Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Saúde > Quando temos sono e não conseguimos dormir

Quando temos sono e não conseguimos dormir

Categoria: Saúde
Visitas: 4
Comentários: 4
Quando temos sono e não conseguimos dormir

Saiba o que você pode fazer para não perder o sono. O estilo da vida moderna é o grande responsável pelas noites passadas em claro. A insônia também pode ser um sinal de que algo não esta bem, pois a insônia não ocorre de forma isolada e deve ser avaliada sobre três aspectos principais como o físico o social e o psicólogo. As noites mal dormidas podem ser resultados também de doenças físicas como a apnéia, ou seja, parada respiratória, problemas de saúde que causam dores noturnas como, por exemplo, afibromialgia, distúrbios hormonais, hiper hipotireoidismo, como também doenças psiquiátricas e neurológicas, por exemplo, ansiedade, depressão, doença de Parkinson, derrame cerebrais e mal de Alzheimer. As relações na família e no trabalho e os hábitos errados cometidos no período noturno. A predisposição genética ainda é outro fator a ser considerado. Normalmente quem sofre de insônia tem alguém na família com o mesmo problema.

Constatar a insônia só é possível por meio de uma consulta clinica com um especialista em sonose, ou seja, doença do sono, o que envolve um analise do histórico do paciente, exames físicos e, em alguns casos, o exame complementar de polissonografia. Porem, alguns indícios podem ajudar a identificar a pessoa que sofre com esses distúrbios. Conheça agora algum desses sinais. A queixa principal é a dificuldade de iniciar ou manter o sono ou ainda o sono não reparador, ao menos por um mês. O distúrbio do sono, ou seja, a fadiga e a urna associada ao mesmo causam transtorno significativo ou perda do desempenho profissional, intelectual e social. O transtorno do sono ou o distúrbio do sono são problemas de saúde que devem ser tratados, sempre que possível, e prevenidos.

No entanto não existe uma forma que resolva a insônia de todas as pessoas de maneira uniforme. Cada pessoa necessita deu um tratamento específico, apropriado as características individuais, e que deve ser recomendado por um medica especialista. Entre os outros tratamentos não – farmacológicos se destacam terapia comportamental cognitiva, higiene do sono, controle de estímulos resistência de sono e de tempo na cama e técnicas de relaxamento. Já os principais medicamentos utilizados são os indutores do sono, ansiolíticos ou antidepressivos. A ainda medicamentos novos porem, não estão disponíveis. A alimentação rica em cafeína, xantina e outras substanciam estimulantes aumentam a insônia. Já os derivados do triptofano, como o leite, auxiliam a ter uma boa noite de sono.

Waldiney Melo

Título: Quando temos sono e não conseguimos dormir

Autor: Waldiney (todos os textos)

Visitas: 4

802 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 4 )    recentes

  • Briana AlvesBriana

    22-07-2014 às 20:19:21

    É bem complicado mesmo ter sono e não conseguir dormir, ainda mais quando sabemos que precisamos mesmo. O ideal é não dormir à tarde, pois não conseguirás dormir à noite seja lá qual for o horário.

    ¬ Responder
  • tata

    05-06-2013 às 19:01:29

    todo dia durmo as 23:30 e fico morrendo de sono mas ele não vem e me faz ficar acordada até umas 3:00 isso me da até raiva e até choro de tanto sono!!!

    ¬ Responder
  • Denize

    03-09-2012 às 15:45:29

    Meu esposo não dorme mais que 3 horas (Tanto faz dia ou a noite) O que posso fazer para ajudá-lo? tem sono mas não consegue dormir! Como pode acontecer isso?

    ¬ Responder
  • Iverson Rômulo GonçalvesIsabel

    07-08-2009 às 05:20:06

    Gostei muioto desta materia, eu sofro de insonia desde dew ciança.

    ¬ Responder

Comentários - Quando temos sono e não conseguimos dormir

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Martelos e marrettas

Ler próximo texto...

Tema: Ferramentas
Martelos e marrettas\"Rua
Os martelos e as marretas são, digamos assim, da mesma família. As marretas poderiam apelidar-se de “martelos com cauda”. Elas são bastante mais robustas e mantêm as devidas distâncias: o cabo é maior.

Ambos constituem, na sua génese, amplificadores de força destinados a converter o trabalho mecânico em energia cinética e pressão.

Com origem no latim medieval martellu, o martelo é um instrumento utilizado para “cacetear” objectos, com propósitos vários, pelo que o seu uso perpassa áreas como o Direito, a medicina, a carpintaria, a indústria pesada, a escultura, o desporto, as manifestações culturais, etcétera, variando, naturalmente, de formas, tamanhos e materiais de composição.

A diversidade dos martelos é, realmente, espantosa. O mascoto, por exemplo, é um martelo grande empregue no fabrico de moedas. Com a crise económica que assola o mundo actualmente, já se imaginam os governantes, a par dos banqueiros, de martelo em punho para que não falte nada às populações…

Há também o marrão que, mais do que o “papa-livros” que tira boas notas a tudo, constitui um grande martelo de ferro, adequado para partir pedra. Sempre poupa trabalho à pobre água mole…

O martelo de cozinha serve para amaciar carne. Daquela que se vai preparar, claro está, e não da de quem aparecer no entretanto para nos martelar a paciência…!

Já no âmbito desportivo, o lançamento do martelo representa uma das provas olímpicas, tendo sido recentemente adoptado na modalidade feminina. Imagine-se se, em vez do martelo, se lançasse a marreta… seria, certamente, mesmo sem juiz nem tribunal, a martelada que sentenciaria a sorte, ou melhor, o azar de alguém!

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:Martelos e marrettas

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios