Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Outros > A cultura dos gregos

A cultura dos gregos

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Outros
Comentários: 2
A cultura dos gregos

Os gregos eram muito cultos e religiosos. Por isso deixaram um legado cultural muito grande, que depois foi seguida por outros povos.

Com efeito, o teatro naceu na Grécia, associado às grandes Dionisíacas, que são as estas do deus Dioníso.

Esta é uma festa religiosa que se realizava no santuário do deuse e era organizada pelos magistrados da cidadee, sustentada pelos cidadãos mais ricos e dirigidos por um sacerdote.
Ela decorria sob a forma de um concurso, recebendo poetas gregos que escreviam e encenavam peças dramáticas.

Os teatros gregos eram construídos ao ar livre, aproveitando-se de uma colina, para obter os efeitos de acústica e visibilidade desejados.
As representações incluíam três atores e um coro, composto de quinze a vinte e quatro coreutas que cantavam e dançavam ao som do oboé.

A sua atuação era feita , junto ao altar do deus e as mulheres participavam apenas enquanto espetadoras.

Os gregos iniciaram dois géneros teatrais, a comédia, que era uma verdadeira caricatura da sociedade da época, exaltando com ironia e sentido crítico, os defeitos e falhas do sistema político, de determinados grupos sociais ou de personalidades conhecidas.
A tragédia centrava-se na luta dos homens e dos deuses, contra a orte e a injustiça, ou seja, contra o destino, que despertava sofrimento.

Normalmente o herói tinha um fim trágico e acabava por morrer.
Os maiores heróis da tragédia grega foram Esquilo, Sófocles e Eurípides, considerados pela História os poetas trágicos.

Todas as representações se iniciavam pela manhã e decorriam até ao pôr do sol, durante cinco dias.
Os dias eram consagrados a Dionísio, aos sacrifícios e libações.

No final da peça, era submetida à votação de um júri, que atribuía um prémio ao vencedor.
Os primeiros jogos foram os olimpicos que se realizavam em honra de Zeus, em olímpia.
Era uma festa religiosa, na qual participavam gregos de todas as cidades e se repetiam de quatro em quatro anos, com a duração de sete dias.

as mulheres casadas eram impedidas de assistir aos jogos e logo no primeiro dia faziam sacrifícios no altar de Zeus.
Depois seguiam-se as provas desportivas, que incluíam a luta, pugilato , pentatlo, corrida, salto e lançamento de disco.

Os vencedores recebiam uma coroa de oliveira e o seu nome era anunciado por um arauto, juntamente com o nome de seu pai e da sua pátria.

Estes jogos contribuíam para a grandeza da Grécia, ficando imortalizada nos versos dos poetas gregos.


Teresa Maria Batista Gil

Título: A cultura dos gregos

Autor: Teresa Maria Gil (todos os textos)

Visitas: 0

618 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 2 )    recentes

  • Briana AlvesBriana

    31-08-2014 às 22:40:07

    Um dos meus maiores desejos é conhecer a cultura dos gregos e o seu lindo país. Imagino que seja muito bonito, romântico e bem agradável de estar!

    ¬ Responder
  • Teresa Maria Batista GilTeresa Maria Batista Gil

    17-09-2012 às 15:53:44

    Os gregos formaram uma civilização com características muito especiais.A sua inteligência e grau cultural fez deles um povo avançado a nível técnico, científico e religioso.A sua cultura foi rica ao ponto de as suas obras serem copiadas pelos monges e adaptada noutra época.

    ¬ Responder

Comentários - A cultura dos gregos

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Um sinal de compromisso

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Jóias Relógios
Um sinal de compromisso\"Rua
Exibir uma aliança de compromisso é, frequentemente, motivo de orgulho e, quando se olha para ela, vai-se rodando-a no dedo e fica-se com aquela expressão ridícula na cara.

Uma questão se coloca: qual a razão de estas alianças de compromisso serem tão fininhas: será porque os seus principais clientes, os jovens, são sujeitos de poucas posses (tendendo as mesadas a emagrecer ainda mais com a crise generalizada) ou porque esse compromisso, não obstante a paixão arrebatadora, é frágil e inseguro?

Sim, porque aqui há que fazer cálculos matemáticos: x compromissos vezes y alianças…com um orçamento limitado sobre um fundo sentimental infinito…

Depois, importa perpassar os tipos destas alianças. Há as provisórias, que duram em média quinze dias; há as voadoras, que atravessam os ares à velocidade da luz quando a coisa dá para o torto; há as que insistem em cair do dedo, sobretudo em momentos em que ter um compromisso se revela extremamente inoportuno; e depois há as residentes, que uma vez entradas não tornam a sair.

Os pombos-correios usam anilhas onde figuram códigos que os identificam. Talvez não fosse completamente descabido fazer umas inscrições deste género em algumas alianças de compromisso por aí…

Só para ajudar os mais esquecidos a recordarem a que “pombal” pertencem.

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:Um sinal de compromisso

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Luene ZarcoLuene

    22-09-2014 às 05:46:10

    Um sinal de amor e lealdade perpétua! Adoro ver os vários modelos de aliança! Vale a pena escolher uma bem bonita!

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios