Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Viagens > Impacto Do Turismo Ao Meio Ambiente

Impacto Do Turismo Ao Meio Ambiente

Categoria: Viagens
Impacto Do Turismo Ao Meio Ambiente

A atividade turística utiliza os recursos naturais para torná-los em atrativos turísticos e satisfazer as necessidades de descanso e lazer dos turistas. Dessa forma, a preservação do meio ambiente é essencial para a existência do turismo.

O equilíbrio entre o turismo e meio ambiente se dá com a oferta de atrativos turísticos sustentáveis e conscientização dos atores sociais do turismo.

Se instalados no espaço urbano, os atrativos devem estar munidos de instrumentos de saneamento básico (tratamento de água, esgoto e lixo). Obedecer ao zoneamento municipal para respeitar as APPs – Áreas de Proteção Permanente.

Tomar de medidas sustentáveis para utilização da água oriunda das precipitações, utilizar fontes de energia renováveis, aplicar conceitos de eco-construção, que utilizem materiais de construção provenientes da reutilização.

Nos espaços rurais, os atrativos devem estar contextualizados às paisagens locais, com a conservação da vegetação, manutenção da mata ciliar, proteção das nascentes. Estimular a agricultura orgânica. Estruturar trilhas ecológicas devidamente sinalizadas e com estrutura compatível com o cenário local.

O trabalho de conscientização deve emergir das mais simples relações sociais às mais complexas. A comunidade local deve ser preparada para preservar o meio ambiente em que vive e os turistas devem ser instruídos a respeitar os espaços visitados.

Essas preocupações são o resultado do que se vem dialogando ao longo dos últimos trinta anos sobre a ideia de preservação e conservação do meio ambiente.

A partir dos anos de 1970, os movimentos ambientais se tornaram significativos, por observarem que os seres humanos possuem costumes equivocados perante a natureza.

Progressão da preocupação com o meio ambiente



Anos 50
Entorno: Desfrutar e utilizar
Turismo: Etapa de exploração; começo do turismo de massas.

Anos 60
Entorno: Conscientização, intervenção pública e protestos
Turismo: Desenvolvimento, crescimento rápido; elementos de entorno como atrações únicas.

Anos 70
Entorno: Institucionalização; preocupação pela contaminação do ar, da água e visual
Turismo: Década de crescimento e sucesso; marketing; estudos de impacto do mundo acadêmico.

Anos 80
Entorno: Preocupação pelas substâncias tóxicas no entorno: chuva ácida, aquecimento do globo, buraco de ozônio
Turismo: Expansão dos mercados mundiais e avanços tecnológicos.

Anos 90
Entorno: Desmatamento, mudanças climáticas, desertificação, impactos globais
Turismo: Ecoturismo, desenvolvimento sustentável.

Diante disso, o setor do turismo tem um impacto importante sobre o meio ambiente. É preciso adotar mecanismos a fim de que ele seja preservado, conservado, cuidado e melhorado seu aspecto visual cada vez mais!


Adriana Santos

Título: Impacto Do Turismo Ao Meio Ambiente

Autor: Adriana Santos (todos os textos)

Visitas: 0

20 

Comentários - Impacto Do Turismo Ao Meio Ambiente

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Como cuidar de Plantas de interior

Ler próximo texto...

Tema: Bricolage Jardim
Como cuidar de Plantas de interior\"Rua
Cada planta tem um comportamento diferente, vou colocar aqui alguns cuidados que servem para a maioria delas.

LUZ:

Os principais erros no cultivo de plantas de interior é a falta de luz.
Se elas estiverem em locais onde não há luz suficiente, isso pode ser corrigido com a instalação de luz artificial, existe no mercado lâmpada que imitam a luz natural.


TEMPERATURA:

Mudanças bruscas de temperatura retardam e até paralisa o crescimento da planta, bem como causa a queda de folhas.


UMIDADE:

A maioria das plantas necessita de uma umidade atmosférica adequada.
Normalmente notamos que a planta não está com a umidade correta quando acontece ficarem amarelas e a queda de folhas.


IRRIGAÇÃO:

Conselhos básicos:
Uma planta em fase de crescimento vai precisar de mais água que uma que está em fase de dormência, ou já atingiu o seu tamanho adulto.
Durante a floração a planta precisa de mais água que em sua fase de crescimento
Em ambientes internos mais quentes é evidente que a planta vai precisar de mais águas que em ambientes mais frios.
Para saber qual é o momento exato de molhar, enfie o dedo no substrato, se sentir ele seco, chegou a hora

FERTILIZANTE:

Para que a planta tenha um desenvolvimento harmonioso convém usar periodicamente de fertilizantes que podem ser líquido ou sólidos.
No mercado existe a venda fertilizante com fórmulas específicas para cada planta.
Após a utilização do fertilizante regue a planta.

LIMPEZA:

Faça regularmente a limpeza de folhas secas e caule, pois elas são bastante positivas não só esteticamente como para a saúde das plantas.
Se estiver acumulada muita poeira sobre as folhas, espane, e depois passe um pano húmido
Atenção: Existe algumas espécies, que tem as folhas aveludadas, tipo a Violeta Africana, Begônia Rex, etc. que não deve ser colocada água é só usar uma escovinha bem macia.

TROCA DE VASO:

De uma maneira geral após 1 ou 2 anos as plantas de interior devem ser colocadas em vasos de tamanho maior.
Isso deve ser feito porque as raízes passam a ocupar um grande espaço e também porque o substrato vai perdendo sua composição inicial.
A época mais adequada varia de planta para planta, algumas devem ser feitas na primavera e outras quando estão na fase de repouso.
Aproveite para obterem mudas, separando brotos e dividindo touceiras.

Pesquisar mais textos:

Miguel Pereira

Título:Como cuidar de Plantas de interior

Autor:Miguel Pereira(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Briana AlvesBriana

    13-10-2014 às 04:09:31

    Muito bom! É tão gratificante cuidar de plantas. A gente vê o quanto elas florescem quando são bem-cuidadas. Amei as dicas!

    ¬ Responder
  • Rua DireitaRua Direita

    18-04-2014 às 22:36:55

    Fantástico seu texto, a Rua Direita agradece!

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios