Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Evangélicas > Não Seja Vítima De Seus Sentimentos!

Não Seja Vítima De Seus Sentimentos!

Categoria: Evangélicas
Comentários: 1
Não Seja Vítima De Seus Sentimentos!

Quem acredita que a vida é um lindo mar de rosas vive completamente em um filme de ficção, isto é, totalmente frustrado e iludido pelas situações que surgem no caminho. A nossa vida é na verdade repleta de desafios, de perdas e ganhos, de vitórias e derrotas e ninguém neste mundo está isento de encarar alguma barreira no meio do trajeto. Por essa razão, somos nós que decidimos a forma que desejamos encarar as dificuldades que surgirem no decorrer da nossa vida.

Não seja vítima de suas emoções e sim use a sua inteligência para entender como vencer os desafios da vida.

A escolha está na mão de cada pessoa. Sentir-se um fracassado ou usar os problemas como uma grande chance de continuar e alcançar o objetivo? Qual é a sua escolha? Qual dos dois caminhos você costuma trilhar? Muitas pessoas preferem crer que são as únicas e as principais responsáveis pelas situações críticas vivenciadas. E ainda defendem que são culpadas pelos problemas e querem colocar a culpa também a outras pessoas. Quando a pessoa é escrava de suas emoções ela se esquece de lidar com os desafios e insiste em focar os erros crendo cegamente que esse é o certo a fazer.

Essas pessoas sempre estão convictas de que nada tem saída e que o problema permanecerá para todo sempre da mesma forma que se encontra. São pessimistas e sempre tomam atitudes erradas gerando mais fracasso ainda. Esses costumes são naturais em homens e mulheres que utilizam o sentimento como desculpa para não perseverarem diante de um obstáculo.

Essa ação é arriscada e pode se tornar uma verdadeira arapuca. E quando a pessoa cai nessa armadilha vive diariamente em total sofrimento e sem saber o que fazer ou como reagir vão entrando para o caminho da perdição.

A mentalidade da pessoa que se sente fracassada paralisa e impede a mesma de ultrapassar os obstáculos com certeza e confiança. Atitudes negativas resultam no fracasso de qualquer investimento. Se você acha razões para não ser abençoado e não nota que as justificativas são um passo em falso, uma queda rumo ao fracasso, pare e medite um pouco.

Você acredita mesmo que a sua vida é injusta? A questão não é se você tem uma vida injusta e sim o que tem realizado para transformar essa situação. Não é a sua lamentação que te livrará e sim a sua fé.

Decida agora mesmo em mudar a situação que tanto te machuca. Como? Buscando ajuda com quem realmente sabe lidar com os seus problemas. Chega de ficar dependente de seus sentimentos achando que a vida é injusta. Não aceite ficar parado vendo os seus problemas se agravarem. Escolha transformar essa realidade. Tome uma atitude usando a fé verdadeira buscando os resultados que tanto precisa para a sua vida. Se dedique de corpo, alma e espírito a tudo o que provém de Deus.

"A mudança requer uma atitude provida de uma fé verdadeira."


Natanael Genoel

Título: Não Seja Vítima De Seus Sentimentos!

Autor: Natanael Genoel (todos os textos)

Visitas: 0

492 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 1 )    recentes

  • M.L.E.- Soluções de Climatizaçãojulio

    17-08-2014 às 21:07:53

    Parabéns Natanael Genoel porque com este texto conseguiste ficar em segundo lugar da primeira pagina do Google em:
    Cerca de 30 900 000 resultados (0,46 segundos)

    ¬ Responder

Comentários - Não Seja Vítima De Seus Sentimentos!

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Como fazer disfarces de Carnaval

Ler próximo texto...

Tema: Vestuário
Como fazer disfarces de Carnaval\"Rua
O ano começa e depressa chega uma data muito ansiada principalmente pelos mais jovens: o desejado Carnaval!

Esta é uma data que os pequenos adoram e deliram com as fantasias. O problema maior é a despesa que os disfarces representam e no ano seguinte já não usarão o mesmo disfarce ou, no caso dos mais pequenos, já não lhes serve.
O melhor nesta data é mesmo reciclar e aprender a fazer disfarces caseiros utilizando truques mais económicos e materiais reciclados para preparar as fantasias dos pequenitos!

Uma sugestão para os meninos é o traje de pirata que pode facilmente ser criado a partir de peças que tenha em casa. Procure uma camisa de tamanho grande e, de preferência, de cor branca com folhos. Se não tiver uma camisa com estas características facilmente encontrará um modelo destes no guarda-vestidos de alguma familiar, talvez da avó.

Precisará de um colete preto. Na falta do colete pode utilizar um casaco preto que esteja curto, rasgue as mangas pelas costuras dos ombros. As calças devem ser velhas e pretas para poderem ser cortadas na zona das pernas para envelhecer a peça. Coloque um lenço preto ou vermelho na cabeça do menino e, de seguida, com um elástico preto e um pouco de velcro tape um dos olhos.

Para as meninas não faltam ideias originais para fazer disfarces bonitos e especiais para este dia. Uma ideia original é a fantasia de Flinstone. É muito fácil e prática de fazer e fica um disfarce muito bonito. Comece por arranjar um pedaço de tecido branco. Coloque o tecido em volta do corpo como uma toalha de banho e depois amarre num dos braços fazendo uma alça. Depois corte as pontas em ziguezague mantendo um lado mais comprido que o outro. Amarre o cabelo da menina todo no cimo da cabeça, como se estivesse a fazer um rabo-de-cavalo mas alteie-o mais. Com o auxílio de um pente frise o cabelo, pegando nas pontas e passando o pente em sentido contrário até que fique todo despenteado. Numa loja de disfarces compre um osso de plástico e prenda na fita da criança.

Pegue nos materiais, puxe pela imaginação e ponha mãos ao trabalho!

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:Como fazer disfarces de Carnaval

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Rua DireitaRua Direita

    09-06-2014 às 04:01:21

    Não em carnaval, mas em bailes de fantasia, sempre usei o TNT. Eles são ótimos para trabalhar o corte, para costurar e deixa bem bonito!
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios