Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Materiais Construção > Mantenha-se sólido!

Mantenha-se sólido!

Visitas: 4
Comentários: 5
Mantenha-se sólido!

Qualquer construção exige uma vasta panóplia de materiais que, para apresentar um mínimo de qualidade, têm de ter um preço condizente. Isto para dizer que nada é barato e que há que desconfiar do que se nos deparar com uma vantagem assaz discrepante comparativamente às alternativas viáveis. No sector da construção, como aliás em muitos outros, é necessário estabelecer a razão de proporcionalidade custo/benefício, uma vez que se trata de um investimento mensurável e, em princípio, para toda a vida.

Há materiais indispensáveis e indissociáveis, e ainda bem, uma vez que existem relações de proximidade entre eles. Por exemplo, quem é a mãe da porta? É a mãe-Saneta! E o tio da parede? O tio-Jolo! E o que disse o tijolo à tijoleira? «Há um “ciumento” entre nós!» Bom, na verdade, muitas vezes era desejável haver realmente mais cimento entre eles, de modo a tornar a edificação mais sólida e fiável, porque o que acontece frequentemente é que, por falta dele, as paredes racham por tudo quanto é sítio… Depois, vem a humidade e toma conta do resto. Numa questão de algum tempo, ou se remendam as fendas, ou se acolherão as pingas de chuva em casa.

Para além dos materiais directamente implicados na construção em si, há outros que são uma espécie de intermediários para a aplicação dos primeiros. É o caso dos andaimes (palcos de quedas verdadeiramente acrobáticas, de onde é possível ter uma vista esplêndida sobre os transeuntes), de uma multidão imensa de acessórios de carpintaria, pintura, pavimentação, canalização, etcétera, e de um utensílio que está em tudo e para tudo: o escadote. Há quem diga que dá azar passar por debaixo dele. Assim à primeira vista, parece que o azar maior é vê-lo, e senti-lo, em cima do próprio pêlo!
Mas isso, claro, depende do conceito de infortúnio, que é subjectivo…
Seja como for, o importante é usufruir de um escadote de categoria superior. De outro modo, como se subiria na vida de forma consistente?

Se calhar, é por não terem atenção aos “degraus” que pisam que muitas pessoas andam para aí a querer passar por cima dos outros para trepar através do mérito alheio, socorrendo-se, não raras vezes, de esquemas pouco claros, lícitos ou dignificantes. O que geralmente acontece é que quanto mais sobem, maior é o tombo que dão. Trata-se de uma inevitabilidade inerente ao impulso de pretender dar passos mais largos do que as pernas…

Maria Bijóias

Título: Mantenha-se sólido!

Autor: Maria Bijóias (todos os textos)

Visitas: 4

632 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 5 )    recentes

  • SophiaSophia

    12-05-2014 às 04:47:32

    Na construção de uma casa é muito importante contratar pessoas de confiança, que saibam realizar o serviço com qualidade!
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder
  • LAÉRCIO SOARES DE aRRUDALAÉRCIO SOARES DE aRRUDA

    23-09-2010 às 17:36:24

    @ODAIROSINSKI
    Tenho empresa estruturada de representaçãoa comercial no RJ,totalmente estruturada ,informatizada.Tel 21-24255976 e 99783124,grato,caso interesse.Laércio.

    ¬ Responder
  • ODAIROSINSKIODAIROSINSKI

    03-09-2009 às 19:29:11

    Tenho uma pequena industria de metais sanitarios no parana,, é uma linha popular,, quero lançar uma linha melhor e não parar com a que tenho querro ter outra mas com qualidade bem superior,,, digamos,, que não brigar com deca ou docol mais estar bem pertinho,, prescisso de um nome forte.. A atual´se chama metais famosa,,, sera que voce podeia me ajudar,, pois somos muito grato

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoEduardo Filipe R.

    15-03-2009 às 23:48:12

    Maria o teu texto ajudou-me a entender o meu trabalho de um anglo diferente. Olha amiga, tambem me fizeste rir. Como é possivel ao escreveres sobre materias de construção , fazeres me rir.

    Bastante positivo e diferente perpectiva de ver a construção.

    Muita força , com o cimento...

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoAnonimo

    15-03-2009 às 21:54:12

    Sou construtor há varios anos. Tenho os meus serviços aqui anunciados ( por respeito não me identifico) e com o vosso apoio e divulgação consegui mais trabalho para este ano.

    Muito Obrigado equipa da ruadireita.

    ¬ Responder

Comentários - Mantenha-se sólido!

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Como Solicitar O Seguro Desemprego - Passo A Passo!

Ler próximo texto...

Tema: Utilidades Domésticas
Como Solicitar O Seguro Desemprego - Passo A Passo!\"Rua
O seguro desemprego é instituído pela Lei Nº 7.998, de 11 de janeiro de 1990 e que tem por finalidade prover a assistência financeira temporária ao trabalhador desempregado sem justa causa. Foi sancionado pelo presidente da República do Brasil e também é regido pela Consolidação das Leis Trabalhistas – CLT.

Este benefício é concedido a todo e qualquer trabalhador que foi dispensado apenas em regime de sem justa causa ou quando houver acordo judicial e o juiz autorizar o pagamento devido ao ex-trabalhador da empresa.

Sua duração é de 3(três) a 5(meses) de forma contínua e dependerá do tempo em que ficou empregado. O valor mensal é calculado conforme o que o trabalhador ganhava durante o período em que estava empregado.

Essa assistência financeira e temporária tem algumas regras, por isso, é muito importante conhecê-la antes mesmo de solicitá-la nos órgãos responsáveis.

Para ter direito ao benefício:


- Precisa ter a carteira devidamente assinada da empresa;
- Ter trabalhado durante 6 meses na empresa (no mínimo);
- Não ter recebido esse benefício no período de 16(dezesseis) meses ininterruptos;
- Ter sido dispensado sem justa causa.

Quem tem direito ao benefício:


- Os trabalhadores demitidos sem justa causa;
- O pescador artesanal; e
- O empregado doméstico, desde que o empregador esteja recolhendo o Fundo de Garantia de Tempo de Serviço (FGTS).

Como solicitar – Passo a passo:


1) Dirija-se à qualquer Caixa Econômica Federal ou ao M.T.E (Ministério do Trabalho e Emprego) da sua cidade munidos dos seguintes documentos:
- Rescisão contratual, carteira de trabalho devidamente dado baixa com a data de saída e assinada e carimbada pela empresa, as duas vias do seguro desemprego preenchido e fornecido pela empresa, cartão do PIS/PASEP ou o cartão cidadão, extrato do recebimento do pagamento do FGTS, comprovante de residência e os últimos 3 (três) contra-cheques;
2) Entregue todos esses documentos ao atendente. Eles vão fornecer o protocolo de entrada do seguro desemprego, vão lhe dizer quantas parcelas você tem direito e a data que você receberá a primeira (30 dias).

Bem, apenas isso e agora é só esperar para o recebimento do pagamento das parcelas. Para consultar, acesse este link: http://granulito.mte.gov.br/sdweb/consulta.jsf
Digite com seu número de PIS/PASEP e logo abaixo com o código no visor e clique em consultar. Vai abrir outra tela com as informações das parcelas.

Pesquisar mais textos:

Briana Alves

Título:Como Solicitar O Seguro Desemprego - Passo A Passo!

Autor:Briana Alves(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios