Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Biografias > Um pouco sobre Ana Paula Arosio

Um pouco sobre Ana Paula Arosio

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Biografias
Comentários: 2
Um pouco sobre Ana Paula Arosio

Uma vez que fez 12 anos começou sua vida profissional, preferindo atuar como manequim, depois de conversar com uma agente de modelos em um mercado.Ao longo dos anos, virou uma manequim muito bem estabilizada profissionalmente.

Após fazer muitos editorais de beleza e ser a protagonista de várias progandas, emigrou para a interpretação, começou com aproximadamente 19 anos, na produção italiana Fornecer, Em seguida fez muitas novelas, sendo fazendo papeis secundários sem muita importância.

Na mesma época, protagonizou uma peça de teatro, e em uma produção de Fedra. Seu desempenho nessa peça atraiu os olhares de um diretor da Rede Globo de Televisão, que fez um convite para fazer o papel principal de uma série que ele estava fazendo. Como era o papel de uma meretriz que termina apaixonada por um inocente padre, o diretor deseja a uma mulher ainda não muito famosa. Mas, a atriz trabalhava para outra emissora de televisão.

Através de um pacto entre os dois canais de televisão fez com que Ana pudesse atuar como prostituta, a série toda foi gravada num único trimestre. Devido ao fato de ter começado muito bem na outra emissora, terminou ganhando fama teve um grande acolhimento pelo público, foi muito bajulada e ganhou muitos prêmios.

Ainda adolescente teve seu primeiro relacionamento amoroso, um homem com uma grande diferença de idade em relação à Ana. Nesta época, a atriz ainda não tinha idade o suficiente para analisar suas atitudes, o que ajudou no termino da relação. Deixou de ser virgem só depois de duas décadas de primaveras já que antes não se sentia bem com esse assunto, depois de iniciar sua vida sexual, foi largada pelo namorado. Onde terminou desenvolvendo uma forte depressão.Trata-se de uma excelente atriz, que teve que lutar muito para chegar aonde chegou. Apesar de ser muito bonita, nunca precisou usar esse tipo de artificio para conquistar qualquer coisa em sua vida; Ana costuma dizer que a beleza é secundaria em relação ao talento. Segundo, a atriz quando existe talento não existe falta de beleza que sufoque esse talento.Atualmente,Ana está casada e se afastou da televisão,do teatro e também do cinema.

Gabriela Torres

Título: Um pouco sobre Ana Paula Arosio

Autor: Gabriela Torres (todos os textos)

Visitas: 0

645 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 2 )    recentes

  • SophiaSophia

    24-04-2014 às 22:02:13

    Ela tem uma beleza peculiar, uma mulher de garra. Ana Paula Arósio sempre foi uma bela atriz em todas as suas novelas.

    ¬ Responder
  • Sofia NunesSofia Nunes

    17-09-2012 às 12:32:11

    Não sou grande fã de novelas. No entanto, desde criança que me sinto atraída pelas novelas brasileiras épicas. Assim sendo, o seu texto chamou-me a atenção porque é sobre Ana Paula Arosio, a protagonista de uma das minhas novelas de época favoritas, Terra Nostra. É sempre nostálgico lembrar-me de uma figura que fez parte de uma altura da minha infância (afinal, tinha cerca de 8 anos quando a novela esteve no ar em Portugal).

    ¬ Responder

Comentários - Um pouco sobre Ana Paula Arosio

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Futuro da Tecnologia, Qual o Limite?

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Informática
Futuro da Tecnologia, Qual o Limite?\"Rua
Futuro da Tecnologia, Qual o Limite?

Bom, Não é de hoje que tecnologia vem surpreendendo a todos nós com grandes revoluções e os custos que diminuem cada vez mais.
Hoje em dia é comum ver crianças com smarthphones com tecnologia que a 10 anos atrás nem o celular mais moderno e caro do mercado tinha.
Com isso surgiram sugiram vários profetas da tecnologia e visionários, tentando prever qual será o próximo passo.

E os filmes retratam bem esse tema e usam essa formula que atrai a curiosidade das pessoas.
Exemplos:

Minority report - A nova lei de 2002 (Imagem)

Transcendence de 2014

Em Transcendence um tema mais conspiratório, onde um ser humano transcende a uma consciência artificial e assim se torna imortal e com infinita capacidade de aprendizagem.
Vale a pena ver tanto um quanto o outro filme. Algumas tecnologias de Minority Report, como utilizar computadores com as mãos (caso do kinect do Xbox 360 e One) e carros dirigidos automaticamente, já parecem bem mais próximo do que as tecnologias vistas em Transcendence, pois o foco principal do mesmo ainda é um tema que a humanidade engatinha, que é o cérebro humano, a máquina mais complexa conhecida até o momento.

Eu particularmente, acredito que em alguns anos teremos realmente, carros pilotados automaticamente, devido ao investimento de gigantes como o Google e o Baidu nessa tecnologia.

Também acho que o inicio da colonização de Marte, vai trazer grandes conquistas para humanidade, porém grandes desafios, desafios esses que vão nos obrigar a evoluir rapidamente nossa tecnologia e nossa forma de encarar a exploração espacial, não como um gasto, mas sim como um investimento necessário a toda humanidade e a perpetuação da sua existência.

A única salvação verdadeira para humanidade e para o planeta terra, é que seja possível o ser humano habitar outros planetas, seja localizando planetas parecidos com a terra ou mudando planetas sem condições para a vida em planetas habitáveis e isso só será possível com gente morando nesses planetas, como será o caso do Marte. O ser humano com a sua engenhosidade, aprendeu a mudar o ambiente a sua volta e assim deixou de ser nômade e da mesma forma teremos que aprender a mudar os mundos, sistemas, galáxias e o universo a nossa volta.

Espero que tenham gostado do meu primeiro texto.
Obrigado à todos!
Até a Próxima!


Pesquisar mais textos:

Érico da Silva Kaercher

Título:Futuro da Tecnologia, Qual o Limite?

Autor:Érico da Kaercher(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios