Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Evangélicas > Renda-se A Mim!

Renda-se A Mim!

Categoria: Evangélicas
Comentários: 1
Renda-se A Mim!

Por que algumas pessoas parecem nunca crescer no Senhor? Por que oscilam de uma calamidade para outra, sem jamais conseguir ultrapassar o nível da sobrevivência? Por que raramente, se é que isso chega a ocorrer, experimentam a alegria do Senhor? O progresso espiritual? Um relacionamento mais íntimo com Ele? A liberdade para agir na área de seus talentos? Por que não podem avançar para os propósitos e o destino que Deus tem para elas?

A resposta, creio, está na palavra “rendição”, ou “entrega”. Essas pessoas não se renderam completamente a Deus. Não tornaram Jesus Cristo o verdadeiro Senhor de sua vida.

Entregar tudo significa dispor-se a dizer: “ Senhor, o que quer que desejes que eu faça, farei. Concordo com qualquer coisa que me pedires, mesmo que isso importe em morrer para mim mesma e para meus anseios. Desistirei das coisas que minha carne deseja a fim de ter mais de ti em minha vida. Irei à igreja mesmo que tenha vontade de ficar em casa. Jejuarei quando sentir ímpetos de comer. Orarei quando preferiria ir para a cama. Lerei tua palavra quando desejaria ficar na internet. Ofertarei quando meu desejo seria gastar o dinheiro comigo. Louvarei e adorarei como minha primeira reação, e não como meu último recurso. Farei tudo que disseres para que possa agradar-te e receber tudo que tiveres para mim”.

Essa atitude de entrega significa colocar Deus em primeiro lugar e submeter-se a seu governo. Isso faz toda a diferença em nossa vida.

Jesus é Senhor, quer o declaremos quer não. Isso porque “Deus o exaltou à mais alta posição e lhe deu o nome que está acima de todo nome, para que ao nome de Jesus se dobre todo joelho, nos céus, na terra e debaixo da terra, e toda língua confesse que Jesus Cristo é o Senhor, para a glória de Deus Pai”(Fil. 2:9-11). Ele, porém, não é apenas Senhor do Universo, é também Senhor de nossa vida. O reconhecimento ou não desse fato determinará o sucesso e a qualidade de nossa vida.

Uma vida de entrega, governada inteiramente por Deus, é aquela que pode ser usada poderosamente para os propósitos de seu reino. Deus não quer apenas uma parte de você. Ele quer você por inteiro. Ore para que possa dar a Deus tudo o que Ele deseja.


Rafaela Coronel

Título: Renda-se A Mim!

Autor: Rafaela Coronel (todos os textos)

Visitas: 0

437 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 1 )    recentes

  • Jorge Paulo do Nascimento MacedoJorge Paulo do Nascimento Macedo

    13-10-2014 às 01:51:05

    Também acredito nisso, isso fica independente de fanatismo ou coisa desse gênero, essa é a liberdade que nos garante a liberdade total. A nossa independência existencial ou que seja, o livre arbítrio, só existe de verdade quando podemos entregar nossa vida inteira nas mãos de Deus e isso só é possível através de esforços verdadeiros e determinados. Outra sim o livre arbítrio se perde quando se obedece a Deus, talvez por isso esteja escrito obedecer é melhor que sacrificar.
    No fim de tudo, isso que você falou não é sacrifício, mas sim algo necessária à felicidade eterna que estar na comunhão com Deus.

    ¬ Responder

Comentários - Renda-se A Mim!

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Como Solicitar O Seguro Desemprego - Passo A Passo!

Ler próximo texto...

Tema: Utilidades Domésticas
Como Solicitar O Seguro Desemprego - Passo A Passo!\"Rua
O seguro desemprego é instituído pela Lei Nº 7.998, de 11 de janeiro de 1990 e que tem por finalidade prover a assistência financeira temporária ao trabalhador desempregado sem justa causa. Foi sancionado pelo presidente da República do Brasil e também é regido pela Consolidação das Leis Trabalhistas – CLT.

Este benefício é concedido a todo e qualquer trabalhador que foi dispensado apenas em regime de sem justa causa ou quando houver acordo judicial e o juiz autorizar o pagamento devido ao ex-trabalhador da empresa.

Sua duração é de 3(três) a 5(meses) de forma contínua e dependerá do tempo em que ficou empregado. O valor mensal é calculado conforme o que o trabalhador ganhava durante o período em que estava empregado.

Essa assistência financeira e temporária tem algumas regras, por isso, é muito importante conhecê-la antes mesmo de solicitá-la nos órgãos responsáveis.

Para ter direito ao benefício:


- Precisa ter a carteira devidamente assinada da empresa;
- Ter trabalhado durante 6 meses na empresa (no mínimo);
- Não ter recebido esse benefício no período de 16(dezesseis) meses ininterruptos;
- Ter sido dispensado sem justa causa.

Quem tem direito ao benefício:


- Os trabalhadores demitidos sem justa causa;
- O pescador artesanal; e
- O empregado doméstico, desde que o empregador esteja recolhendo o Fundo de Garantia de Tempo de Serviço (FGTS).

Como solicitar – Passo a passo:


1) Dirija-se à qualquer Caixa Econômica Federal ou ao M.T.E (Ministério do Trabalho e Emprego) da sua cidade munidos dos seguintes documentos:
- Rescisão contratual, carteira de trabalho devidamente dado baixa com a data de saída e assinada e carimbada pela empresa, as duas vias do seguro desemprego preenchido e fornecido pela empresa, cartão do PIS/PASEP ou o cartão cidadão, extrato do recebimento do pagamento do FGTS, comprovante de residência e os últimos 3 (três) contra-cheques;
2) Entregue todos esses documentos ao atendente. Eles vão fornecer o protocolo de entrada do seguro desemprego, vão lhe dizer quantas parcelas você tem direito e a data que você receberá a primeira (30 dias).

Bem, apenas isso e agora é só esperar para o recebimento do pagamento das parcelas. Para consultar, acesse este link: http://granulito.mte.gov.br/sdweb/consulta.jsf
Digite com seu número de PIS/PASEP e logo abaixo com o código no visor e clique em consultar. Vai abrir outra tela com as informações das parcelas.

Pesquisar mais textos:

Briana Alves

Título:Como Solicitar O Seguro Desemprego - Passo A Passo!

Autor:Briana Alves(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios