Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Saúde > Prisão de ventre e suas causas

Prisão de ventre e suas causas

Categoria: Saúde
Visitas: 30
Comentários: 1
Prisão de ventre e suas causas

A hérnia inguinal se deve a uma projeção do intestino em uma região do abdômen que não apresente resistência muscular, causando sua elevação. Ela é conhecida como inguinal por que ocorre justamente no canal inguinal, que é uma abertura triangular entre as camadas de músculo do abdômen, na região da virilha. A gravidez e a obesidade, e o esforço ao pegar peso e ao evacuar podem, fazer com que o intestino seja empurrado para o canal inguinal, causando a elevação da região da virilha e, em alguns casos, aparada parcial ou total no funcionamento do intestino. O principal tratamento para a hérnia inguinal é o procedimento cirúrgico, que prepara a abertura muscular.

Pólipos colônicos: são pequenas elevações que se formam na mucosa do intestino. Normalmente, os pólipos são benignos, ou seja, não evoluem para tumores. Porém, alguns tipos, geralmente os de tamanhos bem maiores, podem vir a se transformar em câncer. Estes estão sujeitos a desenvolver a pessoas que tenha idade acima de 50 anos, que tenham casos do problema na família, e que adotem hábitos de vida incorretos, como alimentações gordurosas consomem de álcool e cigarro e sedentarismo, alem de peso corporal elevado. A grande parte dos pólipos pequenos não apresenta sintomas, por isso, muitas vezes o problema só é identificado em exames específicos do intestino. Entretanto, alguns podem desencadear sangramento pelo ânus, diarréia ou constipação por mais de uma semana e sangue nas fezes. O tratamento pode ser feito com a remoção dos pólipos e a prevenção consiste em adotar hábitos saudáveis.

Quando acontece o contrario a diarréia ocorre com resultados de infecções, intolerância alimentar, reação a medicamentos, doenças intestinais e se caracteriza por evacuações liquidas, mais de três vezes ao dia. Normalmente a diarréia dura cerca de um a dois dias e acaba sozinha pode ser acompanhada de dor abdominal com sensação de estufamento e náuseas. A diarréia pode se tornar perigosa quando se estender por mais de 3 dias, apresentar dor intensa na região abdominal e do reto, com a temperatura igual ou superior a 38°, sangue nas fezes é um grande sinal de desidratação. Nestes casos, é imprescindível buscar orientação e auxilio medico. Não se esqueça que ao sinal de qualquer distúrbio nas funções intestinais, é bom buscar orientação de um especialista só ele é capaz de fazer o diagnostico exato e recomendar um tratamento de acordo com o seu quadro clínico. Evite consumir medicação por conta própria.

Waldiney Melo

Título: Prisão de ventre e suas causas

Autor: Waldiney (todos os textos)

Visitas: 30

793 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 1 )    recentes

Comentários - Prisão de ventre e suas causas

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

O meu instrumento musical avariou!

Ler próximo texto...

Tema: Instrumentos Musicais
O meu instrumento musical avariou!\"Rua
É inevitável que, mais cedo ou mais tarde, um instrumento musical precise de reparação.

Mesmo que conheçamos bem o nosso instrumento e o consigamos arranjar, na maioria das vezes é necessário um técnico para o fazer com a melhor das qualidades.

Eventualmente, nem será necessário existir um problema com o instrumento, poderá ser apenas uma questão de manutenção. 

No caso de uma guitarra, por exemplo, qualquer instrumentista é perfeitamente capaz de substituir uma corda partida e tirar da guitarra o mesmo som que ela tinha.

No entanto, existem reparações, seja uma amolgadela no tampo ou uma tarraxa arrancada, que convêm ser feitas por técnicos especializados.

Por norma, as próprias casas que vendem instrumentos musicais efectuam essas reparações ou são capazes de aconselhar técnicos para as fazer.

Mediante o instrumento musical em questão, a reparação ou manutenção poderá ser mais cara. É sempre mais fácil arranjar um técnico que repare um piano do que um que arranje oboés.

Apesar de ser normal cuidar do nosso instrumento musical regularmente, os percalços acontecem todos os dias. Para os contornar, há sempre alguém que nos poderá aconselhar melhor do que nós próprios.

Apesar de poder sair mais caro, temos também a certeza de que o nosso instrumento foi arranjado por especialistas no assunto.

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:O meu instrumento musical avariou!

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • luiz fabiano 18-02-2012 às 15:48:28

    boa tarde amigos preciso de um cabo flex da lcd da camera g70 se aulguem tiver mande um email obrigado

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios