Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Alimentação > Receitas de Sobremesas de Colher

Receitas de Sobremesas de Colher

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Alimentação
Visitas: 32
Comentários: 3
Receitas de Sobremesas de Colher

1 - Farófias

6 claras à temperatura ambiente
1,5 litro de leite
1 vagem de baunilha
150gramas de açucar fino
1 colher de sobremesa de farinha maisena
3 gemas
canela em pó q.b.

- bata as claras em castelo firme e reserve. Leve ao lume o leite com a vagem de baunilha aberta em todo o comprimento e 50gramas de açucar. Ferva durante 1 minuto e retire a baunilha
- coza as claras ás colheradas no leite fervente, poucas de cada vez, virando-as com um garfo. Quando as farófias ficarem firmes, retire-as com uma escumadeira e escorra-as bem
- deixe o leite arrefecer e junte-lhe a farinha maisena diluída numa pequena porção de leite e as gemas batidas com o restante açucar. Misture bem e leve ao lume. Cozinhe lentamente, mexendo sem parar, até levantar fervura
- deite o creme numa taça e coloque por cima as farófias. Polvilhe com canela e sirva mornas ou frias.

2 - Pêssegos com Creme de Baunilha

5dl de leite
1 vagem de baunilha
1 colher de sopa de farinha maisena
2 gemas
100gramas de açucar
1 lata pequena de pêssegos em calda
1 limão
8 palitos la reine
hortelã fresca q.b.
canela em pó q.b.

- ferva o leite junto com a vagem de baunilha aberta a todo o comprimento
- misture numa tigela a farinha maisena, as gemas e o açucar. Incorpore aos poucos o leite quente e 2 colheres de sopa de calda dos pêssegos. Leve de novo ao lume e junte a raspa do limão. Corte os palitos la reine aos pedaços e distribua-os por 8 tacinhas. Espalhe por cima tiras finas de pêssego e cobra com o creme
- decore com metades dos pêssegos e folhas de hortelã. Polvilhe com canela e guarde no frigorífico até servir.

3 - Papos-de-anjos

12 gemas
2 ovos
manteiga q.b.
200gramas de açucar

- bata com a batedeira as gemas e os ovos até obter uma gemada volumosa. Divida-a por forminhas lisas bem barradas com manteiga
- coza no forno moderado pré-aquecido, dentro de um tabuleiro de alumínio com o fundo coberto de água. Quando o preparado coalhar, desenforme sobre uma superfície lisa polvilhada com açucar e deixe arrefecer
- coloque os papos-de-anjo numa taça de vidro. Prepare uma calda espessa fervendo o açucar com 2dl de água. Deite-a em fio sobre os doces e deixe em repouso até a calda secar um pouco.

4 - Mousse de Manga

6 mangas maduras
5 colheres de sopa de licor de laranja
3 colheres de sopa de gelatina em pó sem sabor
350gramas de natas bem frias
6 colheres de sopa de açucar
0,5dl de sumo de laranja
2 colheres de sopa de sumo de limão

- descasque as mangas e corte a polpa aos pedaços pequenos. Misture com o licor e reserve. Hidrate a gelatina em 1dl de água morna. Passados 10 minutos leve ao lume em banho-maria, mexendo, até a gelatina dissolver. Deixe arrefecer
- bata as natas com uma batedeira e adicione aos poucos o açucar, até ficarem espessas. Junte de seguida a gelatina aos poucos, o licor e os sumos de laranja e de limão
- incorpore a polpa de manga. Deite a mistura numa taça ou em taças pequenas e guarde no frigorífico durante umas horas, ou de um dia para o outro.

5 - Sopa Dourada

125gramas de miolo de amêndoa pelada
250gramas de miolo de pão endurecido
manteiga q.b.
250gramas de açucar
uma pitada de baunilha em pó
10 gemas
canela em pó q.b.
granjeia colorida

- rale a amêndoa e reserve. Corte o pão em pequenos cubos, envolva-os em 3 colheres de sopa de manteiga amolecida e espalhe-os num tabuleiro de alumínio. Leve ao forno até alourarem, virando-os várias vezes
- deite o açucar num tacho, cubra com água e ferva até obter uma calda em ponto de pasta. Junte 2 colheres de sopa de manteiga e a baunilha, e mistura. Quando ferver, adicione os pedaços de pão. Mexa para os desfazer um pouco e retire do lume
- deixe amornar, junte as gemas pouco batidas e leve de novo ao lume, muito brando, mexendo sempre até a mistura ficar cremosa. Espalhe o doce num prato de barro ou numa travessa e polvilhe com canela. Decore com granjeia, se desejar.

6 - Pudim de Cenoura com Molho Dourado

600gramas de cenouras
sal q.b.
5 ovos
400gramas de açucar
1 limão
60gramas de farinha com fermento
manteiga para barrar a forma
Para o molho:
125gramas açucar
1,5dl de leite
manteiga q.b.

- raspe as cenouras, lave-as e coza-as em água com um pouco de sal até ficarem macias. Escorra-as muito bem, reduza-as a puré e depois passe-o por um passador de rede
- bata 3 ovos e 2 gemas com o açucar e mistura com o polme da cenoura e a raspa de limão
- sem bater, adicione a farinha alternando com as restantes 2 claras batidas em castelo. Deite o preparado numa forma barrada com manteiga, com o fundo forrado com papel vegetal barrado com manteiga. Coza em forno moderado até o pudim ficar firme
- para o molho, ferva o açucar com 1 colher de sopa de manteiga até obter ponto de caramelo claro. Adicione aos poucos o leite quente e misture até engrossar. Aromatize com gotas de sumo de limão. Desenforme o pudim, deixe arrefecer e regue com o molho dourado


Cristina Sousa

Título: Receitas de Sobremesas de Colher

Autor: Cristina Sousa (todos os textos)

Visitas: 32

769 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 3 )    recentes

  • SophiaSophia

    15-06-2014 às 18:42:02

    Adorei todas as receitas de sobremesas de colher, mas gostei muito mais e com certeza farei algum dia, o mousse de manga. Apesar de já adorar essa fruta, hummm, com mousse deve ser irresistível!
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de Climatizaçãoedvige

    06-05-2014 às 23:34:13

    experimentei e gostei, pena não haver mais receitas, variadas e internacionais .

    e se escrevessem receitas e com pequeno vídeo a completar seria perfeito. que vos parece Rua Direita?

    ¬ Responder
  • SophiaSophia

    07-05-2014 às 16:10:43

    Edvige, obrigada pelas considerações. A Rua Direita agradece sua sugestão, uma excelente ideia. Em breve, teremos receitas muito boas com um vídeo explicativo. Obrigada!
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder

Comentários - Receitas de Sobremesas de Colher

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Contador de moedas

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Material Escritório
Contador de moedas\"Rua
O mundo dos negócios exige um grande dispêndio de energia e muitas horas de trabalho. No entanto hoje já é possível fazer recurso da alta tecnologia para poupar tempo e dinheiro. O recurso às funções do computador para o comércio facilita e atrai muitos clientes para empresas e comerciantes. No que diz respeito a contas é possível fazer uma contagem rápida e eficaz do dinheiro, sem passar horas a contar e com o risco de engano. É por isso que cada vez mais pessoas ligadas a negócios e serviços optam por adquirir um contador de moedas. Deste modo sabem que poupam tempo e não falham na sua contagem.

Dos inúmeros equipamentos que a alta tecnologia põe ao dispor, este é sem dúvida um equipamento que beneficia em muito o trabalho de muita gente. Por ser pequeno é muito cómodo e exige pouco espaço, ou melhor pode ser colocado em qualquer lugar.

Torna-se evidente que as novas tecnologias vieram para simplificar a vida e trazem muitas vantagens, rentabilizam e poupam tempo. No caso do contador de moedas, sem enganos, falhas e complicações. É o ideal para ter num escritório de uma empresa, em escolas, cafés, pastelarias, salões de jogos, bancos, cinema, serviços financeiros e de tesouraria e outros ligados a serviços públicos e privados.

Em resumo, se está ligado a qualquer trabalho de comércio ou serviços pode poupar muto tempo e problemas apenas colocando um equipamento destes no seu espaço de trabalho. As suas vantagens são inúmeras, em especial: permite realizar uma contagem rápida das moedas dividindo-as e fazendo a sua soma, conta o total das moedas, o valor total em cada tipo de moedas e a quantidade de todas as moedas.

Contem e separa no mínimo duzentas e vinte moedas por minuto, sem erro, conta e separa tudo no mesmo equipamento, permite alimentar o aparelho com quantidades entre as trezentas e quinhentas moedas de cada vez e continuar a adicionar mais moedas enquanto está a contar. Além disso o aparelho pode ser programado para separar um número de moedas predeterminado.

O seu design é bastante inovador e resistente. Os materiais de elevada qualidade, de fácil ligação e paragem automática.

Possui uma elevada funcionalidade, baixo consumo (70W), pouco peso, aproximadamente quatro kg, velocidade ultra rápida, pequena dimensão e estão todos certificados pela EU. Deste modo também possuem garantia, são fáceis de usar e de arrumar.

As suas funções práticas permitem que o contador de moedas possa estar em qualquer lugar.

Pesquisar mais textos:

Teresa Maria Batista Gil

Título:Contador de moedas

Autor:Teresa Maria Gil(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios