Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Saúde > Dores nas costas - Corrija a sua postura corporal

Dores nas costas - Corrija a sua postura corporal

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Saúde
Visitas: 2
Comentários: 3
Dores nas costas - Corrija a sua postura corporal

As dores nas costas, que podem localizar-se nas zonas lombar (acima dos quadris), dorsal (a meio das costas) ou cervical (na nuca e na base do pescoço), afetam ou virão a afetar cerca de 8 em cada 10 pessoas. De facto, a coluna vertebral, apesar de sustentar todo o corpo humano e ser responsável por todos os seus movimentos, é também extremamente frágil (porque alberga a medula espinal) e facilmente sujeita a agressões do exterior como, por exemplo, a má postura corporal que adotamos em várias ações do dia a dia.

Saiba, pois, quais os movimentos de risco (ou ausência deles) ou comportamentos que podem fazer perigar a saúde da nossa preciosa (e insubstituível) coluna vertebral. Assim, sempre que alguém apresenta excesso de peso corporal (mais de 10 kgs), o risco de vir a sofrer de dores nas costas aumenta em 25%. O sedentarismo constitui outro fator de risco, pelo que o exercício físico é crucial para combater um dia inteiro sentado/a na cadeira em frente ao computador. Os exercícios deverão incluir alongamentos e outros que favoreçam o fortalecimento muscular e a melhoria da irrigação sanguínea. Por outro lado, carregar pesos excessivos e, pior ainda, de um só lado do corpo, também contribuirá para um desnível na coluna que poderá conduzir a estados dolorosos como a escoliose (assim chamada porque contraída durante o período da infância e juventude, quando se usam a s mochilas penduradas de um só lado do corpo).

O consumo de cigarros e a idade avançada são também fatores de risco, uma vez que a nicotina e o avanço natural da idade destroem a flexibilidade natural das artérias, tornando-as rígidas e suprimindo a sua capacidade de amortecer os choques – esta é a função básica da coluna que, assim, fica comprometida. Para combater os inevitáveis efeitos do avanço da idade, há que se submeter a técnicas de reeducação postural (através de um fisioterapeuta) e aprender a movimentar-se: não se estique para alcançar aquele objeto que está na prateleira de cima – utilize um banco; quando apanhar um objeto do chão, não dobre simplesmente as costas – dobre também as pernas e, de cócoras, apanhe-o; sente-se de forma confortável, com os joelhos acima dos quadris e os pés apoiados (as cadeiras de braços são boas aliadas); ao entrar e sair do carro sente-se e gire o corpo – nunca torça as costas, como habitualmente se faz; finalmente, ao vestir-se e calçar-se, faça-o sentado – as suas costas agradecerão.

E verá que, ao seguir estes conselhos, poderá prescindir definitivamente do rol imenso de analgésicos e anti-inflamatórios que utilizava para minimizar as dores. Cuide da sua saúde!

Isabel Rodrigues

Título: Dores nas costas - Corrija a sua postura corporal

Autor: Isabel Rodrigues (todos os textos)

Visitas: 2

792 

Imagem por: pappajohn1969

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 3 )    recentes

  • Rafaela CoronelRafaela

    25-07-2014 às 02:35:27

    Tenho um problema sério com minha postura. Não consigo manter-me ereta, nem mesmo sentada. Preciso esforçar-me mais para corrigir essa postura, pois futuramente poderá causar muito males!

    ¬ Responder
  • Gabrielly Ester

    24-02-2013 às 19:22:34

    quando chego da escola tenho dores nas costas

    ¬ Responder
  • celocelo

    21-06-2010 às 14:34:16

    gostaria de saber .a dor que sinto , de coluna na regiao do lomba. e sera que e acarretado pelo o esfoço que faço porque meu trabalho e muito pesado pos trabalho com meio fio , muito tempo fui motorista

    ¬ Responder

Comentários - Dores nas costas - Corrija a sua postura corporal

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Dicas para decorar salas pequenas.

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Decoração
Dicas para decorar salas pequenas.\"Rua
A realidade das grandes cidades é que a maioria das pessoas mora em espaços pequenos. É fato também que todos desejam ter um ambiente acolhedor e aconchegante para receber amigos. Em contrapartida, na medida em que os espaços encolhem, a quantidade de aparelhos eletrônicos que utilizamos aumenta cada vez mais. Há ainda quem use a sala como home-office.

Nesta busca de inspiração para organizar e incrementar sua sala, encontramos uma série de sites especializados e blogs com muitas, muitas ideias. O conceito de D.I.Y. (do it yourself) que significa "faça você mesmo” nunca esteve tão na moda. É uma alternativa para reduzir gastos com mão de obra e nada melhor do que criar um espaço com um toque todo seu. Inspirações e ideias não faltam. Hoje, de certa forma todos nos sentimos meio decoradores.

Mas planejar a decoração de uma sala pequena exige alguns cuidados para que o ambiente não fique entulhado de móveis, disfuncional ou até mesmo desagradável.

Confira algumas dicas para decorar sua sala com estilo e valorizando seu espaço:
Os espelhos, além da autocontemplação, causam efeitos interessantes. Aplicados, por exemplo, em uma parede inteira pode duplicar a amplitude do ambiente. Pode ser usado também em móveis, tetos, em diversos formatos e valorizar a luminosidade da decoração.

As cores tem poder de causar sensações. Em ambientes com pouco espaço, elas podem colaborar para que a sensação de amplitude possa tanto aumentar quanto diminuir. Para pintar as paredes de sua sala aposte em cores claras. O teto com uma cor mais clara que a das paredes, por exemplo, pode simular uma elevação do teto, já em uma cor mais escura, promoverá uma sensação de rebaixamento do teto.

A escolha e posição dos móveis são um aspecto muito importante. Opte por poucos móveis, nunca de tamanhos exagerados e posicione-os de forma que valorize o espaço. Móveis que misturam poucos materiais, baixos e com linhas retas proporcionam leveza ao ambiente.

Uma solução muito interessante para espaços pequenos é a utilização de prateleiras. Caixas para produtos horto frutícolas reformadas podem se tornar lindas prateleiras. Mas cuidado com a profundidade, para não atrapalhar na disposição de outros móveis e objetos.

Móveis multifuncionais ou móveis inteligentes são excelentes alternativas para uma sala pequena. Um bom exemplo são pufes, que podem ser usados como mesas de centro ou ficarem alojados debaixo de aparadores e quando recebemos visitas podem se transformar em assentos extras. Mesas dobráveis também são uma ótima opção.

Escolher o mesmo piso ou revestimento pode dar a impressão de área maior, de continuidade. Mudanças drásticas de um ambiente para outro pode causar a sensação de divisão e consequentemente fazer parecer menor.

Algumas outras dicas: um sofá retrátil ou reclinável garante muito mais conforto e ocupa o espaço de um sofá simples. Suporte ou painéis móveis para TV possibilitam que ela seja movida na direção desejável. Caso o ambiente tenha escadas, escolher um modelo de escadas vazadas evita divisões e pode se tornar uma peça de destaque na sala. E para as cortinas, escolha tecidos leves, lisas e sem estampas.

De qualquer forma, ouse, não tenha medo de arriscar, crie, não copie, só assim será seu!

Luciana Santos.

Outros textos do autor:
Dicas para decorar salas pequenas.

Pesquisar mais textos:

Luciana Maria dos Santos

Título:Dicas para decorar salas pequenas.

Autor:Luciana Maria Santos(todos os textos)

Imagem por: pappajohn1969

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Carlos Rubens Neto 16-06-2016 às 16:20:24

    Excelente matéria! Parabéns Luciana ;)

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios