Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Saúde > Diabetes uma doença perigosa

Diabetes uma doença perigosa

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Saúde
Visitas: 2
Diabetes uma doença perigosa

O diabetes é uma doença decorrente da falta de produção de insulina no nosso organismo , a insulina é produzida pelo pâncreas e realiza o metabolismo da glicose.

Com o metabolismo da glicose realizado de maneira ineficaz,ocorre que nosso organismo fica com taxas elevadas de açucar no sangue chamado hiperglicemia, resultando na diabetes.

Existem dois tipos mais comuns de diabetes:

Diabetes tipo 1 : Esse tipo de diabetes é minoria nos casos,ocorrendo em cerca de 5 a 10% das pessoas que adquirem a diabetes.Nesse tipo de diabetes ocorre a destruição das células responsáveis pela produção de insulina , nesse caso os anticorpos atacam as células e as destroem causadas por um problema no sistema de defesa do organismo;




Diabetes tipo 2: É o tipo mais comum de diabetes que acomete as pessoas ocorrendo em cerca de 90% dos casos.Nesse tipo de diabetes a insulina apresenta dificuldades na sua secreção.

Os sintomas de diabetes geralmente são sede excessiva, fome, cansaço e fadiga, formigamento nos pés e mãos, emagrecimento, visão embaçada, dificuldade na cicatrização e infecções.

Uma pessoa portadora de diabetes deve começar o tratamento imediatamente após a descoberta da doença, sob risco de desenvolver sérios problemas de saúde que podem inclusive levar ao óbito como lesões no olho, falência parcial ou total dos rins, feridas e infecção nos pés que podem levar a amputação do mesmo, enfarte e acidente vascular cerebral.

Por ser uma doença que em seu estágio inicial não apresenta muitos sintomas, é dificil diagnosticar a doença no início por isso é muito importante que as pessoas periodicamente façam o teste de diabetes.

É de suma importância que pessoas portadoras de diabetes mudem sua alimentação evitando doces, refrigerantes e tudo que contenha açúcar, pratiquem atividade física regular, tome todos os medicamentos de maneira correta e ao sinal de lesões nos pés ou em qualquer outro lugar procurar imediatamente o médico, se a lesão aumentar e infeccionar a pessoas pode perder uma parte do corpo, ou no pior dos casos, até vir a falecer.

Para prevenção do diabetes recomenda-se evitar o fumo, fazer exercícios, evitar comer alimentos ricos em açúcar, fazer controle de peso e sempre estar de olho em sua pressão arterial.

Se descoberto no início e seguindo as orientações médicas, uma pessoa diabética atualmente pode levar uma vida praticamente normal e ser totalmente independente


Nilson Empreendedor

Título: Diabetes uma doença perigosa

Autor: Nilson Empreendedor (todos os textos)

Visitas: 2

649 

Comentários - Diabetes uma doença perigosa

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Martelos e marrettas

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Ferramentas
Martelos e marrettas\"Rua
Os martelos e as marretas são, digamos assim, da mesma família. As marretas poderiam apelidar-se de “martelos com cauda”. Elas são bastante mais robustas e mantêm as devidas distâncias: o cabo é maior.

Ambos constituem, na sua génese, amplificadores de força destinados a converter o trabalho mecânico em energia cinética e pressão.

Com origem no latim medieval martellu, o martelo é um instrumento utilizado para “cacetear” objectos, com propósitos vários, pelo que o seu uso perpassa áreas como o Direito, a medicina, a carpintaria, a indústria pesada, a escultura, o desporto, as manifestações culturais, etcétera, variando, naturalmente, de formas, tamanhos e materiais de composição.

A diversidade dos martelos é, realmente, espantosa. O mascoto, por exemplo, é um martelo grande empregue no fabrico de moedas. Com a crise económica que assola o mundo actualmente, já se imaginam os governantes, a par dos banqueiros, de martelo em punho para que não falte nada às populações…

Há também o marrão que, mais do que o “papa-livros” que tira boas notas a tudo, constitui um grande martelo de ferro, adequado para partir pedra. Sempre poupa trabalho à pobre água mole…

O martelo de cozinha serve para amaciar carne. Daquela que se vai preparar, claro está, e não da de quem aparecer no entretanto para nos martelar a paciência…!

Já no âmbito desportivo, o lançamento do martelo representa uma das provas olímpicas, tendo sido recentemente adoptado na modalidade feminina. Imagine-se se, em vez do martelo, se lançasse a marreta… seria, certamente, mesmo sem juiz nem tribunal, a martelada que sentenciaria a sorte, ou melhor, o azar de alguém!

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:Martelos e marrettas

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios