Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Internet > Descubra o que é a Internet das Coisas

Descubra o que é a Internet das Coisas

Categoria: Internet
Comentários: 3
Descubra o que é a Internet das Coisas

A internet das coisas, provavelmente, já influencia a sua vida desde o ano de 2013. E se isso não aconteceu ainda, ele vai logo, logo chegar aqui no Brasil e estará sendo utilizado por todas as pessoas. Isso é o que dizem os cientistas da computação!

Em 1999, um técnico chamado Kevin Ashton apontou que quase todas as informações disponíveis na internet naquele tempo havia sido capturado ou criado por seres humanos na forma de texto, fotos, vídeos, dentre outros. Ashton sugeriu que isso era provável que mudasse em um futuro próximo como os computadores, que se tornaram capazes de gerar e coletar dados por si só, sem a supervisão humana.

As tecnologias necessárias para isso são marcas relativamente simples para rastreamento de objetos, sensores de baixa potência que recolhe dados sobre tudo, desde a temperatura e a qualidade dos passos do ar e de detecção de movimentos. Também permitir atuadores pudesse ter o poder de mudar alguma coisa como luzes, aquecimento e ar condicionado sistemas, câmeras de vídeo e assim por diante.

Ashton chamou esse sistema de "Internet das coisas", e começou uma série de iniciativas privadas que querem alavancar isso.

Desde então, o progresso tem sido aparentemente lento. Os consumidores foram desapontados com a ideia de controlar remotamente uma torradeira através da internet e descrente de alegações de que o seu frigorífico poderia encomendar confiavelmente o leite antes que se esgote.

Mas hoje, Arkady Zaslavsky e amigos da organização nacional da Austrália de investigação científica, CSIRO, revelaram como as tecnologias que Ashton imaginou no princípio fosse rapidamente amadurecido e que a Internet das Coisas está finalmente pronta para estourar no mundo fazendo um sucesso fenomenal.

Eles dizem que isso está criando uma nova geração de desafios. Os enormes volumes de dados que a Internet das coisas gera terá que ser encaminhado, capturado, analisado e postos em prática de forma relevante em tempo hábil. Trabalhar para isso não será uma tarefa fácil. Estes problemas já estão sendo abordados de formas inovadoras que mostram a capacidade da Internet das Coisas evoluir a cada dia.

Sua solução é uma rede de sensores sem fio que monitora o que está acontecendo e envia os dados de volta para o Centro Phenomics de alta resolução e enviado a uma Planta em Canberra que executa os experimentos.

Várias cidades já aprontaram suas redes de transporte com sensores que transmitem a posição do ônibus, bondes e trens e tornam esses dados disponíveis para o público. Vários aplicativos inovadores agora dão atualizações em tempo real sobre a posição e o tempo de chegada bem provável de sua próxima viagem. Outros sensores monitoram as condições de tráfego, permitindo a otimização em tempo real do fluxo de tráfego. Outro exemplo da Internet das Coisas é a adoção generalizada da tecnologia de sensores para monitorar o desempenho esportivo.

A mensagem para todos é que a Internet das Coisas está amadurecendo e crescendo a um ponto extraordinário. Se ele já não influencia a sua vida de uma forma que você reconhece, logo, logo, ele vai.


Rua Direita

Título: Descubra o que é a Internet das Coisas

Autor: Rua Direita (todos os textos)

Visitas: 0

601 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 3 )    recentes

  • Rafaela CoronelRafaela

    25-10-2014 às 13:26:18

    É verdade! Cada vez mais vemos tudo ser mudado para facilitar muito mais a vida das pessoas. Essa internet das coisas já é uma realidade em nosso meio.

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoHumberto

    19-04-2014 às 11:33:15

    Descubra o que é a Internet das Coisas , obrigado por esta explicação posso usar para trabalho da escola por favor ?

    ¬ Responder
  • SophiaSophia

    19-04-2014 às 19:24:56

    Olá, a Rua Direita autoriza sem qualquer problema, apenas lhe pede que cite a referência que fica no endereço acima (link) no seu trabalho. Obrigada!

    ¬ Responder

Comentários - Descubra o que é a Internet das Coisas

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Os benefícios do piso laminado

Ler próximo texto...

Tema: Materiais Construção
Os benefícios do piso laminado\"Rua
Ao se realizar uma obra, ou na renovação de ambientes, há sempre muitas opções de técnicas e tecnologias de construção civil, arquitetura e decoração a serem escolhidas da forma mais adequada ao resultado que se espera. O piso adequado ao ambiente que se está construindo ou reformando é uma questão bastante relevante para o sucesso do empreendimento e para o bem-estar dos usuários.

Os tipos de pavimentos ou assoalhos ou revestimentos são diversificados e para cada tipo de ambiente, construção e gosto pessoal há um mais adequado. Pelos inúmeros benefícios que tem apresentado, o piso laminado tem sido bastante escolhido como revestimento nos ambientes modernos. Ele é composto por quatro camadas, feitas de fibras de madeira de alta densidade, lâminas de celulose, lâminas decorativas e filme cristalino de celulose, colados diretamente ao chão. Essa composição garante estabilidade, beleza, resistência, facilitando a limpeza. Somente com estes argumentos já se pode notar as vantagens desse tipo de piso, contudo ainda existem outras.

Os pisos laminados custam menos que os pisos de madeira, seu substrato é ecologicamente correto, já que as madeiras utilizadas na composição desse piso provêm de florestas certificadas e possui fácil instalação, sem a necessidade de pregá-lo ao chão. Além disso, os pisos laminados não precisam de envernizamento como os pisos de madeira que causam mau cheiro e sujeira. Os pisos laminados são mais resistentes que os pisos de madeira devido a sua alta pressão. A superfície dos pisos laminados de alto tráfego contém papel decorativo que garante diversas possibilidades de estampas e combinações.

Existem, portanto, dois tipos distintos de pisos laminados. Os pisos laminados de madeira têm em sua composição madeira natural e são revestidos com verniz. São indicados para ambientes residenciais e menos movimentados. Os pisos laminados de alto tráfego são compostos por madeiras de alta densidade cobertas por papel decorativo. São mais resistentes e, em virtude disso, indicados para ambientes de grande circulação. Podem estar em ambientes residenciais, porém para ambientes comerciais é o ideal.

Os pisos laminados são resistentes à luz do sol, a riscos e a manchas. São práticos devido à diversificada opção de padrões e funcionais devido à facilidade de limpá-lo. Acomodam-se perfeitamente em qualquer ambiente, proporcionando fácil decoração. Entretanto, medidas para mantê-lo em bom estado por mais tempo (apesar da sua alta durabilidade) devem ser tomadas. Colocar proteção na entrada das portas evita a instalação de sujeira e pedras. Forrar móveis e peças decorativas, que entrem em contato com o piso, é recomendado, a fim de não marcá-lo. Esses forros podem ser feitos com tecidos felpudos ou recortes em feltro. Forrar os móveis ao movimentá-los é apropriado para não riscar o piso. Salto alto fino com base metálica também marca esse tipo de piso. Evitar molhar em demasia o piso é necessário, pois caso contrário pode haver o inchamento do piso. Deve-se mantê-lo sempre seco.

Esse tipo de piso também tem a vantagem de não carregar cupins, contudo é preciso verificar as condições de presença desses insetos. Ambientes com cupins requerem a desintetização prévia.

Pesquisar mais textos:

Rosana Fernandes

Título:Os benefícios do piso laminado

Autor:Rosana Fernandes(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Rua DireitaRua Direita

    12-05-2014 às 12:45:43

    O piso laminado é muito bom, sua durabilidade é de quase 40 anos e são mais fáceis de manter.
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder
  • silvana 22-02-2014 às 18:17:44

    o piso laminada tem durabilidade de quantos anosposso passar pano umido no piso loaminado

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios