Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Saúde > Os nossos pés

Os nossos pés

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Saúde
Visitas: 2
Comentários: 1
Os nossos pés

Os pés são considerados os parentes pobres no nosso corpo. Por isso a maior parte das pessoas não se preocupa e muitas nem gostam dos seus pés.

E quando se preocupam, é apenas a nível de estética e não propriamente de saúde.
O que muitas vezes se esquecem, é que os pés, para além de serem a base de sustentação do nosso corpo, são fundamentais para o nosso equilíbrio e harmonia.

Há poucas sensações mais relaxantes, do que sentir o chão debaixo de uns pés descalços, por exemplo.
Estes podem por exemplo ser os responsáveis por nos sentirmos quentes ou com frio e são ainda indispensáveis para a prática desportiva, pois é neles que nos apoiamos para correr, saltar e realizar outros movimentos.

Por isso, para além de belos há que os manter saudáveis e bem tratados.Ã maior das ameaças aos pés, é o pé- de- atleta, doença mais frequente do que se imagina.
Com efeito esta é a doença mais comum a seguir ao acne.

Esta trata-se de uma infeção nos pés muito comum, que pode ser causada por fungos e por bactérias, necessitando de um tratamento adequado.
Na primeira fase, inicial,há sinais que não se notam muito, mas, depois a infeção pode tornar-se dolorosa e sensível, vermelha, com mau odor e inclusive ficar mesmo em ferida.

O pé- de- atleta é mais comum em climas mais quentes e húmidos, sendo por este motivo, mais frequente nos meses mais quentes do ano.
Está é uma doença que apenas aparece entre os dedos, embora possa ser bastante dolorosa.
Contudo, a forma mais comum desenvolve-se nos espaços interdigitais, podendo estender-se à parte inferior e superior dos dedos.

Há outra infeção, chamada mocassim, caracterizada por descamação e pele espessa com inflamação. Esta desenvolve-se na planta do pé e adota a forma de um chinele ou mocassim.
Em casos moderados a graves a pele pode ficar mais rosa, vermelha, ou ficar gretada, inflamada e com mau odor.

A forma vesicular do pé -de -atleta é, no, etanto a forma mais grave, mas menos comum.
Esta causa habitualmente a formação de pequenas bolhas no peito e planta do pé.
A sua gravidade pode variar desde pequenas bolhas, ou grandes, que podem formar feridas.

Os sintomas característicos são: comichão, inflamação, ardor, fissuras e pele frágil.
Normalmente a seguir á comichão, a pele fica vermelha, inflamada e bastante infetada.
No caso de não ser logo tratada, pode desenvolver-se uma infeção bacteriana, com sintomas mais graves.

O seu tratamento exige uma consulta, a fim de a infeção ser tratada e a pessoa não seja contagiada novamente

Há pomadas que tratam a inflamação e os fungos, embora tenham uma ação mais abrangente.
è necessário ter muito cuidado, quando se vai à piscina ou balneários públicos, ou ainda partilhar objetos com outras pessoas.


Teresa Maria Batista Gil

Título: Os nossos pés

Autor: Teresa Maria Gil (todos os textos)

Visitas: 2

628 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 1 )    recentes

  • Teresa Maria Batista GilTeresa Maria Batista Gil

    17-09-2012 às 14:45:15

    Os pés devem ser sempre bem tratados porque eles suportam todo o nosso peso corporal.Não basta só tomar o banho diário para os lavar mas é conveniente hidratá-los com um creme e massajar.Se não forem limpos e bem secos podem ser alvo de fungos e bactérias, difíceis de controlar.

    ¬ Responder

Comentários - Os nossos pés

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Manutenção Automovel

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Automóveis
Manutenção Automovel\"Rua
Faça você mesmo a revisão do seu automóvel e poupe dinheiro em oficinas. Primeiro verifique com a ajuda de outra pessoa a iluminação exterior. Uma pessoa fica no interior do carro e liga as luzes, verifique á frente os mínimos, os médios, os máximos e os piscas. Depois atrás verifique os mínimos os stop a marcha atrás e o farol de nevoeiro.

A seguir verifique a iluminação do interior do veículo e do painel de instrumentos e a afinação do travão de mão.

Agora está na hora de verificar os filtros de ar, gasóleo e habitáculo. Dependendo da utilização eles podem fazer em média 40.00km, se estiverem sujos substitua-os por novos.

A seguir vem a mudança do óleo este em geral pode-se retirar pelo bujão de vazamento do cárter, convém substituir a anilha e o filtro de óleo. O óleo novo deve respeitar as especificações do fabricante, verificar no livro de manual de utilizador do veículo os litros de óleo do motor. Meter o óleo novo pelo bucal superior do motor com a ajuda de um funil, o nível do óleo não pode ultrapassar o máximo. Se não sabe a quantidade de óleo deite 4 litros e depois verifique o nível pela vareta de verificação de nível e vá deitando até chegar ao nível certo.

Agora é preciso verificar as pastilhas de travões, hoje em dia como quase todos os veículos têm jantes especiais consegue verificar sem desmontar as rodas. Substituir se necessário as pastilhas, ao desmontar repare como desmonta para depois voltar a montar tudo de novo. Por fim verifique a pressão dos pneus com um manómetro, a pressão indicada varia de carro pra carro se não sabe a pressão indicada ponha 2.2bar que é em média a pressão que todos utilizam.

Convém dizer que qualquer material que precise basta procurar numa loja de peças auto próxima de si ou então encomendar via net pois existem vários sites especializados em peças e materiais de manutenção auto. Vai ver que não custa nada se eu aprendi você também pode aprender e além disso fica a conhecer melhor o seu carro.

Com isto tudo pode poupar em média 200€ por cada revisão.
Obrigado e até a próxima.

Outros textos do autor:
Manutenção Automovel

Pesquisar mais textos:

Vendas Online

Título:Manutenção Automovel

Autor:Vendas Online(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Rua DireitaRua Direita

    17-06-2014 às 04:55:10

    Há inúmeros benefícios para fazer a manutenção do automóvel, pois isso garante melhor preservação do veículo e se prolonga o uso por muitos e muitos anos.
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios