Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Evangélicas > Os Filhos do Espírito Santo

Os Filhos do Espírito Santo

Categoria: Evangélicas
Os Filhos do Espírito Santo

"Vós, porém, não estais na carne, mas no Espírito, se, de fato, o Espírito de Deus habita em vós. E, se alguém não tem o Espírito de Cristo, esse tal não é dele." (Romanos 8.9)

O que muitas pessoas não sabem é que há uma enorme diferença entre ser filho espiritual e filho carnal. Neste artigo vamos entender perfeitamente sobre o assunto. Como pode uma pessoa que ama a pornografia ser filho de Deus? Como pode um indivíduo que vive falando mentiras ao seu próximo ser filho de Jesus Cristo? Como pode uma pessoa que pratica tudo o que é errado ser considerado filho espiritual? Isso não faz sentido. Pelos frutos conhecemos perfeitamente a árvore, se é boa ou ruim. Esse tema é tachado como antiquado pela maioria das pessoas e sabe qual é a razão? Porque boa parte das pessoas desprezam as coisas espirituais, são rebeldes para com o caminho certo e são cegas ao seguir aquilo que só traz problemas para a sua vida. É evidente os resultados negativos que a vontade carnal tem gerado na atualidade. Os filhos do Espírito não atraem maldições e sim priorizam Aquele que abençoa. A família do nascido de Deus é exemplar e seus frutos são de paz, amor e alegria.

Naturalmente, quando a pessoa nasce de novo em sua vida espiritual tem autoridade para vencer todos os problemas, dominar suas vontades erradas e tomar posse das bênçãos de Deus. Todos nós passamos por lutas, mas aquele que é filho do Espírito não teme as suas dificuldades. Como pode uma criatura que pratica relações sexuais com diversas pessoas diferentes ser ao mesmo tempo filho de Deus? Como pode alguém ser viciado no mundo das drogas e ao mesmo tempo ser filho do Espírito? Como pode o indivíduo ser filho de Jesus Cristo se tem praticado tudo o que é errado? Impossível! Para ser filho de Deus a pessoa deve andar na vontade espiritual. Quem agrada a sua carne destrói a sua própria alma. Quer ser filho de Deus? Negue a sua carne! O único jeito de lidar bem com as dificuldades é se tornando filho espiritual. O número de pessoas que praticam a vontade da carne, ou seja, que vivem no pecado cresce cada vez mais justamente por conta que o caminho para a perdição é longo e espaçoso. Os Filhos do Espírito possuem o completo acesso a Deus tanto quanto aquele que se arrepende do pecado tem, mas eles vivem a plenitude de Cristo. Tudo o que Deus promete o nascido do Espírito vivencia em seus caminhos.

O problema do ser humano é achar que o pecado é algo comum e que Deus sempre nos perdoa. Deus ama o pecador, mas abomina suas práticas erradas. Quem vive para as suas vontades terrenas não se encontrará com Deus nos céus. Só entra no Reino de Deus quem é filho do Espírito. Cada vez mais vemos jovens se perdendo no mundo das drogas, da prostituição e da marginalidade. E por que isso acontece com tanta facilidade? Porque não se rendem ao Espírito que é o caminho da dificuldade. A porta para o caminho certo é estreita. Pouquíssimos entrarão por ela. O mundo é pecaminoso e tudo o que é errado se espalha com facilidade. Nem todos os que estão dentro da igreja são filhos do Espírito. Somente é filho de Deus aquele que anda na verdade sacrificando os seus próprios desejos carnais para viver na vontade sagrada de Deus. Enquanto a pessoa não se casa com Deus continua vivendo na vida errada. Casar com Deus exige o compromisso de viver em uma só vontade com Ele e para praticar isso é necessário renunciar tudo o que nosso querer tanto gosta para honrá-Lo.

Aceitar ao Senhor Jesus não é o suficiente. Crer em Deus não é o bastante para que você se torne filho de Deus. É necessário morrer para as suas vontades e viver a justa e perfeita vontade de Deus. O perigo não é viver sem Jesus Cristo e sim morrer sem viver com Ele. Quem vive as paixões desta vida está desprezando a sua herança espiritual na Glória de Deus. O salário de uma vida errada e longe do amor de Deus é a morte eterna em total sofrimento. Não queira correr o risco de sofrer por algo que você está sendo alertado. Existem muitos perigos para aqueles que insistem em viver na carnalidade e um dos piores é a perda da própria vida. Não se pode aceitar que a prática do pecado é algo normal e inofensivo porque se assim o fosse não teriam tantas pessoas morrendo tão tragicamente neste século. Só porque os outros fazem não quer dizer que você tenha que fazer. Não caia no modismo da carne! Viva para o seu Espírito. Desperte a salvação que há dentro de seu coração. Quem vive consumindo a sua vida naquilo que provém da carne(diabo) não poderá alcançar o Espírito(Deus).


Natanael Genoel

Título: Os Filhos do Espírito Santo

Autor: Natanael Genoel (todos os textos)

Visitas: 0

226 

Comentários - Os Filhos do Espírito Santo

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Fine and Mellow

Ler próximo texto...

Tema: Música
Fine and Mellow\"Rua
"O amor é como uma torneira
Que você abre e fecha
Às vezes quando você pensa que ela está aberta, querido
Ela se fechou e se foi"
(Fine and Melow by Billie Holiday)

Ao assistir a Bio de Billie Holiday, ocorreu-me a questão Bluesingers x feminismo, pois quem ouve Blues, especialmente as mais antigas, as damas dos anos 10, 20, 30, 40, 50, há de pensar que eram mulheres submissas ao machismo e maldade de seus homens. Mas, as cantoras de Blues, eram mulheres extremamente independentes; embora cantassem seus problemas, elas não eram submissas a ponto de serem ultrajadas, espancadas... Eram submissas, sim, ao amor, ao bom trato... Essas mulheres, durante muito tempo, tiveram de se virar sozinhas e sempre que era necessário, ficavam sós ou mudavam de parceiros ou assumiam sua bissexualidade ou homossexualidade efetiva. Estas senhoras, muitas trabalharam como prostitutas, eram viciadas em drogas ou viviam boa parte entregues ao álcool, merecem todo nosso respeito. Além de serem precursoras do feminismo, pois romperam barreiras em tempos bem difíceis, amargavam sua solidão motivadas pelo preconceito em relação a cor de sua pele, como aconteceu a Lady Day quê, quando tocava com Artie Shaw, teve que esperar muitas vezes dentro do ônibus, enquanto uma cantora branca cantava os arranjos que haviam sido feitos especialmente para ela, Bilie Holiday. Foram humilhadas, mas, nunca servis; lutaram com garra e competência, eram mulheres de fibra e cheias de muito amor. Ouvir Billie cantar Strange Fruit, uma das primeiras canções de protestos, sem medo, apenas com dor na alma, é demais para quem tem sentimentos. O brilho nos olhos de Billie, fosse quando cantava sobre dor de amor ou sobre dor da dor, é insubstituível. Viva elas, nossas Divas do Blues, viva Billie Holiday, aquela que quando canta parte o coração da gente; linda, magnifica, incomparável, Lady Day.

O amor vai fazer você beber e cair
Vai fazer você ficar a noite toda se repetindo

O amor vai fazer você fazer coisas
Que você sabe que são erradas

Mas, se você me tratar bem, querido
Eu estarei em casa todos os dias

Mas, se você continuar a ser tão mau pra mim, querido
Eu sei que você vai acabar comigo

Pesquisar mais textos:

Sayonara Melo

Título:Fine and Mellow

Autor:Sayonara Melo(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios