Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Empresariais > Uma sucursal da própria casa

Uma sucursal da própria casa

Categoria: Empresariais
Comentários: 1
Uma sucursal da própria casa

Quando se pensa em escritórios imaginam-se executivos, homens e mulheres, elegantemente vestidos, com uma educação superior e uma postura selecta, a desfilar em corredores ultra limpos com pastas de papéis urgentes, importantíssimos e confidenciais.

É claro que os escritórios de agências publicitárias ficam fora desta apreciação meio apressada, já que é vulgar encontrarem-se por lá criativos de jardineiras, que mais parecem funcionários da limpeza, e outras ilustres figuras que aparentam estar permanentemente no Carnaval, tal é o exagero da imagem.

Os escritórios integram, na maioria das vezes, o cenário de telenovelas e filmes, enquanto palco onde decorrem acções, umas mais lícitas do que outras, como aliás acontece na vida real, que aportam aos intervenientes lucros que lhes permitem auferir uma existência envolta em luxo, festas e toda a espécie de vivências interditas ao comum dos mortais. Tédio é, com certeza, um termo que não consta de certos dicionários

É também dentro de escritórios, infelizmente, que se traçam os destinos das nações e se tomam decisões que determinam o rumo de povos nacionais e internacionais. Obviamente, esta rota tem de ser, frequentemente, revista e repensada, porque as quatro paredes afiguram-se sobremaneira limitativas.

Para muitos, o escritório acaba por representar uma sucursal da própria casa, a atender pelo tempo que lá passam e pelo recheio com o que o decoram.

Naturalmente, de vez em quando, as fotos da família, sobretudo das esposas, são viradas para baixo ou para a parede, como se estivessem de castigo, porque os assuntos a tratar com a secretária não são sigilosos e indignos de olhares tão ternurentos. Lá se vai a postura… E cá se vêm as horas extra…


Rua Direita

Título: Uma sucursal da própria casa

Autor: Rua Direita (todos os textos)

Visitas: 0

604 

Imagem por: AMagill

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 1 )    recentes

  • Rafaela CoronelRafaela

    11-07-2014 às 19:48:00

    Literalmente, minha casa é um sucursal. Amo trabalhar em casa, e não o troco por nada!

    ¬ Responder

Comentários - Uma sucursal da própria casa

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Como Organizar Qualquer Tipo De Evento

Ler próximo texto...

Tema: Eventos
Como Organizar Qualquer Tipo De Evento\"Rua
Com todas as mudanças no mundo precisamos de pessoas capacitadas e qualificadas para se organizar um evento de porte. Não mais uma pessoa que faz tudo, que quebra-galho, mas um profissional estudioso no ramo para levar um evento de grande estima que atinja seu público de forma satisfatória e abrangente.

Para estar na frente exige-se muito trabalho, esforço e dedicação extrema para que se obtenha grande sucesso não somente para quem recebe como também para a própria instituição em que se realiza o evento. Isso tem causado uma procura por esses profissionais e até tem sido reconhecido como uma profissão que será valorizada muito nesses próximos anos.

Como Organizar?

Para estar na frente de um evento é necessário muita dedicação e amor. Muitas horas planejando e com uma grande antecedência. Pois, qualquer problema que ocorra no dia, será de responsabilidade de quem está organizando.

Então, todos os cuidados devem ser levados em consideração, devemos ter ações prevenidas e tudo deve ser listado, feito e dado uma atenção especial. Diante dos que se pretende fazer em um evento seja ele cultural, religioso, comercial, precisa de alguns parâmetros para serem seguidos cuja finalização tenha muito sucesso.

Eis quais são as etapas para você compreender melhor:
1. Objetivos: você deve primeiramente traçar um objetivo daquilo que se pretende realizar. Deve ser dividido em duas partes: a geral e a específica;

2. Públicos: quem são os públicos que serão atingidos? É um grupo de mulheres, um grupo de homens? Que faixa de idade? Essas e outras perguntas devem ser feitas;

3. Estratégias: essas estratégias consistem simplesmente em como você vai atingir o seu público, o que mais irá atraí-los para que possam ir ao seu evento?

4. Recursos: os recursos tanto materiais, humanos, físicos, todos esses recursos devem ser bem estruturados e anotados;

5. Implantação: Que métodos serão usados para o evento desde o início até o término do evento? Refere-se a todos os procedimentos;

6. Acompanhamento e controle: estipular alguém que irá acompanhar todo o processo e controlar, como por exemplo, as despesas;

7. Avaliação: feita após o término do evento, ela é produzida em formato de relatório e entregue a quem organizou o evento;

8. Orçamento Previsto: este deve ser feito bem detalhado. Uma das mais importantes partes de todo o evento. Pode buscar patrocínio, parcerias com empresas para assim evitar os gastos, mas tudo deve ser anotado e controlado.

Pesquisar mais textos:

Luene Zarco

Título:Como Organizar Qualquer Tipo De Evento

Autor:Luene Zarco(todos os textos)

Imagem por: AMagill

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios