Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Saúde > Manifestação da rubéola

Manifestação da rubéola

Categoria: Saúde
Visitas: 84
Comentários: 7
Manifestação da rubéola

Saiba que a infecções e seu período de incubação é calculado desde o contágio até o início da erupção na pele; varia de 14 a 21 dias. Do 10º ao 17 dias a infecção ( aparte do segundo dia ocorre eliminação das partículas virais pelos elementos dos sistemas imune) varia em media 5 dias antes e 7 dias após o início exantema ( grosseirão na pele). A rubéola congênita é infecciosa por período de 12 a 18 meses; o vírus pode ser isolado em urina e secreções. Período prodomico é o período em que ocorrem sintomas clínicos e inespecíficos como febre baixa, leve coriza, diarréia, dores de cabeça, perda de apetite, fraqueza muscular e náuseas.

É muito comum inchaço de gânglios linfáticos (linfonodos) do pescoço e região da nuca que geralmente tornam-se grande e facilmente palpável. Estes sintomas precedem o aparecimento das manchas avermelhadas na pele ou rash-cutâneo- duram de um a 5 dias. Já em bebês e crianças pequenas podem não haver este período, podendo aparecer manchas na pele logo após o contágio. O período exantema da rubéola aparece primeiramente na face e tem caráter centrífugo, direcionando-se gradativamente ao restante da cabeça, pescoço, tronco, mão e pés. A duração desta progressão é variável, mas geralmente leva 24 horas, desaparecido totalmente mo final do 3º dia. Em adultos pode manifestasse com prurido (coceira). A progressão do vírus multiplica-se na faringe e nos órgãos linfáticos e depois se dissemina pelo sangue para pele. Já a disseminação linfonodos dos tecidos é de 7 a 8 dias, ou seja placenta. O período de transmissão é o ano todo, mas quando se manifesta de forma epidêmica pode ter alta prevalência no final da primavera e o inicio do verão.

Quando algum familiar for portador de rubéola a preocupação maior recairá sobre mulheres grávidas e potencialmente grávidas que eventualmente entrem em contato com o portador da infecção. Saiba o que fazer em caso de contato, pois a partir do quarto mês de gestação os riscos de infecção do bebê são menores, mas nem por isso a mamãe deve relaxar quanto à prevenção. Como forma de prevenção, a vacinação é recomendada aos 15 messes de idade é para todos os adultos que ainda não tiveram a doença. Respeite as datas de vacinação de seu filho. Mulheres que não tiveram a doença devem ser vacinadas antes de engravidar. As epidemias de rubéola geralmente ocorrem em círculos de 6 a 10 anos, no período do inverno e da primavera, atingindo principalmente crianças em idade escolar até 9 anos e adolescentes após a vacinação. O surto é gerado por meio de cadeia de transmissão. Os casos são correlacionados e 80% ocorrem pelos homens entre 20 a 39 anos. Os homens precisam entender que eles têm rubéola igualzinha às mulheres e são, hoje, os responsáveis pela circulação do vírus da rubéola congênita no Brasil.

Waldiney Melo

Título: Manifestação da rubéola

Autor: Waldiney (todos os textos)

Visitas: 84

768 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 7 )    recentes

  • M.L.E.- Soluções de Climatizaçãodrgdijikxhgv

    24-03-2013 às 11:09:43

    muito interessante!

    ¬ Responder
  • patypaty

    05-05-2012 às 15:42:39

    estou gravida de 11 semanas fiz exame de sangue deu deu 256 vezes alto indice do anticorpos da rubeula e muito alto nao me lembro ter pego tomei vacina ate 15 anos e na senti nada ate agora

    ¬ Responder
  • luciene araujoluciene araujo

    14-04-2012 às 03:58:26

    gostei muito do site de vc"s...tiram muitas dúvidas.mas por favor, me diga se rubéula coça..ou não, e que meu marido e minha filha estao com o sintoma da rub´rula..e se coçando muito! obrigado!

    ¬ Responder
  • Safyline Import ExportAdriane

    14-11-2010 às 17:23:22

    Minha filha está na escola e uma coleguinha pegou rubéla, foi pedido pra vacinar todas as crianças que tiveram contato com esta coleguinha mas, minha filha estava faltando pq estava resfriada e com febre. Minha filha esta afastada da escola já 5 dias, é necessário vaciná-la? Ela tem 4 anos faz 5 em janeiro onde será dado o reforço de 5 anos.Fui avisada do caso pq a escola ligou pra minha casa. Posso também deixá-la mais uns dias em casa, para não precisar vacinar agora, o que vcs acham?
    Não consegui falar com a pediatra por isso estou escevendo.
    Obrigada.

    ¬ Responder
  • Carlos MagalhãesCarlos Magalhães

    05-07-2010 às 22:14:04

    OLÁ!
    A minha esposa está grávida de 4 mêses de gestação e o que se passou foi o seguinte, ontem esteve em contacto com a mãe de um menino que só soube hoje que tinha rubeola, estou preocupado, será que tem algum mal???

    ¬ Responder
  • madymady

    01-02-2010 às 11:59:24

    bom dia. o meu filho esta com manchas avermelhadas pelo corpo todo e tem inguas nas duas extremidades da cabecinha. ele tem apenas 9 meses. a pediatra dele diagnosticou como sendo virose e passou um xarope e um antibiótico, creio eu. gostaría de receber uma resposta se é mesmo rubeola ou ñ?
    obrigada, mady

    ¬ Responder
  • rosimar silva de almeidarosimar silva de almeida

    22-01-2010 às 00:35:11

    ola minha cunhada esta gravida de 2 meses e descubriu que tem rubeola, o que devemos fazer para nao pegarmos a doença. e ela o que tem que fazer

    ¬ Responder

Comentários - Manifestação da rubéola

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

O Mito da Entrevista de Emprego

Ler próximo texto...

Tema: Empresariais
O Mito da Entrevista de Emprego\"Rua
Aguardando há meses pela oportunidade de um novo emprego e após ser aprovado em várias etapas do processo de seleção eis que surge um empecilho: a entrevista de emprego.

Diversas dúvidas passam pela cabeça do candidato como o que vestir, como sentar-se, qual o tom de voz adequado, o que o entrevistador espera como resposta e como impressioná-lo provando ser a pessoa certa para a vaga a ser ocupada.

A verdade é que não há regra que garanta o sucesso em uma entrevista, porém, algumas atitudes e cuidados precisam ser tomados. Abaixo seguem 10 dicas que auxiliarão o candidato enfrentar essa fase do processo de seletivo de forma mais segura, não importando a área ou cargo pretendido.

1. Seja pontual. A pontualidade é uma forma de demonstrar respeito, consideração e compromisso com a empresa, porém, ser pontual não significa ser precipitado, chegando com muito tempo de antecedência. Para isso programe-se: quanto tempo você levará para chegar até o local combinado para a entrevista? E se houver algum tipo de atraso? Programe-se para que os prazos possam ser cumpridos. Se o atraso for inevitável entre em contato com a empresa e explique o motivo para o mesmo solicitando a possibilidade de remarcar o compromisso.

2. Vista-se de maneira condizente ao cargo que irá ocupar. Mesmo parecendo ser uma superficialidade, a forma como o candidato se veste pode influenciar a decisão do entrevistador, portanto, causar uma boa impressão é essencial. Para isso pesquise o perfil da empresa, se possível observe a forma como os funcionários se vestem e use na entrevista algo um pouco mais formal do que usaria todos os dias para ir ao trabalho.

3. Zele por uma boa aparência. Como descrito acima causar uma boa impressão é essencial, dessa forma, a higiene pessoal é indispensável. Vale ressaltar que perfumes e maquiagem exagerados são pontos negativos em uma entrevista.

4. Tenha em mente suas principais realizações profissionais e as evidencie. Quais os principais desafios que essas lhe trouxeram e o que aprendeu em cada uma delas. Se é seu primeiro emprego vale ressaltar suas experiências escolares e acadêmicas como trabalhos em grupos, projetos realizados, programas de estágio e trainee.

5. Tenha atitudes positivas. Um método de entrevista consiste em perguntas aparentemente absurdas que não possuem, necessariamente, respostas prontas. O que ele deseja na verdade é avaliar seu raciocínio lógico, portanto, seja criativo, argumente e crie estratégias para sair dessa saia justa.

6. Seja genuíno e autentico. Mesmo estando sob pressão seja você na entrevista. Não minta nem use máscaras. O recrutador provavelmente perceberá que você não está sendo sincero.

7. Tenha argumentos. “Por que você quer trabalhar aqui?” ou “Quais serão suas contribuições para essa empresa?” são perguntas básicas em uma entrevista de empregos. Portanto, tenha bons argumentos para esses questionamentos.

8. Mostre-se interessado. Faça perguntas plausíveis ao entrevistador.

9. Seja gentil e educado a todo o momento. Muitas empresas costumam analisar o candidato no momento em que esse inicia o processo seletivo.

10. Mostre-se confiante. Se você fará a entrevista de emprego é porque já passou por outras fases do processo seletivo, ou seja, tem muitos pontos a seu favor. Acredite no seu potencial .

Outros textos do autor:
O Mito da Entrevista de Emprego

Pesquisar mais textos:

Mabelly Venson

Título:O Mito da Entrevista de Emprego

Autor:Mabelly Venson(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios