Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Saúde > Cãibra uma dor grande

Cãibra uma dor grande

Categoria: Saúde
Comentários: 1
Cãibra uma dor grande

Saiba que a cãibra não é desencadeada pela pratica de exercícios físicos, mas muitos acreditam que sim. Elas também podem aparecer em gestante, em dias frios quando os membros inferiores não estão aquecidos adequadamente, também pode aparecer em pessoas com problemas vasculares, em movimento repetitivo no trabalho ou até mesmo com efeitos colaterais de algum remédio.

A cãibra pode se caracterizar por espasmo intenso, ou contração súbita dos músculos. Muitas pessoas definem como uma puxada no músculo seguida de uma dor intensa. Mas esta contração pode ocorrer em um determinado músculo ou em um grupo muscular, que se contrai vigorosamente de forma muito dolorosa, a dor é tão intensa que parece ser proporcionada ao número total de unidades ativas, ou seja, quanto maior for o número de massa muscular envolvida, muito maior será a dor.

Os fatores mais freqüentes podem determinar a ocorrência de cãibra, tais como: perda excessiva de água e sais minerais, como sódio e potássio, baixo açúcar no sangue. E saiba que estas contrações são de origem nervosa ou neuromuscular, esse bloqueio muscular aparece geralmente nos musculares súbitas, ou articulares, ísquios, bicípite, tricípites (longa porção) e barriga da perna. Através da transpiração, ou acúmulo excessivo de ácido láctico no músculo em conseqüência de grande esforço físico, ou deficiência de fluxo sanguíneo.

Saiba como preveni-la, segundo essas orientações como: sempre mantenha uma alimentação balanceada em sais minerais, rico em potássio, como banana e água de coco, leite ou uma fatia de pão. Aprenda a beber água ou isotônico quando estiver fazendo exercício de 20 em 20 minutos, um copo de água de 250 ml ou 350 ml; como banana e laranja para abastecer de potássio, antes ou depois dos exercícios. Alonguem bem a musculatura antes de fazer os exercícios, e se essa dor aparecer novamente alongue os músculos afetados, e aplique toalhas quente, e massageei com as mãos, até voltar ao normal.

Saiba que não existe causa aparente para essas fisgadas musculares, principalmente na panturrilha, que não esteja associado a exercícios físicos, dizem os médicos que ataques de cãibra as noites são bastante comuns principalmente em pessoas mais velhas. Elas podem ser muito doloridas, mais não é perigosa. Também é o ideal para prevenir as cãibras é fazer aeróbicos e anaeróbicos, alimente-se de forma equilibrada e variada, se necessário, fazer suplementação vitamínica. Uma alimentação é necessária e fundamental principalmente após o relaxamento dos músculos



Waldiney Melo

Título: Cãibra uma dor grande

Autor: Waldiney (todos os textos)

Visitas: 0

703 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 1 )    recentes

  • Francisco GomesFrancisco Gomes

    30-09-2010 às 12:40:56

    Prezados Senhores,

    Tenho tido ultimamente muitas dores de caimbra intença de madrugada, existe alguma medicação p/aliviar essa dor.

    Desta já agradeço sua dica.

    Atenciosamente,

    FRANCISCO GOMES

    ¬ Responder

Comentários - Cãibra uma dor grande

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

O meu instrumento musical avariou!

Ler próximo texto...

Tema: Instrumentos Musicais
O meu instrumento musical avariou!\"Rua
É inevitável que, mais cedo ou mais tarde, um instrumento musical precise de reparação.

Mesmo que conheçamos bem o nosso instrumento e o consigamos arranjar, na maioria das vezes é necessário um técnico para o fazer com a melhor das qualidades.

Eventualmente, nem será necessário existir um problema com o instrumento, poderá ser apenas uma questão de manutenção. 

No caso de uma guitarra, por exemplo, qualquer instrumentista é perfeitamente capaz de substituir uma corda partida e tirar da guitarra o mesmo som que ela tinha.

No entanto, existem reparações, seja uma amolgadela no tampo ou uma tarraxa arrancada, que convêm ser feitas por técnicos especializados.

Por norma, as próprias casas que vendem instrumentos musicais efectuam essas reparações ou são capazes de aconselhar técnicos para as fazer.

Mediante o instrumento musical em questão, a reparação ou manutenção poderá ser mais cara. É sempre mais fácil arranjar um técnico que repare um piano do que um que arranje oboés.

Apesar de ser normal cuidar do nosso instrumento musical regularmente, os percalços acontecem todos os dias. Para os contornar, há sempre alguém que nos poderá aconselhar melhor do que nós próprios.

Apesar de poder sair mais caro, temos também a certeza de que o nosso instrumento foi arranjado por especialistas no assunto.

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:O meu instrumento musical avariou!

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • luiz fabiano 18-02-2012 às 15:48:28

    boa tarde amigos preciso de um cabo flex da lcd da camera g70 se aulguem tiver mande um email obrigado

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios