Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Saúde > ADN - Ácido Desoxirribonucleico

ADN - Ácido Desoxirribonucleico

Categoria: Saúde
Visitas: 2
Comentários: 1
ADN - Ácido Desoxirribonucleico

O ácido desoxirribonucleico é um ácido nucleico, que é a parte da célula que contém moléculas que armazenam informações acerca do ser vivo. O ADN é feito de um padrão de quatro nucleótidos diferentes, que são ligados numa extremidade a um grupo de fosfato e, por outro, a uma base nitrogenada. A base de azoto pode ser um de quatro tipos: adenina, citosina, guanina ou timina. Os nucleótidos são unidos em cadeias longas para fazer o ADN e essas duas vertentes torcem-se juntos para criar característica de dupla hélice do ADN. Cada filamento tem o açúcar ou fosfato final dos nucleótidos. Os lados são unidos entre si por pares de nucleótidos complementares.

O ADN armazena a informação que determina a forma como você olha, e a informação é colocada em ação por proteínas. Isso significa que o ADN tem que ser capaz de construir uma proteína, que é uma cadeia de produtos químicos chamados aminoácidos. O ADN tem genes que sabem como fazer as proteínas necessárias. Os vinte aminoácidos diferentes podem ser utilizados para criar uma proteína, e quatro bases do ADN são responsáveis por dispondo-los na ordem correta para formar a proteína desejada. As bases são organizadas em grupos de três, chamados códons, e os grupos trabalham juntos.

Uma molécula de ADN - como aquelas em bactérias E.coli, por exemplo - pode conter 3.000 genes. O espaço que leva para codificar todas essas informações exigiria uma molécula de ADN com cerca de 1 milímetro de comprimento. Mas uma bactéria E.coli mede apenas cerca de 3 mícrones de comprimento. O ADN consegue encaixar e ficar tão pequeno porque está enrolado em um cromossoma circular. Nas suas células, o ADN é, na verdade, enrolado em torno de uma proteína.

O ADN é uma molécula biológica universal que está presente em todas as células vivas que pode ser analisado até a partir de células presentes nos ossos.
No ADN estão presentes todas as informações genéticas acerca do indivíduo ou ser em análise. Atualmente tem diversas aplicações na área da medicina e pode ser utilizado no diagnóstico precoce de doenças hereditárias – doenças que passam de pais para filhos.

Rua Direita

Título: ADN - Ácido Desoxirribonucleico

Autor: Rua Direita (todos os textos)

Visitas: 2

601 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 1 )    recentes

  • SophiaSophia

    17-04-2014 às 20:39:37

    A Rua Direita agradece pelo excelente texto!

    ¬ Responder

Comentários - ADN - Ácido Desoxirribonucleico

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Um sinal de compromisso

Ler próximo texto...

Tema: Jóias Relógios
Um sinal de compromisso\"Rua
Exibir uma aliança de compromisso é, frequentemente, motivo de orgulho e, quando se olha para ela, vai-se rodando-a no dedo e fica-se com aquela expressão ridícula na cara.

Uma questão se coloca: qual a razão de estas alianças de compromisso serem tão fininhas: será porque os seus principais clientes, os jovens, são sujeitos de poucas posses (tendendo as mesadas a emagrecer ainda mais com a crise generalizada) ou porque esse compromisso, não obstante a paixão arrebatadora, é frágil e inseguro?

Sim, porque aqui há que fazer cálculos matemáticos: x compromissos vezes y alianças…com um orçamento limitado sobre um fundo sentimental infinito…

Depois, importa perpassar os tipos destas alianças. Há as provisórias, que duram em média quinze dias; há as voadoras, que atravessam os ares à velocidade da luz quando a coisa dá para o torto; há as que insistem em cair do dedo, sobretudo em momentos em que ter um compromisso se revela extremamente inoportuno; e depois há as residentes, que uma vez entradas não tornam a sair.

Os pombos-correios usam anilhas onde figuram códigos que os identificam. Talvez não fosse completamente descabido fazer umas inscrições deste género em algumas alianças de compromisso por aí…

Só para ajudar os mais esquecidos a recordarem a que “pombal” pertencem.

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:Um sinal de compromisso

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Luene ZarcoLuene

    22-09-2014 às 05:46:10

    Um sinal de amor e lealdade perpétua! Adoro ver os vários modelos de aliança! Vale a pena escolher uma bem bonita!

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios