Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Alimentação > Intolerância e alergia alimentares

Intolerância e alergia alimentares

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Alimentação
Visitas: 32
Comentários: 15
Intolerância e alergia alimentares

Por vezes, ao ingerirmos determinado tipo de alimentos, acabamos por desenvolver reações menos agradáveis que não sabemos como apelidar. De facto, embora possam apresentar sintomas idênticos e sejam frequentemente confundidas, a intolerância alimentar e a alergia são coisas distintas.

Dizem os estudiosos que 50 por cento das alergias (em geral) se declaram através de urticária, asma ou diarreia, conforme o fenómeno alérgico ocorra na pele, na árvore respiratória ou no intestino.

Nas alergias alimentares verifica-se uma reação de hipersensibilidade, em que o sistema imunitário fabrica anticorpos contra certos alimentos, como se estes representassem um perigo iminente. Esta reação punge os mastócitos (células do sistema nervoso) a soltar histamina, o que desencadeia a alergia. Porém, as alergias também podem ser despoletadas por razões de âmbito genético, alimentar ou por doenças infeciosas. Alguns dos alimentos que mais comummente provocam alergias são: trigo, nozes, tomate, ovo, leite de vaca, banana, amendoim, marisco, cacau, moluscos e carne de porco. Quando a pessoa é alérgica a um destes alimentos, ou outro, começa a sentir as reações nas horas seguintes à respetiva ingestão.

No que se refere às intolerâncias alimentares, não existe envolvimento de anticorpos. Os componentes e os aditivos dos alimentos agem diretamente sobre os mastócitos. Exemplos de alimentos que mais frequentemente ocasionam intolerâncias alimentares são: trigo, chocolate, canela, atum, vinho, couve fermentada, peixe, marisco, bacalhau, ovos, banana, tomate, queijo, arenque, morango, pimenta, cavala, ananás. Alguns aditivos, que podem ser consultados nos rótulos das embalagens, também podem estar associados a este facto. A saber: corantes (E102, E107, E110, E112, E122, E123, E124; E151), aromatizantes (como a baunilha, o cravinho, o mentol, o alcaçuz e a canela), conservantes (E200, E203, E210, E219) e antioxidantes (E311, E320, E321). De salientar que as intolerâncias alimentares podem estar ligadas à ausência de enzimas, como a lactase, que digere a lactose do leite. No caso de haver intolerância à lactose, devem evitar-se o leite e derivados, mas igualmente produtos como os cubos de caldos de carne, de cuja composição faz parte a lactose.

Existem ainda intolerâncias alimentares por reações farmacológicas. É o que sucede com as aminas dos alimentos que possuem nitrogénio: chocolate, chá, café, colas.

Atualmente, já é exequível aferir acerca da própria intolerância aos alimentos. Ante situações de desarranjos gastrointestinais e/ou reações dermatológicas (acne, eczema) pode fazer-se o teste de intolerância alimentar. Ao identificar a presença de anticorpos IgH contra proteínas de alimentos distintos, este teste vai sentenciar que alimentos passam a estar interditos na dieta de quem se lhes revela, deste modo, intolerante.


Maria Bijóias

Título: Intolerância e alergia alimentares

Autor: Maria Bijóias (todos os textos)

Visitas: 32

761 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 15 )    recentes

  • Karina

    12-04-2013 às 11:12:28

    Boa tarde, gostaria de saber se existe algum tipo de intolerancia a acerola...o fato é que toda vez que experimento um suco ou a propria fruta, passo mal muito..dores abdominais e muitas das vezes vomito...ja fiz testes varias vezes, pois a primeira vez achei que podia ser tudo menos a acerola, mas na segunda, terceira e outras que me senti mal foi quando a consumi...queria muito saber...

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoAdriana dos Santos da Silva

    13-09-2012 às 22:55:19

    As pessoas sentem alergias de diversas fontes. Umas sentem mais, outras menos. Mas afinal, porque certos alimentos nos dão alergias? O camarão, por exemplo, em algumas pessoas que conheço dá uma coceira na garganta sem tamanho. Ficam empoladas e não podem de nenhuma forma ingeri-la em sua alimentação. É uma pena porque é tão bom provar o camarão. Existem aqueles também que produzem enxaquecas como a colega colocou acima no seu texto tão bem expresso.

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoDaniela Vicente

    09-09-2012 às 13:47:37

    Como eu, muitas outras pessoas desconfiam que sofrem de diversas intolerâncias alimentares. Devíamos todos fazer um teste de intolerância alimentar, contudo, e falo por mim, parece que o tempo passa e nunca estamos com tempo para irmos ser picadas por diversas agulhas. O seu texto está mesmo muito interessante e apelativo, pois é um tema que toca a todos. Quem não tem reacções alérgicas? Eu sou alérgica a um medicamento muito conhecido para dores musculares.

    ¬ Responder
  • edineia ferreira dos santos

    25-07-2012 às 19:09:31

    ola, meu filho tem 5 anos tem lergia a ovos leite amendoim peixe conservantes salsicha etc.... sera que isso vai ate na fase adulta ate hoje o leite neocate que fazer

    ¬ Responder
  • andreandre

    31-08-2011 às 01:00:14

    ola!toda vez que como carne de porco apareçe manchas vermelhas no meu corpo e cóssa muito. como pósso resistir uma bisteca ou uma custelinha assada se me faz mal? o que tomar para sarar?

    ¬ Responder
  • gilberto aparecido dos ssantosgilberto aparecido dos ssantos

    17-05-2011 às 18:28:15

    Meus Deus! O que se pode comer então? Ou ao menos quais alimentos podem substituir estes viloes de nos coitado alergicos? Grato Gilberto

    ¬ Responder
  • Desentupidora de Esgotos (11) 4253-2687andreia cleide marinho

    14-06-2010 às 21:28:16

    ha aproximadamente 3 semanas comecei c uma irritaçao na garganta dores pelo corpo e corize ja tomei antialergicos,antibioticos,higienizo as narinas c soro e nada tem dado resultados.Será que tenho algum tipo de intolerancia?

    ¬ Responder
  • Alberto Costaadriane cristina lotti

    04-06-2010 às 01:08:46

    ja tive alergia muito forte quando adolecente agora começou denovo na epoca os medicos chegaram a conclusao que era do frio . que tipo de profisional eu procuro primeiro um clinico geral . gostaria de uma respota obrigado

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de Climatizaçãovera Lucia 2006-11- 06 15:00

    11-03-2010 às 19:39:34

    Olá, sou alergica ao gluten componente que tem no trigo, descobri já faz tres anos, quase morri pois não achava o que eu tinha, fui em muitos médicos, fazia tudo o que mandavam , cheguei a pesar 34 quilos , hoje já estou normal peso 58, mas passei um mal bocado, foi atraves de uma endoscopia que descobri, agradeço muito ao pessoal da Gastroclinica.

    ¬ Responder
  • Nilda pereira da silvaNilda pereira da silva

    24-12-2009 às 00:01:57

    minha filha tem intolerancia a lactose e alergia a proteina do leite,o organismo dela não aceitou o leite de vaca,cabra e soja .quando ingere algum alimento que contenha leite; seja um simples biscoito fica tosssindo,toda inchada e cianotica.ela tem cinco anos e fica dificil comprar alimentos ja que em quase todos tem leite.o que fazer pra diminuir essas reações alergicas?

    ¬ Responder
  • franfran

    08-11-2009 às 20:41:11

    Olá, quando me alimento com acerola (suco, vitamina), meu corpo principalmente minhas mãos começam a ter inchação e muito formigamento. Ja cheguei a ter ate dormencia no braço. Estou desesperado. Como faço pra ficar bom? Existe algum remedio que posso tomar e ter resultado imediato ou o tratamento e demorado. Agradeço Franço

    ¬ Responder
  • nidraelenidraele

    04-10-2009 às 17:31:46

    gostaria de saber o que tem no tomate que causa alergia.

    ¬ Responder
  • carinacarina

    02-10-2009 às 17:42:21

    queria saber a razao da intolerancia a banana de que é composta para provocar manchas na pele e inchaço... obrigada

    ¬ Responder
  • Mara RéginaMara Régina

    28-08-2009 às 16:05:24

    olá...quero descobrir qual é o composto em comum do trigo e chocolate que causa intolerância a esses alimentos!
    a reação fisiológica é irritação na garganta...
    Obrigado, tenha um bom dia!

    ¬ Responder
  • FranciscaFrancisca

    31-07-2009 às 22:29:56

    Olá, estou neste momente em crise de alergia , pois tenho quando alimento-me de peixe , não são todos os tipos de peixes, estou mal , moro em um lugar muito longe de uma assistência médica boa , posso contar com sua ajuda . agradeço Fran

    ¬ Responder

Comentários - Intolerância e alergia alimentares

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Como Organizar Qualquer Tipo De Evento

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Eventos
Como Organizar Qualquer Tipo De Evento\"Rua
Com todas as mudanças no mundo precisamos de pessoas capacitadas e qualificadas para se organizar um evento de porte. Não mais uma pessoa que faz tudo, que quebra-galho, mas um profissional estudioso no ramo para levar um evento de grande estima que atinja seu público de forma satisfatória e abrangente.

Para estar na frente exige-se muito trabalho, esforço e dedicação extrema para que se obtenha grande sucesso não somente para quem recebe como também para a própria instituição em que se realiza o evento. Isso tem causado uma procura por esses profissionais e até tem sido reconhecido como uma profissão que será valorizada muito nesses próximos anos.

Como Organizar?

Para estar na frente de um evento é necessário muita dedicação e amor. Muitas horas planejando e com uma grande antecedência. Pois, qualquer problema que ocorra no dia, será de responsabilidade de quem está organizando.

Então, todos os cuidados devem ser levados em consideração, devemos ter ações prevenidas e tudo deve ser listado, feito e dado uma atenção especial. Diante dos que se pretende fazer em um evento seja ele cultural, religioso, comercial, precisa de alguns parâmetros para serem seguidos cuja finalização tenha muito sucesso.

Eis quais são as etapas para você compreender melhor:
1. Objetivos: você deve primeiramente traçar um objetivo daquilo que se pretende realizar. Deve ser dividido em duas partes: a geral e a específica;

2. Públicos: quem são os públicos que serão atingidos? É um grupo de mulheres, um grupo de homens? Que faixa de idade? Essas e outras perguntas devem ser feitas;

3. Estratégias: essas estratégias consistem simplesmente em como você vai atingir o seu público, o que mais irá atraí-los para que possam ir ao seu evento?

4. Recursos: os recursos tanto materiais, humanos, físicos, todos esses recursos devem ser bem estruturados e anotados;

5. Implantação: Que métodos serão usados para o evento desde o início até o término do evento? Refere-se a todos os procedimentos;

6. Acompanhamento e controle: estipular alguém que irá acompanhar todo o processo e controlar, como por exemplo, as despesas;

7. Avaliação: feita após o término do evento, ela é produzida em formato de relatório e entregue a quem organizou o evento;

8. Orçamento Previsto: este deve ser feito bem detalhado. Uma das mais importantes partes de todo o evento. Pode buscar patrocínio, parcerias com empresas para assim evitar os gastos, mas tudo deve ser anotado e controlado.

Pesquisar mais textos:

Luene Zarco

Título:Como Organizar Qualquer Tipo De Evento

Autor:Luene Zarco(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios