Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Outros > A arte rupestre

A arte rupestre

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Outros
Visitas: 56
Comentários: 2
A arte rupestre

Os primeiros desenhos feitos pelo homem, segundo os relatos de testemunhos,datam dos nossos antepassados do Paleolítico, ou idade da pedra. Com efeito a idade da pedra diz respeito ao peróiodo da Pré-História,em que se vivia apenas da caça e da pesca.

Mas, na verdade os caçadores e recoletores já conheciam a arte, que se comprova ser graciosa e com belas pinturas e gravuras nas paredes dos tetos das grutas e cavernas. A beleza destas representações é de fato admirável e ainda hoje existem vestígios delas.

Na Europa existem muitos testemunhos de arte parietal em vários países, sendo os mais numerosos na Península Ibérca e na França. Em Portugal, os seus bvestígios podem ainda encontrar-se nas gravuras do vale do Coa, a mais importante do mundo, deste género, e nas pinturas da gruta do escoural, em Montemor-o-Novo.

Considera-se que o primeiro conjunto de pinturas rupestres, de alguma extensão foi descoberto na caverna de Altamira, em Espanha, em 1979. A beleza dos desenhos antigos sucitou dúvidas sobre a possibilidade de terem sido feitas pelo homem do paleolítico.

Mas, na verdade, segundo estudos realizados depois, chegou-se à conclusão de que as pinturas já tinham sido feitas há 15 ou 12 mil anos. Quem conhece a caverna de Altamira, sabe que ela é relativamente pequena, com cerca de 270 metros de largura.

Tem uma enorme sala de pintura no teto, apelidade de " a capela Sistina da Pré-História", por associar com a beleza das pinturas existentes na capela do vaticano, em Roma. Além desta sala tem uma zona conhecida como vestíbulo e os desenhos retratam animais de grande porte como o bisonte, o javali e cervos.

As cores são de uma vivacidade de cores muito belas, onde se destaca o vermelho, o amarelo, o preto e o dourado. As cores conferem uma sensação de movimento e volume, bastante real, tanto para os animais como para outras cenas que eles retratavam.

É evidente que estes homens do paleolítico, retratavam nas suas pinturas, cenas da vida diária, de caça, pesca, frutos e ainda a sua religiosidade. Esta era ccomo se sabe, politeísta, por adorarem as em especial as forças da natureza, como pedras etc.

O interesse desta arte desde sempre sucitou grande admiração a tem atraído centenas de milhares de visitantes, desde a sua descoberta. Estas duaas grutas de vestígios de arte não são ínicas, no entanto são as que mais gente atrai.

Como o interior das grutas não tinha luz os artistas recorriam ao uso de luz artificial, com lamparinas ou archotes, para as fazerem.


Teresa Maria Batista Gil

Título: A arte rupestre

Autor: Teresa Maria Gil (todos os textos)

Visitas: 56

811 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 2 )    recentes

  • Luene ZarcoLuene

    31-08-2014 às 17:21:20

    Muito interessante essa arte rupestre, bem legal!

    ¬ Responder
  • Teresa Maria Batista GilTeresa Maria Batista Gil

    17-09-2012 às 14:50:10

    A arte rupestre é originária da Pré-História e retrata a vida do dia-a-dia dos hominídeos.Estes homens pintavam cenas de caça e de pesca, frutos e animais de grande porte, rena e cavalo.Como não tinham tintas e pincel pintavam com a mão e com o sangue dos animais que caçavam.

    ¬ Responder

Comentários - A arte rupestre

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Receptores digitais

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: TV HIFI
Receptores digitais\"Rua
Os receptores digitais são instrumentos que têm a função de receber sinal por via de canais digitais.

De acordo com a sua função, estes canais poderão ser satélite ou por cabo. Actualmente, já existem bastantes serviços de televisão por cabo que funcionam apenas com estes receptores, uma vez que é através deles que se consegue ter acesso não só aos canais de serviço, mas também a pacotes codificados.

O serviço de recepção de canais por satélite é um sistema independente para o qual é necessário ter um disco receptor satélite de modo a poder ter canais digitais fora dos serviços prestados pelos operadores de televisão digital.

Este instrumento permite que os próprios ecrãs sem tecnologia digital passem a usufruir desta através destes receptores. No entanto, a melhor qualidade só é garantida com um ecrã já com esta tecnologia.

Os receptores digitais permitem também aceder a uma multiplicidade de serviços, desde que devidamente configurados. Por exemplo, com estes receptores, é possível aceder a menus específicos de pausa de emissão para depois ser continuada, de serviços on-demand ou acesso a portais específicos, entre outros.

Esta pequena caixinha permite ao seu utilizador usufruir da televisão a um novo nível, de modo a que possa ter todas as comodidades no conforto do lar. 

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:Receptores digitais

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Rua DireitaRua Direita

    04-06-2014 às 06:53:28

    Gostei dos receptores digitais. Bom texto abordando isso.
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios