Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Outros > Ivan

Ivan

Categoria: Outros
Ivan

Quando entrei naquela sala,não preciso nem mencionar que tipo de sala era.Nós dois já estamos cansados de saber que essa vai ser uma informação sigilosa,mantida assim durante muito tempo até um dos dois abrir a boca sem querer.

Mas voltando a sala,eu estava muito mal naquele dia.Não sei se você se tocou disso,mas realmente estava só o pó.Cansada,com sono sem conseguir dormir,com dor de cabeça,dor pelo corpo todo,garganta dolorida todos esses sintomas ainda são poucos para descrever o meu estado físico aquele dia.

Porém,eu queria e precisava me distrair.Já não restava mais nada mesmo,já que nem dormir eu conseguia.

O fato de estar na internet,não significa que eu estava procurando alguma coisa.Álias,eu acho que nem estava propensa a isso.

Quando,você me abordou eu não estava minimamente interessada em conversar com você(devido ao fracasso das conversas anteriores com outras pessoas).

Como que alguém entra com um nick indicando que está doente,e todos perguntam - e ai,tudo bem?

Ninguém merece.Você também fez isso,mas soube ir muito além do oi tudo bem,vc fala de onde.

Você conseguiu me distrair,tirar o foco da minha dor e soube inclusive me fazer rir(apesar que eu nem estava podendo rir).Resolvi pedir msn,telefone,endereço seja o que for porque eu queria continuar falando com você.

Adorei o seu jeito de conversar.Leve,solto,distraído!

Era claro que eu não queria perder você de vista.Provavelmente você achou estranho eu pedir seu telefone.Mas eu não importei,com que você pudesse vir a pensar ou não.Eu somente queria falar com você,quer dizer continuar falando com você.

Eu gostei de você por você ser inteligente,fofo,meloso(é breguinha isso,mas eu gosto),romântico.E você é muitooooo espontâneo e eu amo pessoas espontâneas.

Adoro quando você me liga,e fico triste quando você não atende ou não retorna.Estou meio viciada em falar com você.Minto,estou completamente viciada.

Eu adoro você de verdade.Sei que você espera muito mais do que um simples eu te adoro.Mas eu não sei demonstrar ou escrever isso de outras maneiras.Quero ter ver amanhã,quero beijar você,quero ficar com você.

Não só hoje,mas muitos outros dias.Para sempre.

Ah,eu adoro a idéia de você fazer mestrado.É um fato na verdade!Eu odeio estudar,mas eu gosto de pessoas que gostam de estudar.Eu também gostaria de ser assim...Também gostaria de ser tão inteligente como você.Eu sinto muito mas muito ciúme de você,me desculpe por isso mas é meio inevitável para mim.

Outra coisa que eu gosto em você é o fato de você ser ambicioso e não querer apenas ser gerente de não sei qual área.Ambição é uma coisa ótima.Isso soa bem pouco católico...Eu sei!Mas isso é uma das coisas que eu discordo do catolicismo.

Eu não tenho nada contra a sua família,nem ofenderia ninguém da sua família.Primeiro porque são pessoas que você ama e segundo porque eu não ofenderia a família de ninguém...Ainda mais se eu gosto da pessoa em questão.Isso não significa que eu queira morar com a sua mãe,ou que queira que ela more conosco.Só para frizar rs.

E eu quero casar com você SIM!E odeio quando você fala se a gente casar...Eu odeio esse maldito SE.

Eu não quero que você case com ninguém!Principalmente,se for alguém inferior a mim.

Como parece ser todas essas pessoas que você vive citando nas nossas conversas.Ou seja,não me compare com nenhuma vaca porque eu não te comparei com ninguém.Nem com o Beckham eu te comparei (percebeu que eu acho ele bonito?).Porque para mim você é INCOMPARÁVEL!

Não precisa ter medo da minha irmã,ela nunca matou ninguém...Ainda.

Para finalizar,você é meu lindinho,fofinho,bebezinho,amorzinho,gatinho.

Adoro você,

Mil beijos na boca e naquele outro lugar do desafio.

Gabi

P.S 1 :Agora vou cobrar uma aliança rs.
P.S 2 : Ninguém mandou brincar.


Gabriela Torres

Título: Ivan

Autor: Gabriela Torres (todos os textos)

Visitas: 0

601 

Comentários - Ivan

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

O que é uma Open House?

Ler próximo texto...

Tema: Imóveis Venda
O que é uma Open House?\"Rua
Este é um tema que vem pôr muito a lindo o trabalho de alguns mediadores imobiliários e do seu trabalho.

Quando temos um imóvel para vender, muitos são os métodos a utilizar e os meios que nos levam até eles para termos o nosso objetivo cumprido – A venda da Casa.
Quando entregamos o nosso imóvel para que uma mediadora o comercialize, alguns aspetos têm de ser tidos em conta, como a legalidade da empresa e quem será a pessoa responsável pela divulgação da sua casa, mas a ansia de vermos o negócio concretizado é tanta, que muitas vezes nos escapa a forma como fazem a referida divulgação e publicidade do imóvel.

Entre anúncios na internet e as conhecidas folhas nas montras dos estabelecimentos autorizados, muitas mediadoras optam por fazer uma ação que está agora muito em voga que é uma Open House. Mas afinal, o que é isto de nome estrangeiro que tanto se vê pelas ruas e em folhetos de anúncio?

Ora bem, a designação em Português é muito simples – Casa Aberta. E na realidade, uma Open House é isso mesmo. Abrir uma Casa para que todos a possam ver. NO entanto, requerem-se alguns aspetos que as mediadoras normalmente preveem, mas que é fundamental que o proprietário do imóvel também tenha consciência e conhecimento.

Por norma as imobiliárias só fazem este tipo de intervenção e ação em imóveis que têm como exclusivo, isto é, quando é uma só determinada mediadora, a autorizada a poder comercializar o imóvel.

Em segundo lugar, este tipo de ação de destaque requer à mediadora custos com tempo, recursos humanos e financeiros.
A mediadora começa por marcar um dia próprio que por norma é datado para um feriado ou fim de semana. Faz então publicidade local através de folhetos e flyres anunciando a Open House, o dia e a hora, tal como o local. Muito provavelmente serão tiradas fotografias ao seu imóvel.

Através de redes sociais também poderão ser divulgadas as ações.
No dia da Open House, o local será indicado com publicidade da sua casa e da imobiliária e começarão a aparecer visitas ao imóvel.

Sugiro que não tenha mobiliário e muito menos valores em casa. O ideal será o imóvel estar desocupado de todos e quaisquer bens, por uma questão de segurança, mas também porque as áreas parecerão maiores e isso com toda a certeza ajuda à venda.

A imobiliária será responsável pela limpeza e trato do imóvel, pelo que se ocorrerem danos, serão eles os responsáveis.
Neste tipo de ações, é normal que a concorrência das imobiliárias apareça e faça parcerias que para si só trará vantagens.

Uma Open House pode não ser uma ação de destaque em Portugal, mas por exemplo nos Estados Unidos, é o normal e mais agradável. Os clientes não se sentem pressionados como numa visita normal e os negócios concretizam-se com muito mais rapidez e naturalidade.

Pesquisar mais textos:

Carla Horta

Título:O que é uma Open House?

Autor:Carla Horta(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios