Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Empresariais > O que não deve contar aos seus colegas de trabalho

O que não deve contar aos seus colegas de trabalho

Categoria: Empresariais
Visitas: 2
Comentários: 1
O que não deve contar aos seus colegas de trabalho

Muitos de nós, vemos o local de trabalho como sendo uma extensão de casa devido o tempo em que se passa dentro da empresa e, mesmo quem trabalha no serviço externo, está em função do trabalho.

Para afastar esse pensamento errôneo, devemos pensar e analisar o seguinte: no trabalho é preciso uma postura que requer mais sobriedade no vestir, horários à cumprir, metas mensais a serem alcançadas quando estipuladas, passar o dia ao lado de pessoas que nem sempre se tem a melhor simpatia, obedecer ordens e respeitar a hierarquia com pessoas que até então eram totalmente estranhas, saber lidar com a competividade profissional e tudo o mais. O fato é que, no ambiente familiar, se quiser passar o dia usando apenas as peças íntimas, se passa, se quiser reuinir-se com a família toda hora, se reune, se quiser ficar diante da televisão o dia todo, basta ligar o botão. Pois bem, será que é assim que nos comportamos no trabalho fazendo o que se quer a qualquer hora todos os dias? Então porque o trabalho é uma extensão de casa? Será que ficar à toa sentado no sofá trara o rendimento financeiro do trabalho? Será que se pode chegar e sair a hora que bem enterder no trabalho como se faz em casa? Claro que não, então vamos derrubar essas idéias.

O caro leitor deve estar se perguntando onde vamos chegar com todas essas indagações. É simples, é para melhor entendermos que é preciso haver uma separação, uma atitude profissional que não impede ser autêntico, a diferença é que devemos ter atenção, que os colegas de trabalho, por mais que pareçam confiáveis, ou que por um ou por outro se tenha mais sintonia, que pareça ser uma boa pessoa, não se deve dizer tudo que vem à cabeça.

Um comentário que deve ser evitado é falar mal dos superiores, do patrão, dos colegas de trabalho e de quem quer que seja que faça parte do trabalho. Primeiro por uma questão de ética de conduta, segundo e mais sério motivo, é que mesmo em um momento de desabafo, diante de uma indignação ou por estar atravessando um momento delicado, se contar para o colega de trabalho que tem desafeto com ciclano ou beltrano, esse comentário pode se tornar uma ameaça e voltar de outra forma, quer dizer; esse paciente colega de trabalho, pode posteriormente levar esse comentário adiante causando um verdadeiro rebouliço, memso que ele fale mal de alguém, não caia nessa, pode ser um incentivo para você se abrir. Assim como pode nada acontecer e ele simplesmente entender que foi um comentário infeliz levado por uma forte emoção, pode se tornar o oposto e você além de ficar com a reputação profissional abalada, ser quem sabe, o demitido.

Sílvia Baptista

Título: O que não deve contar aos seus colegas de trabalho

Autor: Sílvia Baptista (todos os textos)

Visitas: 2

775 

Imagem por: Seth W.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 1 )    recentes

  • Sofia NunesSofia Nunes

    18-09-2012 às 13:12:20

    Apesar de não estar inserida ainda no mercado de trabalho, compreendo como entre colegas se desenvolve alguma intimidade e partilha. Por exemplo, é comum que os colegas de trabalho se tornem naquilo a que se chama depreciativamente “amigos de circunstância”, planeando-se saídas entre o leque de trabalhadores da mesma empresa. Para além disso, alguns colegas tornam-se amigos para a vida. É apenas necessário identificar os que têm potencial de futuros amigos e os estritamente colegas.

    ¬ Responder

Comentários - O que não deve contar aos seus colegas de trabalho

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Como fazer disfarces de Carnaval

Ler próximo texto...

Tema: Vestuário
Como fazer disfarces de Carnaval\"Rua
O ano começa e depressa chega uma data muito ansiada principalmente pelos mais jovens: o desejado Carnaval!

Esta é uma data que os pequenos adoram e deliram com as fantasias. O problema maior é a despesa que os disfarces representam e no ano seguinte já não usarão o mesmo disfarce ou, no caso dos mais pequenos, já não lhes serve.
O melhor nesta data é mesmo reciclar e aprender a fazer disfarces caseiros utilizando truques mais económicos e materiais reciclados para preparar as fantasias dos pequenitos!

Uma sugestão para os meninos é o traje de pirata que pode facilmente ser criado a partir de peças que tenha em casa. Procure uma camisa de tamanho grande e, de preferência, de cor branca com folhos. Se não tiver uma camisa com estas características facilmente encontrará um modelo destes no guarda-vestidos de alguma familiar, talvez da avó.

Precisará de um colete preto. Na falta do colete pode utilizar um casaco preto que esteja curto, rasgue as mangas pelas costuras dos ombros. As calças devem ser velhas e pretas para poderem ser cortadas na zona das pernas para envelhecer a peça. Coloque um lenço preto ou vermelho na cabeça do menino e, de seguida, com um elástico preto e um pouco de velcro tape um dos olhos.

Para as meninas não faltam ideias originais para fazer disfarces bonitos e especiais para este dia. Uma ideia original é a fantasia de Flinstone. É muito fácil e prática de fazer e fica um disfarce muito bonito. Comece por arranjar um pedaço de tecido branco. Coloque o tecido em volta do corpo como uma toalha de banho e depois amarre num dos braços fazendo uma alça. Depois corte as pontas em ziguezague mantendo um lado mais comprido que o outro. Amarre o cabelo da menina todo no cimo da cabeça, como se estivesse a fazer um rabo-de-cavalo mas alteie-o mais. Com o auxílio de um pente frise o cabelo, pegando nas pontas e passando o pente em sentido contrário até que fique todo despenteado. Numa loja de disfarces compre um osso de plástico e prenda na fita da criança.

Pegue nos materiais, puxe pela imaginação e ponha mãos ao trabalho!

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:Como fazer disfarces de Carnaval

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Imagem por: Seth W.

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Rua DireitaRua Direita

    09-06-2014 às 04:01:21

    Não em carnaval, mas em bailes de fantasia, sempre usei o TNT. Eles são ótimos para trabalhar o corte, para costurar e deixa bem bonito!
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios