Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Literatura > O Pequeno Veado

O Pequeno Veado

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Literatura
Visitas: 2
O Pequeno Veado

Tinha vindo refugiar-me desta floresta. O meu nome é Norberg, e eu amo as florestas, o frio, o isolamento. Não, eu não desprezo a humanidade, nem sou indiferente, gosto de pessoas sim, mas eu também gosto da minha privacidade, e do inverno esta floresta é linda, o nevoeiro baixo, as árvores esguias e compridas, sinto o frio, um frio bom e doce. Desta floresta gélida e por vezes intrépida existe um pequeno lago, provavelmente agua estar a zero graus, mas eu dispo-me todo e lá vou eu para a água. Toda a energia do meu corpo acelera, para rapidamente ficar quente, dou uns bons mergulhos, esta agua tão fria, faz-me sentir vivo, ela não tem qualquer outra criatura viva para além de mim, límpida pode-se ver as rochas, as pequenas pedritas acumularem-se todas, definitivamente, algo abençoado. Quando fui dar por mim eu dormi algumas horas. Ao acordar vi um veado jovem a olhar para mim. Me tinha esquecido que tal belo ambiente teria belos animais. Este pequeno veado ignorou-me e foi à sua vida à procura de escassos alimentos, aliás pensei que estivesse perdido, agora está tudo congelado. Limpando-me e vestindo roupas secas, continuei a explorar esta floresta, cheguei a uma árvore que tinha pertencido à minha infância. A árvore continuava grande e majestosa como me lembrava, havia vários escritos dela, declarações de amor de jovens de várias idades por vezes até adultos.

“Norberg * Sala”

Sala hoje era uma mulher viúva de três filhos, a nossa vida toma rumos inesperados, sem dúvida nenhuma em relação a isso. Do meu passeio frio pude colher umas flores para um bom chá frio, depois de colhe-las achei que já estava da hora de voltar para a minha casa. Tentei voltar por aonde vieira mas descobri que esqueci-me do caminho, passei pelo lago e a árvore grande, mas nada, devia estar em círculos. O nevoeiro que se tinha abaixado, começou alevantar em breve não iria ver absolutamente nada. Desesperado viu uma figura, seria o veado de há bocado? A sua silhueta parecia indicar que sim, o veado começo a correr para o norte, eu rapidamente tentei segui-lo, quando cansava-me e parava, o veado também parava, continuei andar atras dele, até finalmente sair do nevoeiro, em breve em poucos metros a minha casa estaria ali, o veado tinha desaparecido.

Ao voltar para casa fui a procura dos meus álbuns de fotografia, ali achei uma que me fez pensar, eu devia ter 5 anos e tal, as minhas mãos estava a dar festinhas sobre um pequeno veado. Eu lembro-me que esse veado tinha sido rejeitado pela mãe, e estava condenado a morrer, mas eu tentei salva-lo da mesma…

Fim

Manuel Velez

Título: O Pequeno Veado

Autor: Manuel Velez (todos os textos)

Visitas: 2

631 

Comentários - O Pequeno Veado

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Estratégia do arco-íris

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Serviços
Estratégia do arco-íris\"Rua
Pessoas comuns estão a descobrir novas estratégias que supostamente fazem dinheiro rápido. Mas, a verdade da questão é que, isso é quase impossível. Ao longo de sua jornada de negociação, vai experimentar algumas vitórias e derrotas. Então, vejamos uma das estratégias que irá produzir mais vitórias do que derrotas: a estratégia do arco-íris. Esta é uma estratégia muito poderosa que qualquer um pode utilizar, especialmente novatos lá fora. Se é novo no comércio de opções binárias e gostaria de ganhar dinheiro online, esta é a estratégia ideal para si.

A estratégia do arco-íris envolve um período de 6, 14 e 26 períodos, períodos de média móvel exponencial. Estes permitem filtrar os movimentos menores no mercado e dar-lhe uma visão clara da tendência.

O mercado está numa tendência alta quando o período de 6 EMA está no topo dos 14 períodos EMA e dos 26 períodos EMA. A tendência baixa ocorre quando as EMA cruzam-se. Agora, os 26 períodos EMA devem estar no topo da EMA de 14 períodos. Em tendências altas, os comerciantes devem concentrar-se principalmente em opções de compra.

Uma opção de compra pode ser acionada quando o preço para baixo remonta à EMA 14 e começa a mover-se para cima. Uma opção de venda pode ser acionada quando o preço refaz para cima, e os períodos EMA 14 começam a mover-se para baixo.

As vantagens desta estratégia é que muitos dos sinais são precisos e não requerem muita análise para fazer um bom negócio. Com a gestão de risco adequada, pode fazer desta a sua principal estratégia. Mas, antes de tomar essa decisão, saiba que existem algumas desvantagens. O preço às vezes pode ir além dos 14 períodos de EMA. Alguns comerciantes podem não saber como reagir a isso.

Além disso, mesmo se os mercados são tendências, ainda existe a possibilidade de dar sinais falsos, mas com a gestão de riscos aplicadas, esses sinais falsos não causam muito dano. Combinar esta estratégia com coisas como Fibonacci, linhas de tendência ou médias móveis podem ajudar a reduzir as chances de perdas.

Em geral, a estratégia do arco-íris é um grande indicador. Ele faz maravilhas nos mercados de tendências e é muito fácil de usar para os comerciantes de todos os níveis. No fim de contas, é apenas uma questão de fazer uma boa gestão de risco. É uma ótima estratégia para iniciantes começarem a usar e obterem vitórias, experiência e bastante dinheiro.

Pesquisar mais textos:

Jerónimo Diogo Magalhães

Título:Estratégia do arco-íris

Autor:Jerónimo Diogo Magalhães(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios