Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Biografias > Sobre Carlos Villagran o Quico do chaves

Sobre Carlos Villagran o Quico do chaves

Categoria: Biografias
Sobre Carlos Villagran o Quico do chaves

Carlos Villagrán Eslava (Cidade do México, 12 de Janeiro de 1944) é um ator humorístico mexicano, mundialmente famoso por ter interpretado o garoto Quico, no seriado Chaves (El Chavo del Ocho).
Nascido em 12 de janeiro de 1944, Carlos teve uma infância pobre. Antes de se tornar ator foi fotógrafo de um jornal mexicano, trabalhava com esportes. Seu sonho era ser comediante ou jogador de futebol.

Carlos também é conhecido no México como Pirolo, pois antes de atuar em El Chavo del Ocho, tinha um personagem com esse nome em um circo. Certa vez, em uma apresentação, foi visto por Rubén Aguirre (Professor Girafales) que ficou encantado com o seu talento e o indicou à Roberto Gómez Bolaños. Carlos Villagrán deixou a fotografia aos 23 anos e começou a viver Quico no seriado El Chavo del Ocho, sendo que já interpretava o personagem também em circos e teatro.

No ano de 1978, Carlos Villagrán deixou o elenco do seriado. Devido à imposição de Roberto Bolaños, Carlos foi impedido de atuar com seu personagem no México, forçando sua ida PARA a Venezuela. Lá, fez o programa Federrico, que não fez muito sucesso, com a audiência em baixa decidiu retornar ao México, onde fez o programa ¡Ah que Kiko!. Carlos ainda protagonizou um programa no Chile chamado O Circo de Monsieur Cachetón.
No final dos anos 80 decidiu parar de fazer televisão.

Nos anos 90, se dedicou a viajar pela América Latina com um circo, fazendo apresentações em diversos países da América do Sul e América Central. No Brasil, o ator fez shows entre 1996 e 1997 em diversas cidades do Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná e São Paulo.

Em 2013, em uma turnê pelo Brasil anunciou sua aposentadoria, aos 69 anos. O último show de sua carreira foi no dia 11 de Maio, em um circo no Rio de Janeiro. Sua turnê de despedida ainda passou por Porto Alegre, Belo Horizonte, São Paulo, Recife e Campos dos Goytacazes. Durante a turnê, em homenagem a sua paixão pelo futebol brasileiro, foi nomeado embaixador da Copa do Mundo do Brasil, na cidade de Porto Alegre. O ator recebeu o título das mãos do prefeito José Fortunati.

Atualmente, mora em Guadalajara, no México, com sua atual esposa. Carlos tem seis filhos de outro casamento.
Em 2014, Villagrán abandonou a aposentadoria e anunciou que irá fazer uma turnê pelo Brasil.1


Celso Junior Juniorcis

Título: Sobre Carlos Villagran o Quico do chaves

Autor: Celso Junior Juniorcis (todos os textos)

Visitas: 0

296 

Comentários - Sobre Carlos Villagran o Quico do chaves

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Como cuidar de Plantas de interior

Ler próximo texto...

Tema: Bricolage Jardim
Como cuidar de Plantas de interior\"Rua
Cada planta tem um comportamento diferente, vou colocar aqui alguns cuidados que servem para a maioria delas.

LUZ:

Os principais erros no cultivo de plantas de interior é a falta de luz.
Se elas estiverem em locais onde não há luz suficiente, isso pode ser corrigido com a instalação de luz artificial, existe no mercado lâmpada que imitam a luz natural.


TEMPERATURA:

Mudanças bruscas de temperatura retardam e até paralisa o crescimento da planta, bem como causa a queda de folhas.


UMIDADE:

A maioria das plantas necessita de uma umidade atmosférica adequada.
Normalmente notamos que a planta não está com a umidade correta quando acontece ficarem amarelas e a queda de folhas.


IRRIGAÇÃO:

Conselhos básicos:
Uma planta em fase de crescimento vai precisar de mais água que uma que está em fase de dormência, ou já atingiu o seu tamanho adulto.
Durante a floração a planta precisa de mais água que em sua fase de crescimento
Em ambientes internos mais quentes é evidente que a planta vai precisar de mais águas que em ambientes mais frios.
Para saber qual é o momento exato de molhar, enfie o dedo no substrato, se sentir ele seco, chegou a hora

FERTILIZANTE:

Para que a planta tenha um desenvolvimento harmonioso convém usar periodicamente de fertilizantes que podem ser líquido ou sólidos.
No mercado existe a venda fertilizante com fórmulas específicas para cada planta.
Após a utilização do fertilizante regue a planta.

LIMPEZA:

Faça regularmente a limpeza de folhas secas e caule, pois elas são bastante positivas não só esteticamente como para a saúde das plantas.
Se estiver acumulada muita poeira sobre as folhas, espane, e depois passe um pano húmido
Atenção: Existe algumas espécies, que tem as folhas aveludadas, tipo a Violeta Africana, Begônia Rex, etc. que não deve ser colocada água é só usar uma escovinha bem macia.

TROCA DE VASO:

De uma maneira geral após 1 ou 2 anos as plantas de interior devem ser colocadas em vasos de tamanho maior.
Isso deve ser feito porque as raízes passam a ocupar um grande espaço e também porque o substrato vai perdendo sua composição inicial.
A época mais adequada varia de planta para planta, algumas devem ser feitas na primavera e outras quando estão na fase de repouso.
Aproveite para obterem mudas, separando brotos e dividindo touceiras.

Pesquisar mais textos:

Miguel Pereira

Título:Como cuidar de Plantas de interior

Autor:Miguel Pereira(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Briana AlvesBriana

    13-10-2014 às 04:09:31

    Muito bom! É tão gratificante cuidar de plantas. A gente vê o quanto elas florescem quando são bem-cuidadas. Amei as dicas!

    ¬ Responder
  • Rua DireitaRua Direita

    18-04-2014 às 22:36:55

    Fantástico seu texto, a Rua Direita agradece!

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios