Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Saúde > Asma!?Pratique desporto

Asma!?Pratique desporto

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Saúde
Visitas: 4
Asma!?Pratique desporto

A asma, enquanto doença respiratória, caracteriza-se por uma inflamação crónica dos brônquios que reagem à presença ou inalação de alergéneos – como pelos de animais, pólenes, pó, fungos, ácaros (presentes em colchões, almofadas e tapetes), da inalação de fumo de tabaco, da exposição ao frio, da inalação ou consumo de produtos químicos, do efeito nefasto de estados emocionais adversos e, ainda, da prática de exercício. Ora, como se poderá então, utilizar o desporto ou o simples exercício físico como antídoto para a asma?

A resposta, a ser dada há algumas décadas atrás, seria, decerto, muito diferente, apontando para uma necessária reserva por parte do asmático para a prática de desporto, uma vez que as crises pareciam sobrevir com maior intensidade na sequência do início da mesma. Atualmente, sabe-se que o desporto é essencial na prevenção de ataques de asma, uma vez que o sedentarismo – que conduz a excesso de peso e a obesidade – pode comprometer uma melhor evolução e tratamento da doença. Paralelamente, uma pessoa habituada a enfrentar maiores cargas físicas, acaba por sofrer ataques menos severos, uma vez que o seu organismo já «aprendeu» a suportar maior esforço físico.

Ainda assim, muitas pessoas portadoras da doença preferem nunca iniciar exercício físico, pois os ataques costumam suceder 15 minutos após o início. Existem, todavia, maratonistas e atletas de alta competição (incluindo recordistas olímpicos e outros nomes sonantes como as maratonistas Rosa Mota e Paula Radcliffe e o tenista Nuno Marques) que, sofrendo de asma, conseguem vencê-la, ainda que temporariamente. Uma prescrição médica adequada e a inalação de broncodilatadores 15 minutos antes da prática de exercício, podem proteger o afetado durante 2 a 3 horas. E esta solução apresenta-se igualmente válida para a esmagadora maioria da população comum que sofre da doença.

Saiba, contudo, que existem alguns cuidados que não deverão ser descurados. Assim, desportos de longa duração, como o atletismo ou ciclismo estão desaconselhados, pois vão expor os brônquios a um esforço maior de respiração e a crise asmática surgirá com maior facilidade. Desportos mais ligeiros e parcelados, como o ténis ou o pingue-pongue, são mais aconselhados, pois permitem a existência de períodos de descanso – ainda que curtos – entre os períodos de exposição ao esforço. A natação, por seu lado, é uma ótima escolha pois o ambiente húmido e quente da piscina e a posição horizontal do corpo favorecem o treino dos músculos respiratórios e a expulsão mais facilitada do muco – preste atenção a doses excessivas de cloro que poderão desencadear crises.

Já sabe: o exercício é fundamental e, antes de se iniciar em qualquer (boa) prática desportiva, deve aconselhar-se com o seu médico que lhe prescreverá uma posologia adequada à sua idade e capacidade física.


Isabel Rodrigues

Título: Asma!?Pratique desporto

Autor: Isabel Rodrigues (todos os textos)

Visitas: 4

675 

Imagem por: net_efekt

Comentários - Asma!?Pratique desporto

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Os primeiros brinquedos

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Brinquedos
Os primeiros brinquedos\"Rua
O brinquedo é mais do que um objecto para a criança se divertir e distrair, é também uma forma de conhecer o mundo que tem ao seu redor e para dar asas à sua imaginação. Desta forma, os brinquedos sempre estiveram presentes na sociedade.

Os primeiros brinquedos datam de 6500 anos atrás, no Japão, em que as crianças brincavam com bolas de fibra de bambu. Entretanto há 3000 anos surgiram os piões feitos de argila e decorados, na Babilónia.

No século XIII apareceram os soldadinhos de chumbo, porém só eram acessíveis às famílias nobres. Cinco séculos mais tarde, apareceram as caixas de música, criadas por relojoeiros suíços.

As bonecas são muito antigas, surgiram enquanto figuras adoradas como deusas, há 40 mil anos, mas a primeira fábrica abriu apenas em 1413 na Alemanha. Barbie, a boneca mais famosa do mundo, foi criada em 1959, mas ainda hoje é das mais apetecíveis pelas crianças.

O grande boom dos brinquedos aconteceu quando se descobriu o plástico para o fabrico. Mesmo assim, muitas famílias não podiam comprar brinquedos aos filhos, como tal, estes utilizavam diversos tipos de materiais e construíam os seus próprios brinquedos.

Actualmente, as crianças têm acesso a uma enorme variedade de brinquedos, desde bonecas, a carros telecomandados, a videojogos… Educativos ou apenas lúdicos, há de tudo e para todos os gostos e preços.

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:Os primeiros brinquedos

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Imagem por: net_efekt

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • umdolitoys 23-01-2013 às 05:46:38

    Adorei a reportagem! e tenho algo para vocês verem!!

    Espero que gostem!!!

    ¬ Responder
  • sofia 22-07-2012 às 21:56:29

    Achei muito interecante e muito legal saber que ano foi fabricadoas bonecas

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios