Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Outros > Como pedir dinheiro emprestado a um amigo

Como pedir dinheiro emprestado a um amigo

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Outros
Visitas: 130
Comentários: 9
Como pedir dinheiro emprestado a um amigo

Os bancos estão aptos a fazer empréstimos para empresas e pessoas físicas, mas para isso, é preciso oferecer garantias e atender as exigências que a instituição financeira determina como pré-requisitos para viabilizar o empréstimo.

O crédito consignado cresceu muito no Brasil nos últimos tempos, mas essa modalidade de empréstimo que para os bancos é uma das mais seguras, o solicitante precisa ser cliente do banco ou ser funcionário público, aposentado ou pensionista do INSS para ser contemplado com esse serviço, mas essa não é a realidade de todos que estão sem capital.

Para os que não têm fontes de garantia, emprego formal ou que está com restrição de crédito e precisando de dinheiro com urgência, o jeito é pedir emprestado a um amigo. Pedir dinheiro emprestado é motivo de vergonha para algumas pessoas. Os motivos desse constrangimento estão ligados ao orgulho, pois ao pedir irá se expor, o que para muita gente é razão de vergonha ao pensar que outras pessoas saberão as sua real situação. Outro motivo que desconforta é saber o momento certo para falar com o amigo de modo que ele se sensibilize e não negue o pedido.

De fato é um assunto que tira o sono de muita gente, mas não há razão para ficar gerando tanta ansiedade, afinal, se o amigo não emprestar, logo saberá.




Quando for falar sobre o empréstimo com seu amigo, converse a sós para que tanto você quanto ele se sintam a vontade, participação de terceiros nessa hora só servirá para aumentar a dificuldade que tem de tocar no assunto e dará ao amigo maior liberdade para responder. Procure falar da maneira mais clara que puder sem ficar inventando rodeios para chegar ao ponto. Essa atitude sugere que o valor a ser solicitado é muito alto e cria expectativa negativa de suspense.

Antes de falar com o amigo, faça as contas e analise quanto tempo levará para pagar e, se for parcelado, em quantas vezes. É importante conversar apresentando soluções da sua parte e boa vontade para quitar seu compromisso.

Assuma uma postura positiva diante dele, olhe nos olhos e fale com tranquilidade, como se estivesse falando de outro assunto confidencial. O amigo perceberá pela sua leitura corporal que tem reais intenções de cumprir com o compromisso de pagamento.

Lembre-se: é muito importante de fato pagar caso consiga o dinheiro emprestado para não perder o amigo, se precisar outra vez, terá um voto de confiança dele.

Boa sorte!


Sílvia Baptista

Título: Como pedir dinheiro emprestado a um amigo

Autor: Sílvia Baptista (todos os textos)

Visitas: 130

806 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 9 )    recentes

  • SophiaSophia

    23-05-2014 às 19:57:15

    Só em último caso é que se deve pedir dinheiro emprestado a um amigo. E precisa ser de muita confiança e com responsabilidade!
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder
  • Carla HortaCarla Horta

    16-09-2012 às 16:37:23

    Olá Sílvia. Consegue perceber-se quase imediatamente a ideia do texto. Recorrer a um amigo é sempre difícil e constrangedor, mas alguns factores da nossa vida podem obrigar-nos a isso. No entanto, pagar é imprescindível, até porque se pagarmos o assunto fica em silencio, mas se for ao contrário toda a gente acabará por saber.

    ¬ Responder
  • Sílvia BaptistaSílvia Baptista

    29-10-2012 às 12:56:19

    Oi Carla, tem toda a razão.

    Obrigada pelo comentário e pela participação de ideias que acrescentou.

    ¬ Responder
  • Sílvia BaptistaSílvia Baptista

    31-07-2012 às 10:29:27

    Se precisar pedir dinheiro emprestado, é hora de levantar a cabeça e assumir uma postura de quem sabe o que está fazendo, nada de ficar parecendo uma pessoa derrotada, sofrida, pessimista, ao contrário, é hora de parar de se criticar pensando no que fez de errado e partir para um novo recomeço.

    ¬ Responder
  • Sílvia BaptistaSílvia Baptista

    30-07-2012 às 10:56:48

    A abordagem desse texto é para quem não tem garantias de renda e não pode utilizar os meios maios comuns de empréstimo, sendo que a solução para uma causa imediata seria recorrer à ajuda de um amigo, mas até o melhor amigo precisa de um prazo para saber quando será pago. É preciso ser muito criterioso quanto a esse detalhe. Se não tem certeza que pagará daqui a um mês, é melhor estender o prazo do pagamento. E tem mais; pode ser que o amigo não disponha do valor total. Tenha maturidade para entender e não ficar imaginando coisas absurdas.

    ¬ Responder
  • Sílvia BaptistaSílvia Baptista

    30-07-2012 às 10:55:54

    Não há motivos para se envergonhar por estar descapitalizado (a) temporariamente, afinal, até algumas grandes empresas tem histórico de quebra de capital. O que importa é a real intenção de pagar ao amigo logo que possível.
    Quando citei que o ego é o principal motivo do constrangimento, é que ao seguirmos um determinado conceito social, nos deparamos com a ideia de que o outro terá conhecimento do nosso fracasso. Se colocar nessa posição faz com que tudo pareça pior. Ora, não é preciso se sentir desse modo, o amigo certamente já percebeu, só não disse nada por respeito e educação.

    ¬ Responder
  • Sílvia BaptistaSílvia Baptista

    26-07-2012 às 10:26:13

    Pedir dinheiro emprestado a um amigo faz muita gente perder o sono, mas o que mais agride e que nem sempre se percebe, é o fato de ter que expor sua real situação financeira. Vamos lançar um olhar mais detalhado sobre isso: O que impede de fato a falar com o amigo sobre essa necessidade financeira? O que tanto dificulta conversar se é uma pessoa amiga? Não é com os amigos que costumamos nos abrir, então qual é a verdadeira razão para tanto constrangimento?
    Bem, a resposta é simples, mas nem sempre agradável. Trata-se do “ego”, por isso tanto temor.

    ¬ Responder
  • Sílvia BaptistaSílvia Baptista

    23-07-2012 às 19:52:22

    Olá Edmundo, fico feliz por ter ajudado.

    Um abraço!

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoEdmundo Silva

    03-07-2012 às 10:19:02

    Muito obrigado pelas dicas, estava a pensar em pedir algum dinheiro emprestado agora ja tenho algumas luzes de como o fazer.. `

    ¬ Responder

Comentários - Como pedir dinheiro emprestado a um amigo

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Como Solicitar O Seguro Desemprego - Passo A Passo!

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Utilidades Domésticas
Como Solicitar O Seguro Desemprego - Passo A Passo!\"Rua
O seguro desemprego é instituído pela Lei Nº 7.998, de 11 de janeiro de 1990 e que tem por finalidade prover a assistência financeira temporária ao trabalhador desempregado sem justa causa. Foi sancionado pelo presidente da República do Brasil e também é regido pela Consolidação das Leis Trabalhistas – CLT.

Este benefício é concedido a todo e qualquer trabalhador que foi dispensado apenas em regime de sem justa causa ou quando houver acordo judicial e o juiz autorizar o pagamento devido ao ex-trabalhador da empresa.

Sua duração é de 3(três) a 5(meses) de forma contínua e dependerá do tempo em que ficou empregado. O valor mensal é calculado conforme o que o trabalhador ganhava durante o período em que estava empregado.

Essa assistência financeira e temporária tem algumas regras, por isso, é muito importante conhecê-la antes mesmo de solicitá-la nos órgãos responsáveis.

Para ter direito ao benefício:


- Precisa ter a carteira devidamente assinada da empresa;
- Ter trabalhado durante 6 meses na empresa (no mínimo);
- Não ter recebido esse benefício no período de 16(dezesseis) meses ininterruptos;
- Ter sido dispensado sem justa causa.

Quem tem direito ao benefício:


- Os trabalhadores demitidos sem justa causa;
- O pescador artesanal; e
- O empregado doméstico, desde que o empregador esteja recolhendo o Fundo de Garantia de Tempo de Serviço (FGTS).

Como solicitar – Passo a passo:


1) Dirija-se à qualquer Caixa Econômica Federal ou ao M.T.E (Ministério do Trabalho e Emprego) da sua cidade munidos dos seguintes documentos:
- Rescisão contratual, carteira de trabalho devidamente dado baixa com a data de saída e assinada e carimbada pela empresa, as duas vias do seguro desemprego preenchido e fornecido pela empresa, cartão do PIS/PASEP ou o cartão cidadão, extrato do recebimento do pagamento do FGTS, comprovante de residência e os últimos 3 (três) contra-cheques;
2) Entregue todos esses documentos ao atendente. Eles vão fornecer o protocolo de entrada do seguro desemprego, vão lhe dizer quantas parcelas você tem direito e a data que você receberá a primeira (30 dias).

Bem, apenas isso e agora é só esperar para o recebimento do pagamento das parcelas. Para consultar, acesse este link: http://granulito.mte.gov.br/sdweb/consulta.jsf
Digite com seu número de PIS/PASEP e logo abaixo com o código no visor e clique em consultar. Vai abrir outra tela com as informações das parcelas.

Pesquisar mais textos:

Briana Alves

Título:Como Solicitar O Seguro Desemprego - Passo A Passo!

Autor:Briana Alves(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios