Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Literatura > Uma estante virtual

Uma estante virtual

Categoria: Literatura
Uma estante virtual

Para onde todas as pessoas boas foram?

Foi esta pergunta, indagada por Jack Johnson na música “Good People”, que inspirou os criadores do site skoob.com.br: “A primeira e maior rede de leitores do Brasil”, conforme descrição no próprio site.

O nome do site, que às vezes não é compreendido de imediato, é um anagrama simples da palavra inglesa “books”, que significa “livros” em português, e seus membros são carinhosamente chamados de skoobers.

Os autores, no texto de apresentação, afirmam que é para lá que todas as pessoas boas foram e onde elas se encontram e, com certeza, após alguns dias fazendo parte dessa rede literária, qualquer skoober concordará com a afirmação.

O site, que possui uma interface iconográfica bonita e intuitiva, permite a cada membro recriar uma estante virtual de livros com todos os títulos que fizeram parte de sua jornada literária: aqueles que foram lidos avidamente ou de forma letárgica, mas lidos por completo; aqueles que foram abandonados devido a uma linguagem difícil ou uma história maçante; os que estão em nossa cabeceira no momento sendo abertos pela primeira vez ou aqueles que estão sendo apreciados novamente pelos nossos olhos; os preferidos que nos encantam pela linguagem elaborada e poética, pela história surpreendente em uma literatura fantástica ou porque nos apaixonamos pelas personagens loucas, intensas, profundas e incomuns; os mais desejados, os preferidos, os que já possuímos e os que estamos dispostos a trocar. Todos eles são destacados em nossa estante virtual.

No perfil de cada membro ainda há um espaço para recados que pode ser utilizado para fazer novos amigos, divulgar lançamentos próprios, conversar sobre livros e, o mais intenso de todos, negociar trocas. É nesse quesito que a interação entre os membros ultrapassa a realidade virtual e se torna física.

As trocas são negociadas pelos próprios membros e normalmente são feitas através dos Correios. A confiança entre os skoobers é o “gatilho” principal das negociações, afinal de contas, é lá que as pessoas boas estão.

O site é realmente incrível e o lugar certo para os que amam ler. Além disso, avaliar livros, criar resenhas e registrar históricos de leituras com avaliações e comentários transformam os membros de expectadores a escritores incipientes.

E por mais que o site seja brasileiro e que trocas físicas pareçam um pouco impossível para membros de outros países, a troca de experiência é mais do que viável e incentivada, afinal, a internet não conhece fronteiras.


Glaucia Alves

Título: Uma estante virtual

Autor: Glaucia Alves (todos os textos)

Visitas: 0

602 

Imagem por: stephmcg

Comentários - Uma estante virtual

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Como fazer disfarces de Carnaval

Ler próximo texto...

Tema: Vestuário
Como fazer disfarces de Carnaval\"Rua
O ano começa e depressa chega uma data muito ansiada principalmente pelos mais jovens: o desejado Carnaval!

Esta é uma data que os pequenos adoram e deliram com as fantasias. O problema maior é a despesa que os disfarces representam e no ano seguinte já não usarão o mesmo disfarce ou, no caso dos mais pequenos, já não lhes serve.
O melhor nesta data é mesmo reciclar e aprender a fazer disfarces caseiros utilizando truques mais económicos e materiais reciclados para preparar as fantasias dos pequenitos!

Uma sugestão para os meninos é o traje de pirata que pode facilmente ser criado a partir de peças que tenha em casa. Procure uma camisa de tamanho grande e, de preferência, de cor branca com folhos. Se não tiver uma camisa com estas características facilmente encontrará um modelo destes no guarda-vestidos de alguma familiar, talvez da avó.

Precisará de um colete preto. Na falta do colete pode utilizar um casaco preto que esteja curto, rasgue as mangas pelas costuras dos ombros. As calças devem ser velhas e pretas para poderem ser cortadas na zona das pernas para envelhecer a peça. Coloque um lenço preto ou vermelho na cabeça do menino e, de seguida, com um elástico preto e um pouco de velcro tape um dos olhos.

Para as meninas não faltam ideias originais para fazer disfarces bonitos e especiais para este dia. Uma ideia original é a fantasia de Flinstone. É muito fácil e prática de fazer e fica um disfarce muito bonito. Comece por arranjar um pedaço de tecido branco. Coloque o tecido em volta do corpo como uma toalha de banho e depois amarre num dos braços fazendo uma alça. Depois corte as pontas em ziguezague mantendo um lado mais comprido que o outro. Amarre o cabelo da menina todo no cimo da cabeça, como se estivesse a fazer um rabo-de-cavalo mas alteie-o mais. Com o auxílio de um pente frise o cabelo, pegando nas pontas e passando o pente em sentido contrário até que fique todo despenteado. Numa loja de disfarces compre um osso de plástico e prenda na fita da criança.

Pegue nos materiais, puxe pela imaginação e ponha mãos ao trabalho!

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:Como fazer disfarces de Carnaval

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Imagem por: stephmcg

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Rua DireitaRua Direita

    09-06-2014 às 04:01:21

    Não em carnaval, mas em bailes de fantasia, sempre usei o TNT. Eles são ótimos para trabalhar o corte, para costurar e deixa bem bonito!
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios