Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Materiais Construção > Mantenha-se sólido!

Mantenha-se sólido!

Visitas: 4
Comentários: 5
Mantenha-se sólido!

Qualquer construção exige uma vasta panóplia de materiais que, para apresentar um mínimo de qualidade, têm de ter um preço condizente. Isto para dizer que nada é barato e que há que desconfiar do que se nos deparar com uma vantagem assaz discrepante comparativamente às alternativas viáveis. No sector da construção, como aliás em muitos outros, é necessário estabelecer a razão de proporcionalidade custo/benefício, uma vez que se trata de um investimento mensurável e, em princípio, para toda a vida.

Há materiais indispensáveis e indissociáveis, e ainda bem, uma vez que existem relações de proximidade entre eles. Por exemplo, quem é a mãe da porta? É a mãe-Saneta! E o tio da parede? O tio-Jolo! E o que disse o tijolo à tijoleira? «Há um “ciumento” entre nós!» Bom, na verdade, muitas vezes era desejável haver realmente mais cimento entre eles, de modo a tornar a edificação mais sólida e fiável, porque o que acontece frequentemente é que, por falta dele, as paredes racham por tudo quanto é sítio… Depois, vem a humidade e toma conta do resto. Numa questão de algum tempo, ou se remendam as fendas, ou se acolherão as pingas de chuva em casa.

Para além dos materiais directamente implicados na construção em si, há outros que são uma espécie de intermediários para a aplicação dos primeiros. É o caso dos andaimes (palcos de quedas verdadeiramente acrobáticas, de onde é possível ter uma vista esplêndida sobre os transeuntes), de uma multidão imensa de acessórios de carpintaria, pintura, pavimentação, canalização, etcétera, e de um utensílio que está em tudo e para tudo: o escadote. Há quem diga que dá azar passar por debaixo dele. Assim à primeira vista, parece que o azar maior é vê-lo, e senti-lo, em cima do próprio pêlo!
Mas isso, claro, depende do conceito de infortúnio, que é subjectivo…
Seja como for, o importante é usufruir de um escadote de categoria superior. De outro modo, como se subiria na vida de forma consistente?

Se calhar, é por não terem atenção aos “degraus” que pisam que muitas pessoas andam para aí a querer passar por cima dos outros para trepar através do mérito alheio, socorrendo-se, não raras vezes, de esquemas pouco claros, lícitos ou dignificantes. O que geralmente acontece é que quanto mais sobem, maior é o tombo que dão. Trata-se de uma inevitabilidade inerente ao impulso de pretender dar passos mais largos do que as pernas…

Maria Bijóias

Título: Mantenha-se sólido!

Autor: Maria Bijóias (todos os textos)

Visitas: 4

632 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 5 )    recentes

  • SophiaSophia

    12-05-2014 às 04:47:32

    Na construção de uma casa é muito importante contratar pessoas de confiança, que saibam realizar o serviço com qualidade!
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder
  • LAÉRCIO SOARES DE aRRUDALAÉRCIO SOARES DE aRRUDA

    23-09-2010 às 17:36:24

    @ODAIROSINSKI
    Tenho empresa estruturada de representaçãoa comercial no RJ,totalmente estruturada ,informatizada.Tel 21-24255976 e 99783124,grato,caso interesse.Laércio.

    ¬ Responder
  • ODAIROSINSKIODAIROSINSKI

    03-09-2009 às 19:29:11

    Tenho uma pequena industria de metais sanitarios no parana,, é uma linha popular,, quero lançar uma linha melhor e não parar com a que tenho querro ter outra mas com qualidade bem superior,,, digamos,, que não brigar com deca ou docol mais estar bem pertinho,, prescisso de um nome forte.. A atual´se chama metais famosa,,, sera que voce podeia me ajudar,, pois somos muito grato

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoEduardo Filipe R.

    15-03-2009 às 23:48:12

    Maria o teu texto ajudou-me a entender o meu trabalho de um anglo diferente. Olha amiga, tambem me fizeste rir. Como é possivel ao escreveres sobre materias de construção , fazeres me rir.

    Bastante positivo e diferente perpectiva de ver a construção.

    Muita força , com o cimento...

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoAnonimo

    15-03-2009 às 21:54:12

    Sou construtor há varios anos. Tenho os meus serviços aqui anunciados ( por respeito não me identifico) e com o vosso apoio e divulgação consegui mais trabalho para este ano.

    Muito Obrigado equipa da ruadireita.

    ¬ Responder

Comentários - Mantenha-se sólido!

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Fine and Mellow

Ler próximo texto...

Tema: Música
Fine and Mellow\"Rua
"O amor é como uma torneira
Que você abre e fecha
Às vezes quando você pensa que ela está aberta, querido
Ela se fechou e se foi"
(Fine and Melow by Billie Holiday)

Ao assistir a Bio de Billie Holiday, ocorreu-me a questão Bluesingers x feminismo, pois quem ouve Blues, especialmente as mais antigas, as damas dos anos 10, 20, 30, 40, 50, há de pensar que eram mulheres submissas ao machismo e maldade de seus homens. Mas, as cantoras de Blues, eram mulheres extremamente independentes; embora cantassem seus problemas, elas não eram submissas a ponto de serem ultrajadas, espancadas... Eram submissas, sim, ao amor, ao bom trato... Essas mulheres, durante muito tempo, tiveram de se virar sozinhas e sempre que era necessário, ficavam sós ou mudavam de parceiros ou assumiam sua bissexualidade ou homossexualidade efetiva. Estas senhoras, muitas trabalharam como prostitutas, eram viciadas em drogas ou viviam boa parte entregues ao álcool, merecem todo nosso respeito. Além de serem precursoras do feminismo, pois romperam barreiras em tempos bem difíceis, amargavam sua solidão motivadas pelo preconceito em relação a cor de sua pele, como aconteceu a Lady Day quê, quando tocava com Artie Shaw, teve que esperar muitas vezes dentro do ônibus, enquanto uma cantora branca cantava os arranjos que haviam sido feitos especialmente para ela, Bilie Holiday. Foram humilhadas, mas, nunca servis; lutaram com garra e competência, eram mulheres de fibra e cheias de muito amor. Ouvir Billie cantar Strange Fruit, uma das primeiras canções de protestos, sem medo, apenas com dor na alma, é demais para quem tem sentimentos. O brilho nos olhos de Billie, fosse quando cantava sobre dor de amor ou sobre dor da dor, é insubstituível. Viva elas, nossas Divas do Blues, viva Billie Holiday, aquela que quando canta parte o coração da gente; linda, magnifica, incomparável, Lady Day.

O amor vai fazer você beber e cair
Vai fazer você ficar a noite toda se repetindo

O amor vai fazer você fazer coisas
Que você sabe que são erradas

Mas, se você me tratar bem, querido
Eu estarei em casa todos os dias

Mas, se você continuar a ser tão mau pra mim, querido
Eu sei que você vai acabar comigo

Pesquisar mais textos:

Sayonara Melo

Título:Fine and Mellow

Autor:Sayonara Melo(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios