Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Outros > Por que ainda estou solteira?

Por que ainda estou solteira?

Categoria: Outros
Visitas: 8
Comentários: 4
Por que ainda estou solteira?

Foram-se os tempos em que um relacionamento passava por fases bem distintas e em uma seqüência crescente de eventos. Antigamente enamorava-se, namorava-se, noivava-se e casava-se, com todo o glamour que a data permite e poucos se separavam. Hoje esses eventos não acontecem nessa ordem e muitos nem chegam a acontecer. Namorados podem ser “namoridos”, quando a relação é mais intensa que um namoro, mas não tem as cerimônias e os rituais que envolvem um casamento. A mulher antigamente era preparada para o casamento. Hoje a mulher é despreparada para o casamento. Outras são as prioridades femininas nessa modernidade. As mulheres preparam-se para estudarem, especializarem-se e para elaborar em suas mentes um príncipe encantado que na maioria dos casos nunca virá.

Antigamente ara mais difícil ser sozinha. Mulher solteira com certa idade era vista com maus olhos, afinal mulher séria, “de família”, casava-se. E quanto mais cedo melhor, mais bem encaminhada estava a filha. Entretanto, em muitas casas, a felicidade não era tão grande quanto se achava.  Hoje, com toda a emancipação feminina e todos os direitos de igualdade adquiridos pelas mulheres, o casamento tornou-se uma consequência para a felicidade da mulher. Não se vive mais idealizando um casamento. Outros são os trabalhos a realizar, além dos cuidados com o lar. Filhos também são queridos, mas ficam em segundo plano. O primeiro plano é adquirir equilíbrio financeiro e emocional. Para aí sim, com mais segurança, alçar voos maiores.

A figura da mulher conseguiu atingir muitos espaços antes nunca imaginados pelo universo masculino, machista e também pela sociedade. As mulheres adquiriram voz de comando, são gestoras, executivas, professoras, engenheiras, arquitetas e médicas, entre tantos outros campos de trabalho. Também são mães, mulheres e donas de sua casa própria. Diante disso, muitos homens se assustam ou se incomodam com tanta iniciativa e liderança. Está havendo em muitas famílias uma inversão dos padrões tidos como normais. Há mulheres trabalhando fora e homens cuidando da casa e dos filhos. O que não é errado, cada família estrutura-se da forma que melhor se adequar.

O problema de tanta emancipação ou modernidade para alguns é que as mulheres encontraram junto com todas estas conquistas uma que não é muito agradável. Hoje se vê cada vez mais mulheres sozinhas. A solidão tem chegado devido à falta de comprometimento masculino, a falta de iniciativa masculina ou a falta de iniciativa própria a fim de conquistar e ser conquistado. Muitas mulheres se acomodam querendo viver o que se vivia há muito tempo atrás. Esperar que o homem venha tirá-la pra dançar e que daí nasça o amor verdadeiro e eterno. Na verdade hoje esse tipo de amor, embora exista, pertence mais aos contos de fadas. Pessoas ligadas ao mundo contemporâneo querem mais praticidade, já partem logo para os objetivos finais sem se ater muito aos procedimentos ou preliminares. Casa-se hoje antes de noivar-se. Separa-se antes de conhecer-se de fato. Tudo muda muito rápido e o que parecia ser verdadeiro e eterno acaba como um consumo desenfreado; cansa.

Os homens querem as mulheres de antigamente, embora prefiram estar com as mulheres modernas. As mulheres querem homens modernos, embora prefiram os de antigamente. Talvez um dia as dualidades se encontrem no tempo e proporcionem relacionamentos menos vazios e mais intensos. Relações mais inter-pessoais e menos sociais. Enquanto isso é de se pensar se não é natural e comum ainda estar sozinha quando todos têm pensado muito individualmente esquecendo do outro.


Rosana Fernandes

Título: Por que ainda estou solteira?

Autor: Rosana Fernandes (todos os textos)

Visitas: 8

714 

Imagem por: § Mary §

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 4 )    recentes

  • Rafaela CoronelRafaela

    28-07-2014 às 06:21:19

    Estar solteira não é tão ruim assim. Há grandes momentos para apreciar a vida, antes de assumir um compromisso. Para mim, a mulher solteira deve aproveitar esses momentos, mas quando decidir casar tem que se doar completamente, sem reservas!

    ¬ Responder
  • Carla HortaCarla Horta

    16-09-2012 às 22:32:37

    Ainda existe o estigma das mulheres solteiras. Apesar de já vivermos num mundo em que é normal as mulheres serem independentes e optarem por não casar nem terem relações em que vivam com alguém, ser solteira ainda é motivo de falatório. Podendo ou não ser uma opção, ser solteira é bom e os aspectos positivos são inúmeros.

    ¬ Responder
  • michelemichele

    04-03-2011 às 13:35:05

    nunca tive alguem que se importasse realmente com migo por conseqüência nunca fui amada ???

    ¬ Responder
  • EduardoEduardo

    07-04-2010 às 10:50:33

    Porquê você ainda não me conheceu,ou melhor é porquê ainda não tivemos a oportunidade de nos conhecermos,porquê eu também estou sozinho e quem sabe somos realmente feitos um para o outro!Beijo Eduardo

    ¬ Responder

Comentários - Por que ainda estou solteira?

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Como fazer disfarces de Carnaval

Ler próximo texto...

Tema: Vestuário
Como fazer disfarces de Carnaval\"Rua
O ano começa e depressa chega uma data muito ansiada principalmente pelos mais jovens: o desejado Carnaval!

Esta é uma data que os pequenos adoram e deliram com as fantasias. O problema maior é a despesa que os disfarces representam e no ano seguinte já não usarão o mesmo disfarce ou, no caso dos mais pequenos, já não lhes serve.
O melhor nesta data é mesmo reciclar e aprender a fazer disfarces caseiros utilizando truques mais económicos e materiais reciclados para preparar as fantasias dos pequenitos!

Uma sugestão para os meninos é o traje de pirata que pode facilmente ser criado a partir de peças que tenha em casa. Procure uma camisa de tamanho grande e, de preferência, de cor branca com folhos. Se não tiver uma camisa com estas características facilmente encontrará um modelo destes no guarda-vestidos de alguma familiar, talvez da avó.

Precisará de um colete preto. Na falta do colete pode utilizar um casaco preto que esteja curto, rasgue as mangas pelas costuras dos ombros. As calças devem ser velhas e pretas para poderem ser cortadas na zona das pernas para envelhecer a peça. Coloque um lenço preto ou vermelho na cabeça do menino e, de seguida, com um elástico preto e um pouco de velcro tape um dos olhos.

Para as meninas não faltam ideias originais para fazer disfarces bonitos e especiais para este dia. Uma ideia original é a fantasia de Flinstone. É muito fácil e prática de fazer e fica um disfarce muito bonito. Comece por arranjar um pedaço de tecido branco. Coloque o tecido em volta do corpo como uma toalha de banho e depois amarre num dos braços fazendo uma alça. Depois corte as pontas em ziguezague mantendo um lado mais comprido que o outro. Amarre o cabelo da menina todo no cimo da cabeça, como se estivesse a fazer um rabo-de-cavalo mas alteie-o mais. Com o auxílio de um pente frise o cabelo, pegando nas pontas e passando o pente em sentido contrário até que fique todo despenteado. Numa loja de disfarces compre um osso de plástico e prenda na fita da criança.

Pegue nos materiais, puxe pela imaginação e ponha mãos ao trabalho!

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:Como fazer disfarces de Carnaval

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Imagem por: § Mary §

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Rua DireitaRua Direita

    09-06-2014 às 04:01:21

    Não em carnaval, mas em bailes de fantasia, sempre usei o TNT. Eles são ótimos para trabalhar o corte, para costurar e deixa bem bonito!
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios