Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Outros > Ignorância Suprema Da Abstinência Tecnológica

Ignorância Suprema Da Abstinência Tecnológica

Categoria: Outros
Ignorância Suprema Da Abstinência Tecnológica

É impressionante como ter um celular de última geração é tão importante. Existem certas pessoas que são capazes de matar para ter um. O que podemos dizer disso? Ignorância suprema da abstinência tecnológica?
Era da tecnologia. Muitas pessoas babam em um Android, em um tablet. Entram em um emprego somente para comprar o tão sonhado celular de dois mil reais. Fazem dívidas para adquiri-lo. O Consumismo exacerbado deixa muitos cegos e endividados.
Não critico o desejo material das pessoas, o que quero levantar aqui é o meio em que algumas delas buscam conquistar o que querem. Roubar, furtar e matar!

Se comprarmos aquele lançamento, teremos que evitar leva-lo a festejos onde as pessoas se concentram. Evitar ficar no ponto de ônibus com ele amostra e até mesmo deixa-lo no armário enquanto trabalha. Infelizmente tem gente que daria a vida para que não roubasse seu celular. Burrice? Com certeza!
Na cidade onde moro uma mulher que andava voltava do trabalho teve seu celular roubado e ainda foi ferida pelo assaltante. Era um Motorola comprado a menos de um mês e parcelado no cartão de crédito.

Uma jovem adulta conseguiu um emprego para poder comprar o novo S5. Depois de ter conseguindo comprar, ela foi parada no ponto de ônibus por um homem que dizia ter uma arma. Mesmo morrendo de medo, mas com o único intuindo de salvar o celular, correu entre os carros da avenida e, quase por sorte, não foi atropelada.

São tantos os fatos que eu poderia enumerar e narrar para mostrar os absurdos comportamentais de algumas pessoas, mas devido minha incredulidade na esperança de uma evolução positiva da sociedade, não irei prosseguir. Afinal, muitos ainda serão mortos por conta de um celular.

Talvez nem seja por conta de um aparato tecnológico. Pode ser por dez reais. Ame a Deus, Ame a vida e tenha certeza de que o amor que tens por um pedaço de matéria não vai preencher sua vida. Não mate, não roube e não se perca por conta de algo que não vai valer a pena. Um celular não vele a vida de uma pessoa. Mesmo que ele custe quinhentos ou cinco mil reais.


Carla Cristina Silva Lima

Título: Ignorância Suprema Da Abstinência Tecnológica

Autor: Carla Cristina Lima (todos os textos)

Visitas: 0

568 

Comentários - Ignorância Suprema Da Abstinência Tecnológica

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Futuro da Tecnologia, Qual o Limite?

Ler próximo texto...

Tema: Informática
Futuro da Tecnologia, Qual o Limite?\"Rua
Futuro da Tecnologia, Qual o Limite?

Bom, Não é de hoje que tecnologia vem surpreendendo a todos nós com grandes revoluções e os custos que diminuem cada vez mais.
Hoje em dia é comum ver crianças com smarthphones com tecnologia que a 10 anos atrás nem o celular mais moderno e caro do mercado tinha.
Com isso surgiram sugiram vários profetas da tecnologia e visionários, tentando prever qual será o próximo passo.

E os filmes retratam bem esse tema e usam essa formula que atrai a curiosidade das pessoas.
Exemplos:

Minority report - A nova lei de 2002 (Imagem)

Transcendence de 2014

Em Transcendence um tema mais conspiratório, onde um ser humano transcende a uma consciência artificial e assim se torna imortal e com infinita capacidade de aprendizagem.
Vale a pena ver tanto um quanto o outro filme. Algumas tecnologias de Minority Report, como utilizar computadores com as mãos (caso do kinect do Xbox 360 e One) e carros dirigidos automaticamente, já parecem bem mais próximo do que as tecnologias vistas em Transcendence, pois o foco principal do mesmo ainda é um tema que a humanidade engatinha, que é o cérebro humano, a máquina mais complexa conhecida até o momento.

Eu particularmente, acredito que em alguns anos teremos realmente, carros pilotados automaticamente, devido ao investimento de gigantes como o Google e o Baidu nessa tecnologia.

Também acho que o inicio da colonização de Marte, vai trazer grandes conquistas para humanidade, porém grandes desafios, desafios esses que vão nos obrigar a evoluir rapidamente nossa tecnologia e nossa forma de encarar a exploração espacial, não como um gasto, mas sim como um investimento necessário a toda humanidade e a perpetuação da sua existência.

A única salvação verdadeira para humanidade e para o planeta terra, é que seja possível o ser humano habitar outros planetas, seja localizando planetas parecidos com a terra ou mudando planetas sem condições para a vida em planetas habitáveis e isso só será possível com gente morando nesses planetas, como será o caso do Marte. O ser humano com a sua engenhosidade, aprendeu a mudar o ambiente a sua volta e assim deixou de ser nômade e da mesma forma teremos que aprender a mudar os mundos, sistemas, galáxias e o universo a nossa volta.

Espero que tenham gostado do meu primeiro texto.
Obrigado à todos!
Até a Próxima!


Pesquisar mais textos:

Érico da Silva Kaercher

Título:Futuro da Tecnologia, Qual o Limite?

Autor:Érico da Kaercher(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios