Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Outros > Como procurar emprego?

Como procurar emprego?

Categoria: Outros
Como procurar emprego?

Hoje em dia, com o desemprego crescente, apenas alguns de nós conseguem arranjar um local para poderem trabalhar. Neste momento o emprego está quase reservado aos melhores dos melhores. No entanto, existem alguns truques e dicas que podemos seguir para facilitar a nossa entrada no mundo do trabalho. Para facilitar a vossa entrada num futuro emprego, deixo-vos algumas indicações essenciais.

1 – Currículo

O seu currículo deve ser tão impecável como adaptável.

Deve sempre ter em conta que o currículo entregue deve corresponder ao que o empregador pretende. Por exemplo, se for licenciado em Medicina e não conseguir arranjar na sua área um emprego, terá provavelmente que procurar noutra área. No entanto, se concorrer para um supermercado, não fará sentido mencionar o seu curso no currículo, mas sim experiências anteriores de trabalho com público.

Se seguir um modelo predefinido para o seu currículo, a probabilidade de este ser bem sucedido é maior. Hoje em dia, o modelo geral adoptado é o Currículo Europass. Este dispõe de um sistema de criação online através de preenchimento de formulário. Pode encontrá-lo aqui: https://europass.cedefop.europa.eu/cvonline/cv.jsp?forward=before&localeStr=pt_PT .

2 – Formação

Sejam quais forem as suas habilitações literárias, estas podem sempre ser complementadas com formação. Caso esteja inscrito no Centro de Emprego, aproveite possíveis oportunidades de formação, mesmo que não seja remunerada. Procure com frequência workshops, ofertas de formação, formação profissional, entre outras.

Tudo isto vai enriquecer o seu currículo e delegar para segundo plano o nível de escolaridade, caso seja baixo.

3 – Experiência

Ao fazer um currículo, pense em todas as experiências de trabalho que teve até à data, quer fossem remuneradas ou não. As remuneradas deve colocar na zona da experiência profissional, tendo sempre o cuidado de escolher as mais adequadas para o cargo pretendido. As não remuneradas, deve colocar na área das qualidades. Por exemplo, trabalho de voluntariado com crianças deve ser descrito como uma capacidade social para lidar com crianças.

4 – Roupa para a entrevista

Na entrevista, deve usar roupas simples, com cortes normalizados (sem assimétricos, folhos, rendas exageradas, entre outras), com cores pouco chamativas (cinzas, beje, castanho, verde-seco, entre outros), sem padrões pronunciados e sem brilhantes ou estampados vistosos. Lembre-se que a atenção do empregador deve estar dirigida para si e não para a sua forma de vestir. Evite sempre branco ou preto integral, cores muito vivas ou fluorescentes ou roupas ligadas a estereótipos (por exemplo, roupa gótica, militar, punk, entre outras).

A maquilhagem deve também ser natural ou inexistente.

Existem, no entanto, excepções, como por exemplo, se for concorrer a um trabalho numa loja de roupa alternativa, pode usar um estilo diferente: só o vai beneficiar.

5 – Atitude na entrevista

Na entrevista, a sua atitude deve ser confiante e descontraída. Deve acreditar “eu vou ficar com o lugar!”. O empregador vai sentir a sua confiança e acreditar mais em si e nas suas probabilidades de sucesso no trabalho.

Deve ser bem disposto e simpático, mas evitar piadas que possam ter graça duvidosa ou assuntos de política, bem como outros assuntos controversos.

6 – Mantenha-se contactável

Nada pior que perder uma chamada de um empregador. Mantenha o telefone contactável e o e-mail pronto. Atenda anónimos, pois o empregador pode-lhe ligar deste modo.

7 – Dinamismo e criatividade

O dinamismo e criatividade podem melhorar muito as suas possibilidades de conseguir um emprego.

Caso seja criativo, pode arranjar várias formas de melhorar o seu currículo, como fazer um website para o colocar, entre outras.

Caso, como eu, queira trabalhar na Torke, dou-lhe já um conselho: não envie currículos, prime pela criatividade.

Lembre-se sempre que não deve desistir ao primeiro falhanço. Enquanto lutar, todas as hipóteses estão em aberto.

Desejo a todos a maior sorte nos vossos actuais ou futuros empregos!


Patrícia Carvalho

Título: Como procurar emprego?

Autor: Patrícia Carvalho (todos os textos)

Visitas: 0

625 

Comentários - Como procurar emprego?

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Estratégia do arco-íris

Ler próximo texto...

Tema: Serviços
Estratégia do arco-íris\"Rua
Pessoas comuns estão a descobrir novas estratégias que supostamente fazem dinheiro rápido. Mas, a verdade da questão é que, isso é quase impossível. Ao longo de sua jornada de negociação, vai experimentar algumas vitórias e derrotas. Então, vejamos uma das estratégias que irá produzir mais vitórias do que derrotas: a estratégia do arco-íris. Esta é uma estratégia muito poderosa que qualquer um pode utilizar, especialmente novatos lá fora. Se é novo no comércio de opções binárias e gostaria de ganhar dinheiro online, esta é a estratégia ideal para si.

A estratégia do arco-íris envolve um período de 6, 14 e 26 períodos, períodos de média móvel exponencial. Estes permitem filtrar os movimentos menores no mercado e dar-lhe uma visão clara da tendência.

O mercado está numa tendência alta quando o período de 6 EMA está no topo dos 14 períodos EMA e dos 26 períodos EMA. A tendência baixa ocorre quando as EMA cruzam-se. Agora, os 26 períodos EMA devem estar no topo da EMA de 14 períodos. Em tendências altas, os comerciantes devem concentrar-se principalmente em opções de compra.

Uma opção de compra pode ser acionada quando o preço para baixo remonta à EMA 14 e começa a mover-se para cima. Uma opção de venda pode ser acionada quando o preço refaz para cima, e os períodos EMA 14 começam a mover-se para baixo.

As vantagens desta estratégia é que muitos dos sinais são precisos e não requerem muita análise para fazer um bom negócio. Com a gestão de risco adequada, pode fazer desta a sua principal estratégia. Mas, antes de tomar essa decisão, saiba que existem algumas desvantagens. O preço às vezes pode ir além dos 14 períodos de EMA. Alguns comerciantes podem não saber como reagir a isso.

Além disso, mesmo se os mercados são tendências, ainda existe a possibilidade de dar sinais falsos, mas com a gestão de riscos aplicadas, esses sinais falsos não causam muito dano. Combinar esta estratégia com coisas como Fibonacci, linhas de tendência ou médias móveis podem ajudar a reduzir as chances de perdas.

Em geral, a estratégia do arco-íris é um grande indicador. Ele faz maravilhas nos mercados de tendências e é muito fácil de usar para os comerciantes de todos os níveis. No fim de contas, é apenas uma questão de fazer uma boa gestão de risco. É uma ótima estratégia para iniciantes começarem a usar e obterem vitórias, experiência e bastante dinheiro.

Pesquisar mais textos:

Jerónimo Diogo Magalhães

Título:Estratégia do arco-íris

Autor:Jerónimo Diogo Magalhães(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios