70 se aulguem tiver mande um email obrigado

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios