Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Eventos > Halloween

Halloween

Categoria: Eventos
Halloween

A noite de dia 31 de outubro é hoje!!
É um momento que ficou na história como uma noite de terror, cheia de monstros e fantasmas, de bruxas e demónios. Já há muito que as crianças têm-se divertido com o “doçura ou travessura”, termo conhecido nos EUA, indo de porta em porta em busca de doces. Agora, e cada vez mais, os adultos parecem querer juntar-se à tradição!
Na ilha do Faial, já bastante se comemora o Halloween, com fantasias, saídas pela noite dentro ou então com bonitas e assustadoras decorações.

Converta a sua casa num lugar assustador para o Halloween com muitas ideias artesanais. Quer seja uma festa para adultos, quer seja uma festa infantil de disfarces ou, simplesmente, se deseja preparar a sua casa para receber os pequenos demónios da noite que aparecem a pedir "doçura ou travessura", nesta noite não pode faltar uma decoração escura e sombria para dar ambiente. Do que está à espera?

Com origem na Irlanda, Hallows Eve antecede o Dia dos Mortos, que homenageia os espíritos dos antepassados e celebra o sobrenatural. Bruxas, fantasmas e monstros são motivos típicos deste evento temático gótico, juntamente com morcegos, aranhas e as famosas abóboras Jack O'Lantern. Se tem um quintal ou jardim pode simular umas lápides e colocar umas luzes tétricas. Se não tiver esse espaço pode decorar o interior com ideias inteligentes, muito simples de fazer.

Iluminação
Comece com velas e sombras para criar um ambiente de mudança. No Dia das Bruxas os novos efeitos criados transmitem um sentimento terrível. Escolha os tons escuros, derreta cera vermelha por cima de velas brancas, como se fossem gotas de sangue.

Elementos inquietantes para decoração de Halloween
Corte pequenas aranhas pretas e morcegos para colocar em castiçais, molduras, ou nas mesas, para dar um toque de diversão.
As teias de aranha são muito importantes, principalmente se tiverem insetos de plástico agarrados!
Guarde flores mortas e espalhe-as estrategicamente pela casa.
Coloque gelo seco num pote para criar fumo.
Coloque a cabeça de uma boneca envolta em gaze branca numa bandeja de aperitivos.
Abóboras
Este símbolo tradicional do Halloween não é assustador mas é muito característico. Corte uma ou duas para colocar na casa com velas no seu interior.
Divirta-se com o terror!
Até já!


Elisa Silva

Título: Halloween

Autor: Elisa Silva (todos os textos)

Visitas: 0

603 

Comentários - Halloween

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

A arte de trabalhar a madeira

Ler próximo texto...

Tema: Serviços Construção
A arte de trabalhar a madeira\"Rua
A carpintaria constitui, digamos assim, a arte de trabalhar a madeira. É claro que, de acordo com o produto final, se percebe bem que uns carpinteiros são mais artistas do que outros…

Às vezes nem se trata tanto dos pormenores, mas mesmo de desvirtuar o que era a ideia inicial e constava da encomenda. Mal comparado, quase se assemelha à situação daquela aspirante a costureira que pretendia fazer uma camisola para o marido e, no fim, saíram umas calças!

Na construção civil, a madeira é utilizada para diversos fins, temporários ou definitivos. Na forma vitalícia (esperam os clientes!) incluem-se estruturas de cobertura, esquadrias (portas e janelas), forros, pisos e edifícios pré-fabricados.

Quase todos os tipos de madeira podem ser empregues na fabricação de móveis, mas alguns são preferidos pela sua beleza, durabilidade e utilidade. É conveniente conhecer as características básicas de todas as madeiras, como a solidez, a textura e a côr.

Ser capaz de identificar o género de madeira usado na mobília lá de casa pode ajudar a determinar o seu real valor. Imagine-se a possibilidade de uma cómoda velha, que estava prestes a engrossar o entulho para a recolha de lixo, ter sido feita com o que hoje se considera uma madeira rara.

É praticamente equivalente a um bilhete premiado do Euromilhões, dado que se possui uma autêntica relíquia! Nestes casos, a carpintaria entra na área do restauro e da recuperação. Afinal, nem tudo o que é velho se deita fora…

Por outro lado, as madeiras com textura mais fraca são frequentemente manchadas para ganhar personalidade. Aqui há que remover completamente o acabamento para se confirmar a verdadeira natureza da madeira.

É assim também com muita gente: tirando a capa, mostram-se autenticamente. Mas destes, nem um artificie com “bicho-carpinteiro” consegue fazer nada…!

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:A arte de trabalhar a madeira

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Luene ZarcoLuene

    23-09-2014 às 13:23:35

    Uma excelente técnica que penso ser muito bonito e sofisticado. A arte de trabalhar madeira está sempre em desenvolvimento e crescimento.

    ¬ Responder
  • Rua DireitaRua Direita

    01-06-2014 às 05:18:46

    É ótimo o trabalho com a madeira. Pode-se perceber grandes obras que se faz com ela. Realmente, é uma verdadeira arte!
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios