Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Evangélicas > A Ceia está preparada

A Ceia está preparada

Categoria: Evangélicas
Visitas: 2
A Ceia está preparada

“À hora da ceia, enviou o seu servo para avisar aos convidados: Vinde, porque tudo já está preparado.” (Lucas 14.17)

A preparação da ceia já foi realizada há muito tempo atrás pelo próprio Senhor Jesus Cristo por meio da pregação do Evangelho de Deus. Se hoje existem pessoas vivendo em total sofrimento é porque escolheram se rebelar contra a direção dada pelo Espírito Santo. O que Deus mais quer é que o homem venha viver uma vida agradável e abundante, mas para isso é necessário o mesmo comer do pão do reino de Deus que é buscar a salvação de Jesus Cristo todos os dias de sua vida. A grande ceia do Reino de Deus é dado para todos.

Todas as pessoas são convidadas por Deus para se assentar a mesa para conhecer a sua vontade e o seu amor, porém a maioria recusa e despreza a voz de Deus preferindo obedecer a voz do pecado. Quem quer mesmo ser salvo e livre do sofrimento paga o preço que for necessário para comer do pão da vida que é Cristo. E quando comemos? Quando nos entregamos na presença de Deus. No momento em que entramos em aliança com Deus passamos a “ingerir” o seu Santo Espírito para dentro de nós. E quando recebemos a Deus a nossa vida nunca mais é a mesma, pois ela é transformada.

O Senhor Jesus quer dominar o nosso coração, Ele quer morar em nossa vida por meio de seu Espírito. Porém, nem todos estão dispostos a abrir mão de sua vontade para viver a santa vontade de Deus. Quando o Espírito Santo não toma posse do interior humano, o maligno passa a tomar. Quem possui Cristo dentro de si é capaz de vencer o mundo e suas próprias vontades, pois tem domínio próprio.

Agora quem vive longe do amor de Deus é totalmente dominado pela carne e vive desagradando a Deus. A salvação de nossa alma já está preparada e nós será que estamos prontos para recebê-la? Jesus te convida neste momento a entrar e se assentar a mesa, mas você está disposto a se humilhar diante a sua santa presença negando a sua vida para viver com Ele? Não se pode viver duas vontades! Ou você vive a vontade de Deus para receber da plenitude da salvação ou vive as suas vontades para receber do tormento eterno.

Quando comemos da ceia preparada por Deus a nossa vida é lavada pelo sangue do Cordeiro Santo, nossa mente é transformada e nosso coração é trocado por um novo gerado por Deus.

Os servos de Deus são enviados todos os dias para nos convidar para conhecer mais de Deus e para provar de sua salvação. Se as pessoas morrem sem salvação a culpa não é do homem e sim dela mesma por deixar de ouvir a voz de Deus. Deus fala por meio de seus servos, basta sabermos discerni-la. A salvação já está preparada para a sua vida, mas é preciso que a sua alma esteja totalmente purificada para recebê-la. Um copo sujo não pode receber água limpa para você beber não é verdade? Assim é o nosso interior! Precisa estar limpo para que o Senhor Jesus venha tomar posse do nosso coração. Deus te convida neste instante a provar de sua presença. Uma vez você provando do Espírito Santo, nunca mais vai querer outra coisa em sua vida.

A experiência de ser cheio do Espírito de Deus é a melhor de todas em nossa vida porque ele marca o nosso interior e nos sustenta diante as dificuldades. Se você não tem encontrado mais forças para buscar a Deus e se sente frustrado. Não desista! Faça como Cristo Jesus que mesmo sofrendo e sendo ferido pelo guardas perseverou e se entregou na cruz para te salvar. Levante sua cabeça!

O que Deus preparou para a nossa vida é a vitória sobre o pecado e a vitória sobre a morte eterna. Feliz é aquele que encontra a salvação dada por Deus. Jesus não veio para aqueles que já são alguma coisa e sim para os humildes e necessitados. A salvação da alma é a nossa maior vitória e a maior conquista que precisamos tomar posse com todas as nossas forças. Sem Deus nada podemos fazer. Confesse os seus pecados diante de Deus e se humilhe diante ao Único que pode te exaltar e te honrar diante aos sábios e poderosos deste mundo terreno. Jesus já se sacrificou pela sua vida e você o que tem feito para provar o seu amor por Ele? O Senhor Jesus já está assentado nos céus e já preparou a salvação de sua alma, mas você aceitou o seu convite? E aceitar a salvação de Cristo não é dizer: “Eu aceito Jesus”. Qualquer pessoa pode falar isso! Aceitar o convite de Deus é permitir com que a sua Palavra venha se cumprir dentro de seu íntimo por meio da prática de seu querer diariamente. Se você não tem tido forças para praticar, lembre-se de Deus. Ele nunca desistiu de você e nunca te desamparou. Seja forte! Seja corajoso!

Portanto, feliz é aquele que come do pão do Reino de Deus que é ter vida com Cristo. Aproveite a grande ceia que Deus preparou para a sua vida. O que o mundo lhe oferece mais cedo ou mais tarde vai se acabar, mas o que Cristo Jesus te preparou dura eternamente. O que este mundo lhe dá te levará ao sofrimento eterno, mas o que Deus lhe preparou é para a sua alegria eterna. Dentro de você existe uma alma preciosíssima que Deus valoriza com todas as suas forças e somente Ele sabe o que é melhor para ela. Mesmo sem merecer nós recebemos a honra de se assentar na mesa do Reino de Deus e comer do pão sagrado da salvação da alma. O que vivemos aqui no mundo na presença de Deus não se compara com a Glória que preparada está para todos aqueles que perseverarem até o fim. A coroa da vida será dada somente para os vencedores, isto é, aqueles que sem olhar para nenhuma dificuldade confiaram na Palavra de Deus. A salvação é conquistada todos os dias, cuide da sua e seja feliz eternamente.


Natanael Genoel

Título: A Ceia está preparada

Autor: Natanael Genoel (todos os textos)

Visitas: 2

592 

Comentários - A Ceia está preparada

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Os descendentes de Eça

Ler próximo texto...

Tema: Literatura
Os descendentes de Eça\"Rua
Recentemente, por via da comunicação social, soubemos da entrega do prémio Leya, a um trineto de Eça de Queirós. Julgo que bastou essa noticia, para que todos ficássemos curiosos sobre os seus descendentes…esse mistério, como o Mistério da Estrada de Sintra, começou a adensar-se entre quem se interessa por estas coisas da literatura e da genealogia…então aqui deixo algumas notas que poderão ser importantes para quiçá, um dia, um qualquer jornalista, ou editor, se lembre, de conseguir reunir todos os seus descendentes vivos e se tire uma fotografia de família.

José Maria Eça de Queirós, escritor pródigo da nossa nação, contraiu matrimónio em 1886, com Emília de Castro Pamplona Resende, condessa de Resende, deixando à data de sua morte, em Paris, quatro filhos como seus descendentes e herdeiros diretos; foram eles António Eça de Queirós, Maria Eça de Queirós, Alberto Eça de Queirós e José Maria Eça de Queirós; portanto três meninos e uma menina.
Através do site Geneall.net, foi possível perceber as linhas genealógicas que se seguiram aos seus filhos. No entanto, nem todos os nomes dos seus bisnetos e trinetos estão aí presentes, com certeza por motivos de ordem pessoal, de resguardo da privacidade, motivos que não podemos questionar. Porém, é possível, pelo menos determinar a existência desses membros da família queirosiana.

De antemão sabemos que não houve descendência por parte de dois dos seus filhos, António Eça de Queirós e de Alberto Eça de Queirós.
Maria Eça de Queirós teve dois filhos, uma menina e um menino, porém a menina morreu muito nova, ficando apenas o menino, de seu nome Manuel Pedro Benedito de Castro, que mais tarde casou com Maria da Graça Salema de Castro, a mulher que se tornou a primeira diretora da Fundação Eça de Queirós, na casa de Tormes, pertença da família da esposa de Eça de Queirós. Como Manuel Pedro Benedito de Castro não teve filhos, sabemos que por este ramo, terminou a descendência do escritor.

Convém, entretanto, acrescentar aqui uma curiosidade. Depois do regresso a Portugal da viúva de Eça, ela e os filhos, foram residir para a casa da Granja, pertencente à família de Sophia de Mello Breyner. Inicialmente como esta casa costumava ser arrendada pela família de Sophia, Emília de Castro, arrendou-a, vindo a compra-la uns anos depois. Portanto, é aqui nesta casa que ela cria os seus filhos, e é onde, José Maria Eça de Queirós, um dos seus filhos, permanece após a sua morte, tendo criado aqui os seus filhos e netos, e tendo aqui também falecido.

Podemos então seguramente afirmar que a sua grande linha de descendência parte do seu filho, com o mesmo nome, José Maria Eça de Queirós, que teve também ele, atente-se à curiosidade, quatro filhos, neste caso, ao inverso, um menino, e três meninas, respetivamente de seus nomes, Manuel Eça de Queirós, Maria das Dores Eça de Queirós, Matilde Maria de Castro de Eça de Queirós e Emília Maria de Castro Eça de Queirós. Esta ultima, Emília, teve ao que consta nove filhos, sendo que um deles, Afonso Maria Eça de Queirós Cabral, é quem atualmente preside à Fundação acima citada, depois da morte da primeira presidente, referida atrás, Maria da Graça Salema de Castro.

Manuel Eça de Queirós por sua vez teve seis filhos, Maria das Dores Eça de Queirós teve três filhos, e Matilde Maria de Castro de Eça de Queirós, dois filhos. Somados, contabilizamos vinte, os bisnetos do famoso escritor. Seria interessante avançar um pouco mais nos ramos genealógicos e aflorar quem são ou pelo menos, quantos são os trinetos e tetranetos de Eça, por conseguinte fica aqui o desafio, pois é certo que porventura alguns destes descendentes não se conhecem, e nunca terão trocado qualquer impressão sobre o seu ascendente, para uns, bisavô, para outros trisavô, e ainda para outros, tetravô.

Pesquisar mais textos:

Liliana Félix Leite

Título:Os descendentes de Eça

Autor:Liliana Félix Leite(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios