Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Saúde > Como escolher seu plano de saúde

Como escolher seu plano de saúde

Categoria: Saúde
Como escolher seu plano de saúde

Sempre que você for adquirir um plano de saúde é bom saber as obrigações legais das empresas, pois existem homens que pagam o modulo obstetrícia sem saber, neste caso, o cliente pode até cancelar o aditivo e pedir a devolução das parcelas quitadas. Escolha sempre um plano de saúde adequado as suas necessidades. E sabia que você deve pedir sempre referencia dos hospitais credenciados, pois nem todos precisam ter cinco estrelas, mas deve ter ao seu dispor uma condição mínima de uma unidade de terapia intensiva (UTI), e ter entre outros tratamentos, sessões de quimioterapia e de radioterapia.

Sempre procure ver e questione sobre alcance territorial do serviço, pois os convênios, mesmo que regionais, tem de prever atendimento em outras localidades e não ter somente na cidade em que você mora. Por lei a empresa deve contar com hipótese de urgência para o usuário em trânsito. Se você preferir o plano de saúde com reembolso, analise o prazo e as condições para devolução do dinheiro, busque sempre um valor compatível com o do mercado, em especial se você já conta com um médico de sua confiança e que lhe atenda por convênio. Sempre se informe sobre seu plano e saiba sobre condições para emissão de guia de autorização para consultas e exames.

Saiba que algumas operadoras exigem a presença do cliente em sua sede em dias e horários limitados. Isso fere o código de defesa ao consumidor. Elas têm de oferecer outros meios, como email ou fax, para disponibilizar o documento. Veja se seu plano de saúde tem cadastro na ANS, pois todas as seguradoras devem ser credenciadas na Agencia Nacional de Saúde Suplementar (ANS). Antes de fechar contrato com a empresa, confira a nota de atribuída a ela e veja se conta com um desempenho satisfatório na avaliação. Verifique se no tribunal de justiça de seu estado o número de reclamação ou processo da seguradora. Isso é considerado um bom termômetro para medir a aceitação da firma em relação aos demais clientes.

Antes de contratar um plano é bom fazer um teste, ligue no serviço de atendimento ao cliente para ver esse serviço. Tente marcar um exame de rotina e analise a recepção e a rapidez em respostas as suas dúvidas e expectativas. Preste sempre atenção nos pagamentos das mensalidades, saiba que a operadora pode cancelar o contrato quando houver atraso de mais de 60 dias, consecutivo ou não. Mas na pratica, ela deve enviar primeiro uma notificação ao cliente, mas isso nunca costuma acontecer com freqüência. Sendo assim cabe você consultar um advogado. Em geral, as decisões judiciais tem sido favorável aos consumidores. Saiba sempre que serviço prometido deve ser cumprido, pois a propaganda é um compromisso do fornecedor com o cliente. Se não houve o cumprimento de algum serviço divulgado, a justiça garante seus direitos, ou seja, direitos do comprador.

Waldiney Melo

Título: Como escolher seu plano de saúde

Autor: Waldiney (todos os textos)

Visitas: 0

603 

Comentários - Como escolher seu plano de saúde

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Como cuidar de Plantas de interior

Ler próximo texto...

Tema: Bricolage Jardim
Como cuidar de Plantas de interior\"Rua
Cada planta tem um comportamento diferente, vou colocar aqui alguns cuidados que servem para a maioria delas.

LUZ:

Os principais erros no cultivo de plantas de interior é a falta de luz.
Se elas estiverem em locais onde não há luz suficiente, isso pode ser corrigido com a instalação de luz artificial, existe no mercado lâmpada que imitam a luz natural.


TEMPERATURA:

Mudanças bruscas de temperatura retardam e até paralisa o crescimento da planta, bem como causa a queda de folhas.


UMIDADE:

A maioria das plantas necessita de uma umidade atmosférica adequada.
Normalmente notamos que a planta não está com a umidade correta quando acontece ficarem amarelas e a queda de folhas.


IRRIGAÇÃO:

Conselhos básicos:
Uma planta em fase de crescimento vai precisar de mais água que uma que está em fase de dormência, ou já atingiu o seu tamanho adulto.
Durante a floração a planta precisa de mais água que em sua fase de crescimento
Em ambientes internos mais quentes é evidente que a planta vai precisar de mais águas que em ambientes mais frios.
Para saber qual é o momento exato de molhar, enfie o dedo no substrato, se sentir ele seco, chegou a hora

FERTILIZANTE:

Para que a planta tenha um desenvolvimento harmonioso convém usar periodicamente de fertilizantes que podem ser líquido ou sólidos.
No mercado existe a venda fertilizante com fórmulas específicas para cada planta.
Após a utilização do fertilizante regue a planta.

LIMPEZA:

Faça regularmente a limpeza de folhas secas e caule, pois elas são bastante positivas não só esteticamente como para a saúde das plantas.
Se estiver acumulada muita poeira sobre as folhas, espane, e depois passe um pano húmido
Atenção: Existe algumas espécies, que tem as folhas aveludadas, tipo a Violeta Africana, Begônia Rex, etc. que não deve ser colocada água é só usar uma escovinha bem macia.

TROCA DE VASO:

De uma maneira geral após 1 ou 2 anos as plantas de interior devem ser colocadas em vasos de tamanho maior.
Isso deve ser feito porque as raízes passam a ocupar um grande espaço e também porque o substrato vai perdendo sua composição inicial.
A época mais adequada varia de planta para planta, algumas devem ser feitas na primavera e outras quando estão na fase de repouso.
Aproveite para obterem mudas, separando brotos e dividindo touceiras.

Pesquisar mais textos:

Miguel Pereira

Título:Como cuidar de Plantas de interior

Autor:Miguel Pereira(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Briana AlvesBriana

    13-10-2014 às 04:09:31

    Muito bom! É tão gratificante cuidar de plantas. A gente vê o quanto elas florescem quando são bem-cuidadas. Amei as dicas!

    ¬ Responder
  • Rua DireitaRua Direita

    18-04-2014 às 22:36:55

    Fantástico seu texto, a Rua Direita agradece!

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios