Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Outros > Como procurar emprego?

Como procurar emprego?

Categoria: Outros
Como procurar emprego?

Hoje em dia, com o desemprego crescente, apenas alguns de nós conseguem arranjar um local para poderem trabalhar. Neste momento o emprego está quase reservado aos melhores dos melhores. No entanto, existem alguns truques e dicas que podemos seguir para facilitar a nossa entrada no mundo do trabalho. Para facilitar a vossa entrada num futuro emprego, deixo-vos algumas indicações essenciais.

1 – Currículo

O seu currículo deve ser tão impecável como adaptável.

Deve sempre ter em conta que o currículo entregue deve corresponder ao que o empregador pretende. Por exemplo, se for licenciado em Medicina e não conseguir arranjar na sua área um emprego, terá provavelmente que procurar noutra área. No entanto, se concorrer para um supermercado, não fará sentido mencionar o seu curso no currículo, mas sim experiências anteriores de trabalho com público.

Se seguir um modelo predefinido para o seu currículo, a probabilidade de este ser bem sucedido é maior. Hoje em dia, o modelo geral adoptado é o Currículo Europass. Este dispõe de um sistema de criação online através de preenchimento de formulário. Pode encontrá-lo aqui: https://europass.cedefop.europa.eu/cvonline/cv.jsp?forward=before&localeStr=pt_PT .

2 – Formação

Sejam quais forem as suas habilitações literárias, estas podem sempre ser complementadas com formação. Caso esteja inscrito no Centro de Emprego, aproveite possíveis oportunidades de formação, mesmo que não seja remunerada. Procure com frequência workshops, ofertas de formação, formação profissional, entre outras.

Tudo isto vai enriquecer o seu currículo e delegar para segundo plano o nível de escolaridade, caso seja baixo.

3 – Experiência

Ao fazer um currículo, pense em todas as experiências de trabalho que teve até à data, quer fossem remuneradas ou não. As remuneradas deve colocar na zona da experiência profissional, tendo sempre o cuidado de escolher as mais adequadas para o cargo pretendido. As não remuneradas, deve colocar na área das qualidades. Por exemplo, trabalho de voluntariado com crianças deve ser descrito como uma capacidade social para lidar com crianças.

4 – Roupa para a entrevista

Na entrevista, deve usar roupas simples, com cortes normalizados (sem assimétricos, folhos, rendas exageradas, entre outras), com cores pouco chamativas (cinzas, beje, castanho, verde-seco, entre outros), sem padrões pronunciados e sem brilhantes ou estampados vistosos. Lembre-se que a atenção do empregador deve estar dirigida para si e não para a sua forma de vestir. Evite sempre branco ou preto integral, cores muito vivas ou fluorescentes ou roupas ligadas a estereótipos (por exemplo, roupa gótica, militar, punk, entre outras).

A maquilhagem deve também ser natural ou inexistente.

Existem, no entanto, excepções, como por exemplo, se for concorrer a um trabalho numa loja de roupa alternativa, pode usar um estilo diferente: só o vai beneficiar.

5 – Atitude na entrevista

Na entrevista, a sua atitude deve ser confiante e descontraída. Deve acreditar “eu vou ficar com o lugar!”. O empregador vai sentir a sua confiança e acreditar mais em si e nas suas probabilidades de sucesso no trabalho.

Deve ser bem disposto e simpático, mas evitar piadas que possam ter graça duvidosa ou assuntos de política, bem como outros assuntos controversos.

6 – Mantenha-se contactável

Nada pior que perder uma chamada de um empregador. Mantenha o telefone contactável e o e-mail pronto. Atenda anónimos, pois o empregador pode-lhe ligar deste modo.

7 – Dinamismo e criatividade

O dinamismo e criatividade podem melhorar muito as suas possibilidades de conseguir um emprego.

Caso seja criativo, pode arranjar várias formas de melhorar o seu currículo, como fazer um website para o colocar, entre outras.

Caso, como eu, queira trabalhar na Torke, dou-lhe já um conselho: não envie currículos, prime pela criatividade.

Lembre-se sempre que não deve desistir ao primeiro falhanço. Enquanto lutar, todas as hipóteses estão em aberto.

Desejo a todos a maior sorte nos vossos actuais ou futuros empregos!


Patrícia Carvalho

Título: Como procurar emprego?

Autor: Patrícia Carvalho (todos os textos)

Visitas: 0

625 

Comentários - Como procurar emprego?

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Manutenção Automovel

Ler próximo texto...

Tema: Automóveis
Manutenção Automovel\"Rua
Faça você mesmo a revisão do seu automóvel e poupe dinheiro em oficinas. Primeiro verifique com a ajuda de outra pessoa a iluminação exterior. Uma pessoa fica no interior do carro e liga as luzes, verifique á frente os mínimos, os médios, os máximos e os piscas. Depois atrás verifique os mínimos os stop a marcha atrás e o farol de nevoeiro.

A seguir verifique a iluminação do interior do veículo e do painel de instrumentos e a afinação do travão de mão.

Agora está na hora de verificar os filtros de ar, gasóleo e habitáculo. Dependendo da utilização eles podem fazer em média 40.00km, se estiverem sujos substitua-os por novos.

A seguir vem a mudança do óleo este em geral pode-se retirar pelo bujão de vazamento do cárter, convém substituir a anilha e o filtro de óleo. O óleo novo deve respeitar as especificações do fabricante, verificar no livro de manual de utilizador do veículo os litros de óleo do motor. Meter o óleo novo pelo bucal superior do motor com a ajuda de um funil, o nível do óleo não pode ultrapassar o máximo. Se não sabe a quantidade de óleo deite 4 litros e depois verifique o nível pela vareta de verificação de nível e vá deitando até chegar ao nível certo.

Agora é preciso verificar as pastilhas de travões, hoje em dia como quase todos os veículos têm jantes especiais consegue verificar sem desmontar as rodas. Substituir se necessário as pastilhas, ao desmontar repare como desmonta para depois voltar a montar tudo de novo. Por fim verifique a pressão dos pneus com um manómetro, a pressão indicada varia de carro pra carro se não sabe a pressão indicada ponha 2.2bar que é em média a pressão que todos utilizam.

Convém dizer que qualquer material que precise basta procurar numa loja de peças auto próxima de si ou então encomendar via net pois existem vários sites especializados em peças e materiais de manutenção auto. Vai ver que não custa nada se eu aprendi você também pode aprender e além disso fica a conhecer melhor o seu carro.

Com isto tudo pode poupar em média 200€ por cada revisão.
Obrigado e até a próxima.

Outros textos do autor:
Manutenção Automovel

Pesquisar mais textos:

Vendas Online

Título:Manutenção Automovel

Autor:Vendas Online(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Rua DireitaRua Direita

    17-06-2014 às 04:55:10

    Há inúmeros benefícios para fazer a manutenção do automóvel, pois isso garante melhor preservação do veículo e se prolonga o uso por muitos e muitos anos.
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios