Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Saúde > CHIKUNGUYA, Doença Que Tem Os Mesmos Sintomas Da Dengue.

CHIKUNGUYA, Doença Que Tem Os Mesmos Sintomas Da Dengue.

Categoria: Saúde
CHIKUNGUYA, Doença Que Tem Os Mesmos Sintomas Da Dengue.

O vírus chikunguya está mais presente na Ásia. No Caribe, o vírus se espalha mais nas regiões tropicais, pois estão mais arriscados de ter uma epidemia por ter os dois tipos de mosquito que causa a doença.

A Fundação Osvaldo Cruz diz que o mosquito da dengue é o mesmo que contrai o vírus CHKUNGUYA, que é o AEDES AEGPTI é a AEDES ALBOPICTUS.

No Brasil tem esses dois vetores e foram diagnosticados 14 casos, alguns especialistas dizem que pode ter febre CHIKUNGUYA.

O primeiro caso do vírus foi no Caribe. No Brasil teve vários casos da doença como em 41 casos e 38 importados que são os estrangeiros.

Até em setembro de 2014 teve 24 casos de pessoas infectadas, a maior transmissão foi no estado da Bahia.

Os sintomas do CHIKUNGUYA são: entre 4 e oito dias apos a picada do mosquito, a pessoa começa com uma fase febril aguda que dura de 2 a 4 dias, acompanhada de dores nas articulações e na parte dos infectados pode desenvolver a forma crônica da doença, que podem durar até 6 meses, concluiu o infectologista Jesse Reis Alves.

Os sintomas também são iguais o da da dengue como dor de cabeça, dor muscular, manchas avermelhadas na pele, náuseas.

A diferença é que os sintomas da CHIKUNGUYA são mais dolorosas que a da dengue. Devemos ter cuidado porque os sintomas do vírus CHIKUNGUYA são muitos parecidos com o da dengue por essa razão que os profissionais de saúde estão preocupados porque corre o risco de confundirem as doenças.

O nome CHIKUNGUYA significa aqueles que se dobram, por causa das dores nas articulações serem muito fortes, pois a pessoa se dobra toda de tantas dores.

O risco de contrair o vírus CHIKUNGUYA são mais nas épocas de chuva e calor, porque é nessa época que mais os mosquitos transmissores da doença se reproduzem.

Uma pessoa idosa é mais frágil, se o profissional não identificar o CHIKUNGUYA pela demora do tratamento pode até levar a morte.

Os sintomas de CHIKUNGUYA são mais dolorosos do que a dengue, mas o novo vírus mata menos. O que diferencia da dengue é que tem 4 subtipos, o CHIKUNGUYA é diferente se a pessoa já teve a doença e teve os cuidados adequados. Sendo assim, ela se recupera e fica imune da doença, mas a dengue é diferente se a pessoa já teve, ela não está vulnerável a CHIKUNGUYA: apesar de serem muito parecidos.

Infelizmente, não há tratamento para curar a CHUKUNGUYA e nem vacina para previne-la, seu tratamento é só com antipiréticos e analgésicos para aliviar os sintomas.

O tratamento é recomendado se a pessoa estiver com esses sintomas, pois se não tomar medicamentos com ácidos(dipirona) e sem procurar um centro de saúde mais rápido possível.

De acordo com os serviços de saúde brasileira, os profissionais já estão preparados para identificar a doença. A prevenção á a mesma da dengue, como não deixar água parada porque é assim que os mosquitos se reproduzem.


Gislene Santos Sousa

Título: CHIKUNGUYA, Doença Que Tem Os Mesmos Sintomas Da Dengue.

Autor: Gislene Santos Sousa (todos os textos)

Visitas: 0

399 

Comentários - CHIKUNGUYA, Doença Que Tem Os Mesmos Sintomas Da Dengue.

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Um sinal de compromisso

Ler próximo texto...

Tema: Jóias Relógios
Um sinal de compromisso\"Rua
Exibir uma aliança de compromisso é, frequentemente, motivo de orgulho e, quando se olha para ela, vai-se rodando-a no dedo e fica-se com aquela expressão ridícula na cara.

Uma questão se coloca: qual a razão de estas alianças de compromisso serem tão fininhas: será porque os seus principais clientes, os jovens, são sujeitos de poucas posses (tendendo as mesadas a emagrecer ainda mais com a crise generalizada) ou porque esse compromisso, não obstante a paixão arrebatadora, é frágil e inseguro?

Sim, porque aqui há que fazer cálculos matemáticos: x compromissos vezes y alianças…com um orçamento limitado sobre um fundo sentimental infinito…

Depois, importa perpassar os tipos destas alianças. Há as provisórias, que duram em média quinze dias; há as voadoras, que atravessam os ares à velocidade da luz quando a coisa dá para o torto; há as que insistem em cair do dedo, sobretudo em momentos em que ter um compromisso se revela extremamente inoportuno; e depois há as residentes, que uma vez entradas não tornam a sair.

Os pombos-correios usam anilhas onde figuram códigos que os identificam. Talvez não fosse completamente descabido fazer umas inscrições deste género em algumas alianças de compromisso por aí…

Só para ajudar os mais esquecidos a recordarem a que “pombal” pertencem.

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:Um sinal de compromisso

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Luene ZarcoLuene

    22-09-2014 às 05:46:10

    Um sinal de amor e lealdade perpétua! Adoro ver os vários modelos de aliança! Vale a pena escolher uma bem bonita!

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios