Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Saúde > Entorse ou distensão

Entorse ou distensão

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Saúde
Visitas: 3.772
Comentários: 3
Entorse ou distensão

Quando nos magoamos e queremos fazer um breve tratamento caseiro, nem sempre sabemos identificar que tipo de lesão temos. Para um leigo na matéria, é difícil diferenciar uma entorse de uma distensão. Procuremos compreender para não sermos apanhados de surpresa da próxima vez.

Uma entorse é uma rutura ou distensão dos ligamentos e tecidos em redor de uma articulação. São mais frequentes nas articulações do tornozelo e punho. Uma entrose pode estar associada a outras lesões, tornando-se, desta forma, difícil de distinguir de uma fratura. Em caso de dúvida, consulte o médico para esclarecer de que lesão se trata afinal.

No caso de entorse, a vítima queixa-se de dor na articulação e na região circundante, bem como perda de força e incapacidade de mover a articulação. Podem surgir equimoses e edemas.

O ideal, de forma a contornar o problema, é colocar a vítima na posição mais confortável possível, evitando mover ou tocar na articulação lesada. Ajude-a a descansar o membro afetado, colocando almofadas sobre o mesmo, de forma a reduzir o inchaço. Aplique uma ligadura, mas sem apertar excessivamente, sobre a articulação lesada. Após 10 minutos, pode colocar gelo diretamente sobre a ligadura, de forma a reduzir o edema e a dor.

Uma distensão é uma rutura ou estiramento das fibras musculares ou dos tendões, resultante de um esforço excessivo e repentino. As distensões são mais frequentes no pescoço, zona lombar, coxa e barriga da perna. Em termos de tratamento, pouco varia em relação ao tratamento de uma entorse.

Nestes casos, a vítima apresenta dor súbita e aguda na zona afetada, rigidez, edema e cãibras no tecido lesionado. Pode ocorrer ainda espasmo paralisante da zona danificada.

De forma a auxiliar a vítima, procura colocá-la numa posição confortável. Evite tocar ou mover a zona lesionada e procure elevar a zona, excetuando se for no pescoço ou costas.

No caso de se tratar de uma lesão nos braços ou nas pernas, utilize uma ligadura elástica. Após 10 minutos de compressão firme, aplique gelo diretamente sobre a ligadura.

Se a lesão for ao nível da lombar, a vítima deverá descansar cerca de uma hora, de forma a aliviar o espasmo muscular.

Procure auxílio médico em ambos os casos. Se na primeira será necessário fazer o despiste de uma possível fratura, no segundo caso será necessário tratamento a longo prazo.


Cláudia Bandeira

Título: Entorse ou distensão

Autor: Cláudia Bandeira (todos os textos)

Visitas: 3.772

371 

a carregar
Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 3 )    recentes

  • Briana AlvesBriana

    12-08-2014 às 22:27:44

    Muito relevante identificar a diferença de entorse e distensão. Às vezes, pode-se pensar que não é nada na hora em que acontece a topagem, mesmo não sentindo dor deve-se procurar um médico para tirar raio x e verificar o que pode ser feito.

    ¬ Responder
  • Josélia Silva

    17-03-2013 às 16:44:42

    Muito interessante as informações, as explicações são compreensíveis e convicentes. Se poss´´ivel, gostaria de receber informações no meu email.

    ¬ Responder
  • O Sucesso2014camila alves

    04-09-2010 às 00:30:19

    Muito convincentes as suas explicaçoes. Parabens!

    ¬ Responder

Comentários - Entorse ou distensão

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.