Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Outros > O Amor

O Amor

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Outros
O Amor

A palavra amor tem muitos significados na língua portuguesa. Pode significar afeição, compaixão, misericórdia, inclinação, atração, apetite, paixão, satisfação, conquista, desejo, libido, etc. O conceito mais popular de amor envolve a formação de um vínculo emocional com alguém ou com algum objeto que seja capaz de receber este comportamento amoroso e enviar os estímulos sensoriais e psicológicos necessários para a sua manutenção e motivação.

Quando falamos de amor podemos referir-nos a vários tipos de amor como, amor físico, amor platónico, amor materno, amor a Deus, amor à vida, entre outros.

Amor platónico é um amor impossível de se realizar, um amor perfeito, ideal, puro e casto. A expressão amor Platónico é uma interpretação equivocada do conceito de Amor na filosofia de Platão.

Todos precisam de amor e querem reconhecer esse sentimento em si e nos outros, não importando a idade ou o sexo. O amor é vital para as nossas vidas como o ar e é notoriamente reconhecido que sem amor a criatura não sobrevive.

Quem tende a ter este estilo de amor valoriza a confiança mútua. O romance começa de maneira tão gradual que os parceiros nem sabem dizer quando exatamente. A atração física não é o principal. Os namorados-amigos não tendem a ter relacionamentos calorosos, mas sim tranquilos e afectuosos. Preferem cativar a seduzir. E, em geral, mantêm ligações bastante duradouras e estáveis. O que conta é a confiança mútua e os valores partilhados.
A palavra amor pode ser entendida também como sexo, quando usada em expressões como "fazer amor".

A atração física reside nos nossos instintos ligados ao nosso estado fisiológico como as necessidades sexuais.

Manifestada a paixão em devidas circunstâncias, o indivíduo tende a ser menos racional. Sendo assim, o apaixonado pode ultrapassar os seus limites a nível da razão e, em situações extremas, leva à obsessão.

O Amor Interpessoal refere-se ao amor entre os seres humanos. É um sentimento mais potente do que um simples gostar entre duas ou mais pessoas. Sem amor refere-se aos sentimentos de amor que não têm reciprocidade. Amor Interpessoal é mais associado a relações interpessoais. Tal amor pode existir entre familiares, amigos e casais. Há também uma série de distúrbios psicológicos relacionados com o amor.


Daniela Vicente

Título: O Amor

Autor: Daniela Vicente (todos os textos)

Visitas: 0

601 

Comentários - O Amor

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.