Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Saúde > Síndrome de Apneia do Sono

Síndrome de Apneia do Sono

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Saúde
Comentários: 36
Síndrome de Apneia do Sono

O Síndrome de Apneia do Sono, caracteriza-se por uma perturbação em que ocorrem paragens respiratórias superiores a 10 segundos, que se repetem a noite toda.

Estes períodos de apneia devem-se ao facto de durante o sono as vias respiratórias, nomeadamente ao nível da garganta se fecharem, impedindo a passagem do ar. Como tal o doente quando para de respirar acorda. Volta a respirar e adormecer, depois de adormecer volta a parar de respirar e acorda, assim sucessivamente. O que acaba por ser um transtorno durante a noite, pois acorda-se muitas vezes e não permite um descanso continuo.

Os doentes com apneia do sono são na sua maioria obesos, apresentam um ressonar muito intenso e sono agitado.

Em consequência da falta de uma noite de sono completa, estes doentes tendem a estar muito sonolentos durante dia, adormecendo com facilidade no trabalho e a conduzir. O que é bastante perigoso, porque apresentam elevado risco de ter acidentes de viação ou de trabalho. Mutas vezes estes doentes referem dificuldade em concentrar-se, cansaço, irritabilidade, perda de memória, cefaleias matinais e impotência sexual. Para além das consequências anteriormente referidas, estes doentes têm também risco de terem uma morte súbita durante o sono.

O diagnóstico do Síndrome de Apneia do Sono é realizado através de um exame complementar de diagnóstico, com o nome de polissonografia, que consiste em registar o sono do doente durante uma noite, este exame permite ainda avaliar a gravidade deste síndrome. O resultado deste exame ajuda o médico a escolher o tratamento mais adequado para o doente.

O tratamento mais utilizado para estas situações é o CPAP, que é um ventilador, ligado a uma máscara, que se aplica no nariz durante a noite, isto vai permitir uma pressão continua de ar, evitando que as vias respiratórias se fechem, e assim prevenir as apneias.

Para além do tratamento, existem alguns cuidados que são fundamentais para que o doente possa melhorar a sua qualidade do sono, são eles: perder peso (só para quem tem excesso de peso ou seja obeso), evitar medicamentos para dormir e as bebidas alcoólicas, dormir de lado e utilizar medicamentos para aliviar a congestão nasal (caso exista).


Maria Gabriela

Título: Síndrome de Apneia do Sono

Autor: Maria Gabriela (todos os textos)

Visitas: 0

651 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 36 )    recentes

  • M.L.E.- Soluções de Climatizaçãorui

    08-11-2012 às 09:29:30

    Muito obrigado, ajudou-me muito para o meu trabalho escolar

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoRoberta

    08-11-2012 às 09:28:59

    Excelente texto, parabéns

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoJohn

    06-11-2012 às 14:44:40

    O sindrome de apneia do sono é um dos sindromes mais estudados aqui nos Estados Unidos

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoAlberto

    07-11-2012 às 09:53:51

    Olá John, de facto, como já tive este síndrome acompanho bastante o seu tipo de tratamento e na realidade ai os investigadores dedicam muito tempo ao seu estudo.

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoAbel

    02-11-2012 às 13:45:25

    o melhor tentar ser sempre o máximo possível saudável e fazer desporto para evitarmos estes problemas.

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoRogério

    02-11-2012 às 13:41:47

    Nossa, que texto interessante. Parabéns

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoMila

    02-11-2012 às 13:39:57

    A minha mãe já usa esse aparelho a alguns anos e agora trocaram para um menos para barulhento. Ainda bem que criaram essa tecnologia.

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de Climatização

    30-10-2012 às 19:56:47

    bom texto, é verdade que desde que perdi peso e com ajuda do ventilador melhorei muito.

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de Climatizaçãozilda

    30-10-2012 às 19:52:14

    o meu marido tem esse sindrome, era horrível nem eu nem ele dormíamos bem, ora porque ele ressonava ora porque acordava. o ventilador foi uma bençao paras as nossas noites

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de Climatizaçãosuzette

    30-10-2012 às 19:46:59

    que materia bacana, gostei

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoAdolfo

    29-10-2012 às 18:41:45

    Nem sempre é preciso medicamentos para resolver todos os tipos de doenças, parece que este síndrome é um deles

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de Climatizaçãotânia

    29-10-2012 às 18:40:14

    o meu pai tem está doença mas desde que dorme com esse tipo de ventilador melhou muito

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de Climatizaçãomarisa

    29-10-2012 às 18:38:09

    gostei do texto, ajudou no TPC

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoAlvaro

    29-10-2012 às 09:27:52

    Grande dica vou consultar já o meu médico para tentar resolver este sindrome do sono de uma vez por todas. Obrigado!

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoVerissimo

    27-10-2012 às 13:58:23

    Gostei muito do texto, tenho muitos sintomas referidos aqui e ando sempre com sono durante o dia. Se calhar este diagnóstico também se aplica a mim. Vou consultar um médico!! Obrigada

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoEdna

    27-10-2012 às 13:55:54

    Não sabia que o facto de ressonar e estar sempre a acordar durante a noite que podia ser uma doença

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoSandra

    25-10-2012 às 09:44:05

    Um excelente texto sobre o sindrome da apneia do sono. Ajudou-me muito no meu trabalho escolar. Obrigado!

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de Climatizaçãoana

    24-10-2012 às 14:00:03

    Este tratamento é o mais eficaz. Pelo menos resulta na maioria das pessoas

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoSara

    06-11-2012 às 14:45:36

    É verdade Ana o tratamento para este síndrome é bastante eficaz

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de Climatizaçãojoca

    23-10-2012 às 09:33:44

    As pessoas se têm sono têm de dormir agora síndrome de apneia do sono. Tudo treta!

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoIolanda

    24-10-2012 às 09:37:31

    Joca não seja mal educado. Não sabe dos problema que o sindrome da apneia do sono pode trazer.
    Imagine que é uma pessoa que conduz e tem este sindrome. Todo o cuidado é pouco.

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoCosta

    22-10-2012 às 15:42:22

    Após o tratamento o síndrome da apneia do sono pode voltar? À alguns anos fiz este tratamento e resultou na perfeição no entanto nos últimos tempos ando com muito sono, tenho receio de estar a ficar novamente com este síndrome.

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de Climatizaçãorenata

    24-10-2012 às 14:07:01

    Não se esqueças dos cuidados como por exemplo perder peso. Também são muito importantes a outras dicas que foram aqui escritas

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoCosta

    24-10-2012 às 15:18:27

    Obrigado pela resposta renata sobre este madito síndrome.

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de Climatizaçãovitor

    24-10-2012 às 14:05:39

    Por norma o tratamento é para a vida toda, mas no seu caso deve ter sido um problema agudo, que no fim de tratado não precisou de continuar o tratamento. Se apresenta alguns dos sintomas referidos consulte um especialista.

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoCosta

    24-10-2012 às 15:19:01

    Obrigado vitor

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de Climatizaçãoze

    22-10-2012 às 13:10:06

    Tenho sempre muito sono e durmo entre 7 a 8 horas por dia. Será que tenho síndrome de apneia do sono?

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de Climatizaçãorita

    24-10-2012 às 14:02:31

    Ter sono, não quer dizer que tenha este síndrome, se acha que tem demasiado sono, deve procurar um médico para que possa ser avaliado, e verificar se alguma coisa de errado consigo

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de Climatizaçãojo

    22-10-2012 às 09:52:38

    Excelente texto para um sindrome tao importante como o da apneia do sono. Este tratamento resulta com todas as pessoas?

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoFernando

    19-10-2012 às 15:52:46

    Não gosto de sindrome!

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de Climatizaçãozeca

    19-10-2012 às 10:02:56

    Sofro muito do síndrome de apneia do sono quando chego a casa as 5 da manha vindo de uma noitada ahahah :)

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoCarlos

    18-10-2012 às 17:47:47

    Já tive um grave acidente por causa deste síndrome. É mesmo muito sono.

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoRosa

    18-10-2012 às 16:54:32

    Síndrome de apneia do sono é muito dolorosa, falo por experiência própria.

    Um excelente texto! Parabéns!

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoClara

    18-10-2012 às 15:26:53

    Olá o meu marido tinha este síndrome e era horrível, noites sem descanso. No entanto, após emagrecer e fazer o tratamento as coisas melhoraram bastante e agora já não nos lembramos do síndrome de apneia do sono.

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoCalvário

    18-10-2012 às 15:25:01

    De facto vivei com este tipo de doença e é horrível, a apneia do sono é mesmo muito incomoda. No entanto após o tratamento as coisas melhoraram imenso. Excelente texto sobre este síndrome.

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoJosé

    18-10-2012 às 15:22:34

    Um excelente texto, muito bem. Com certeza que irá ajudar muitas pessoas a lidar com esta apneia do sono

    ¬ Responder

Comentários - Síndrome de Apneia do Sono

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Como Proteger a Madeira

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Bricolage Jardim
Como Proteger a Madeira\"Rua
A madeira é um elemento muito utilizado para a construção de casas, cercas, mobiliário, pérgolas, decks, etc.
Para garantir a sua longevidade, reforçando a beleza e resistência, deve-se executar algumas tarefas para proteger a madeira. Para isso, deve-se conhecer as suas necessidades e limitações, de modo a proceder-se ao tratamento mais adequado.

Os inimigos da madeira são:

Sol - juntamente com o vento, as altas temperaturas secam a madeira e os raios ultracioletas (UV) modificam a sua cor, degradando a estrutura das fibras. Por vezes, o aquecimento da madeira acaba até por provocar fissuras na estrutura.

Humidade - a madeira que não é protegida absorve mais humidade, correndo o risco de desenvolver bolor e fungos, e consequentemente apodrecer. Aconselha-se a aplicação de um produto apropriado, como por exemplo, um imunizante ou uma velatura, e de seguida um verniz ou esmalte.

Insetos - não é nas madeiras utilizadas no exterior que se deve recear, pois a temperatura e o grau de humidade não proporcionam as condições favoráveis ao seu desenvolvimento. Mas na madeira utilizada no interior, as larvas dos insetos que se alimentam da madeira encontram as condições ótimas para a sua reprodução, pelo que deve levar a cabo um tratamento preventivo ou curativo com os produtos apropriados.

Bolores e fungos - na madeira que durante muito tempo vai acumulando humidade, pode aparecer bolores e fungos, e posteriormente apodrecimento da estrutura.

Renovar a madeira:

Antes de começar o tratamento deve-se executar algumas tarefas de preparação. No caso de conter musgo ou algas, retira-se as manchas com uma solução de lixívia. De seguida, tapam-se todas as fissuras e buracos com pasta de madeira ou betume para madeira. Lixa-se a superfície de modo a eliminar saliências e passa-se de seguida a primeira demão de tratamento para madeiras. Deve-se escolher uma cor próxima à da madeira que será envernizada ou pintada.

Podridão da madeira:

Deve-se localizar a causa da humidade e eliminá-las. Para isso, retira-se as partes da madeira podre, bem como todo o pó, aparas, serradura, ou outro material que possa estar infetado, e repara-se com madeira nova. Aplica-se um imunizador anti-caruncho e acaba-se com uma tinta de esmalte ou um verniz para madeiras.

Decapar a pintura:

Em algumas situações, a madeira tem verniz ou tinta que será necessário primeiro retirar, de modo a poder-se aplicar uma nova camada. As situações em que se deve aplicar um decapante são:

- quando a superfície pintada apresentar fissuras ou estalar;
- quando a tinta estiver mole ou apresentar bolhas;
- quando a tinta esfarelar;
- quando as camadas de tinta acumuladas tornarem díficil a maleabilidade das estruturas;
- quando se pretende recuperar o aspeto original da madeira.

Deve-se utilizar um decapante químico ou térmico, dependendo da natureza da superfície e do tipo de tinta ou verniz existente na mesma.

Cuidar da madeira:

Para que a madeira mantenha um aspeto bonito a longo prazo, aconselha-se a aplicação de um tratamento que evitará a degradação. Tratar a madeira dá-nos a garantia de que a sua durabilidade aumentará, promovendo assim a solidez e estabilidade das suas estruturas.

No caso da superfície a tratar ser nova, deve-se seguir os seguintes passos:

1) eliminar toda a sujidade;
2) proceder a uma ligeira lixagem;
3) aplicar o produto de tratamento da madeira, respeitando sempre os intervalos de secagem.

Caso a superfície a tratar se encontre ainda em bom estado, deve-se seguir os seguintes passos:

1) lavar a superfície com água e detergente em pó e deixar secar completamente;
2) lixar suavemente;
3) aplicar duas ou três demãos de verniz ou velatura, sempre respeitando os intervalos de secagem.

Caso a superfície a tratar se encontre em mau estado, aconselha-se o seguinte:

1)eliminar qualquer tipo de velatura ou verniz com produto decapante,
2) limpar e lixar a superfície;
3) eliminar a poeira;
4) tratar a madeira com um produto próprio para uma maior duração do verniz ou da velatura;
5) aplicar duas ou quatro demãos de verniz ou velatura, respeitando sempre os intervalos de secagem.

Pesquisar mais textos:

Cristina Sousa

Título:Como Proteger a Madeira

Autor:Cristina Sousa(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Briana AlvesBriana

    13-10-2014 às 04:53:55

    Ajudou-me bastante ao que buscava! A proteção da madeira torna-se bem importante para que dure por longos anos.

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios