Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Saúde > Dislexia – Mitos e Soluções

Dislexia – Mitos e Soluções

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Saúde
Visitas: 8
Comentários: 1
Dislexia – Mitos e Soluções

Muitos são os mitos que se encontram quando o assunto é dislexia. Falta de inteligência, transtornos, preguiça e um sem número de apontares incorretos e que podem até aumentar o problema.

Antes de mais há que perceber o que é a dislexia. A dislexia é um distúrbio hereditário com alterações genéticas que afeta uma área do Sistema Nervoso Central. Este distúrbio prejudica a aprendizagem em determinadas áreas como a leitura e a escrita e pode verificar-se em diversos modos e graus. Identifica-se com falta de atenção, dificuldade em aprender rimas e canções ou puzzles infantis. Uma criança desatenta e desorganizada que confunde a esquerda com a direita ou até que não decora os dias da semana ou os meses do ano.

Este transtorno observa-se de melhor forma na sala de aula onde a aprendizagem é contínua e de forma muito mais intelectual. As crianças disléxicas têm um desenvolvimento perfeitamente normal e a sua posição na sociedade não está posta em causa, mas dentro do núcleo de aprendizagem começam a surgir alguns problemas.

O baixo aproveitamento escolar começa a notar-se e é aí que o “problema” da dislexia começa a saltar à vista.

Se bem acompanhada, a criança atingir consegue uma aprendizagem e um aproveitamento escolar positivo com alguma facilidade e rapidez, mas na eventualidade do diagnóstico não ser feito atempadamente e de forma correta, os problemas podem surgir e avançar de forma mais grave.
A frustração e a depressão podem impor-se na criança e são difíceis de tratar.

A dislexia não tem cura mas pode tornar-se quase invisível na eventualidade de ser tratada a temo e de forma profissional. A assistência de um psicopedagogo, psicólogo ou de um nerologista pode ser fundamental, mas o maior trabalho deverá passar pelos pais e pelo professor.

É na escola que se aprende muita matéria intelectual, pelo que o papel de um professor presente e interessado é importante. É necessário que o professor perceba que a criança desenvolve a leitura e a escrita a um compasso diferente da restante turma.

Em casa o trabalho é o mais importante de todos. Cabe aos pais a “alimentação” da autoestima e do encorajamento. Tente compreender as limitações de uma criança disléxica e acompanhe-a de forma persistente mas amorosa em todo o processo.


Carla Horta

Título: Dislexia – Mitos e Soluções

Autor: Carla Horta (todos os textos)

Visitas: 8

648 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 1 )    recentes

  • carla batista

    20-01-2014 às 21:08:56

    a minha filha esta na 1 classe e nao consegue memorizar as letras so sabe quais as letras quando associa a letra a palavra sera deslexia

    ¬ Responder

Comentários - Dislexia – Mitos e Soluções

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Secretária em vidro

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Mobiliário
Secretária em vidro\"Rua
A maior parte das casas tem um escritório para fazer os trabalhos relativos Á profissão ou outros. È uma divisão extremamente necessária para as pessoas se recolherem a trabalhar. Por isso o escritório deve ser um local com conforto e agradável. O ambiente torna-se extremamente importante para o recolhimento necessário e a concentração que certos trabalhos exigem. Se não se tiver no local de trabalho tem de construir-se em casa.

Em todas as profissões é útil ter uma secretária para colocar um computador portátil. Livros e outros acessórios. É uma peça de mobiliário que não se dispensa de forma nenhuma. Desde sempre que foi indispensável na escola, no escritório, na empresa. A sua funcionalidade é como a do computador que praticamente não se dispensa. Para onde se vá leva-se o computador portátil a servir de complemento.

No que diz respeito à secretária ela exige um bom material e design bonito. E de facto há secretárias muito belas desde o seu modelo ao material e design. Por exemplo uma secretária em vidro fica muito bem num escritório amplo de uma vivenda ou numa empresa particular bem decorada. Pode colocar-se também num pequeno escritório de um apartamento ou numa sala especial e decorada a gosto. Há quem prefira ter uma secretária num espaço pequeno especificamente para trabalho. Deste modo concentra-se mais nele e não pensa no que tem para fazer em casa. Ou seja, dá mais prioridade ao que eventualmente tenha que fazer numa secretária. Para além de ajudar a decorar e embelezar o espaço onde se coloca dá um certo ar de charme e gramou num ambiente. Se este for decorado com objectos bonitos de decoração e uma estante para livros dá um ar mais intelectual ao ambiente. Deste modo mais propício para o recolhimento.

Não é por acaso que muita gente prefere o seu escritório para passar as horas que dispõe no seu quotidiano ou fins – de - semana. É um local propício a pensar mais nos projectos, no trabalho e nos encargos da vida. Deste modo cada divisão da casa tem uma funcionalidade diferente e um ar distinto dos restantes.

Não quer dizer que uma secretária em vidro não fique adaptada noutro local que não seja para o trabalho de estudantes ou outros, ela pode ainda adaptar-se para embelezar ou harmonizar espaços que estejam por preencher numa casa maior ou outro local. Sem dúvida que a secretária em vidro não vai deixar mal nenhum espaço onde se coloque.

Pesquisar mais textos:

Teresa Maria Batista Gil

Título:Secretária em vidro

Autor:Teresa Maria Gil(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Rua DireitaRua Direita

    20-04-2014 às 15:52:38

    Fantástico texto! A Rua Direita agradece!

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios