Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Beleza > Tipos de vernizes - Conhece todos?

Tipos de vernizes - Conhece todos?

Categoria: Beleza
Visitas: 44
Comentários: 15
Tipos de vernizes - Conhece todos?

A maioria das mulheres tem uma atenção especial às suas unhas. Muitas delas fazem a manicure em casa. Também o faz?

Possivelmente a resposta é “sim”. No entanto, será que tem conhecimento dos tipos de vernizes existentes?

Tendo em conta a vasta lista de vernizes e variações que existem hoje em dia, deixo aqui uma panóplia de possibilidades para que possa escolher os que melhor se adaptam a si.

BASES
As bases devem ser aplicadas em cada manicure, antes da cor, para proteger a sua unha dos pigmentos, por vezes agressivos. Eis alguns tipos de base:

*Base simples – A base simples trata-se de um verniz transparente, semelhante aos top coats, mas com menos brilho. Uma camada desta base protege a sua unha sem que tenha funções adicionais.

*Base vitaminada – As bases vitaminadas (também encontradas em variantes com óleos, extractos de bambu, etc.) têm como função, para além da protecção, o tratamento e auxílio ao crescimento. As que contêm vitaminas ajudam ao crescimento saudável; as que têm óleos tratam as unhas secas e quebradiças; as que possuem extractos de bambu conferem flexibilidade às unhas.

*Base de preenchimento – A base de preenchimento contem uma substância (em geral derivada da celulose) que preenche falhas na unha, como esterias, cortes, riscos, entre outras. Aplicada correctamente, chega a conferir um aspecto de unha de gel às suas unhas naturais.

*Base refrescante – Esta base contém extractos de plantas refrescantes, como a menta, que refrescam as suas unhas e as cutículas, para uma sensação de bem-estar.

TRATAMENTOS
Os tratamentos para unhas, hoje em dia, são cada vez mais acessíveis. Aqui ficam alguns, os básicos.

*Endurecedor – Os endurecedores servem para conferir resistência a unhas fracas. Os melhores são aqueles que contêm queratina, pois esta é a substância principal de formação das unhas.

*Anti-esterias – Estes vernizes previnem e controlam o crescimento de unhas esteriadas, ou seja, as unhas que crescem com falhas.
*Crescimento – Vernizes e geis de crescimento contêm complexos vitamínicos que impulsionam o crescimento da unha.

*Amargo – Estes vernizes têm um sabor amargo, para ajudar no combate ao vício de roer as unhas.

CORES
Os vernizes coloridos decoram as nossas unhas. Existe uma infinidade de variadades.

*Nail art – Estes são vernizes mais pequenos, com pinceis finos, que permitem desenhar nas unhas sem dificuldade. Estão disponíveis em várias cores.

*Longa Duração – São vernizes de várias cores, que duram mais tempo que o habitual.
*Opaco – Vernizes de cores simples, opacas. Estes vernizes são os mais normais de encontrar.

*Semi-transparente – Vernizes de várias cores, que não são completamente opacos.

*Pastel – Vernizes, geralmente opacos, em cores pastel.

*Neon – Vernizes com cores fluorescentes, geralmente reactivas a luz negra.

*Pérola – Vernizes que adquirem diferentes matrizes de cor consoante a luminosidade.

*Nacarados – Vernizes com efeito de nácar, ou seja, semelhantes a pérolas.

*Glitter – Vernizes com brilhantes. Os vernizes Glitter podem variar a quantidade de brilhantes, o formato destes e a coloração da base.

*Matte – Vernizes com acabamento Matte (sem brilho).

*Metalizado – Vernizes com efeito de metal.

*Efeito espelho – Vernizes de alto brilho, com efeito semelhante ao espelho.

Podem vir em diferentes cores.

*Efeito smooth – Vernizes com acabamento macio.

*Efeito cerâmica – Vernizes mais duros que o habitual, com efeito semelhante a cerâmica.

*UV changing – Vernizes que alteram a sua coloração quando expostos a luz UV (como a do sol, por exemplo) e a retomam ao sair dessa exposição.

*Magnéticos/ 3D effect – Vernizes com partículas magnéticas e um iman na tampa que, ao ser aplicado no verniz ainda húmido, cria efeitos tridimensionais.

COATS E FINALIZADORES

Para finalizar uma manicure, é importante usar um Top-Coat, para a prolongar. Aqui ficam alguns tipos de coat disponíveis.

*Coat básico – Verniz transparente brilhante. Deve ter em conta a qualidade do coat, para evitar “borrar” nail arts que tenham mais que uma cor.

*Coat Matte – Transforma qualquer verniz sobre o qual for aplicado em verniz matte.

*Coat Extra-brilho – Dá um brilho resplandescente às suas unhas.

*Coat Secante – Diminui o tempo de secagem das camadas de verniz anteriores e do próprio coat.

*Craquelê – Embora não seja um coat, este é um modificador. Os craquelês são aplicados sobre um verniz colorido. Em contacto com o ar, este verniz começa a estalar, criando um efeito de mosaico na unha.

Espero que fiquem informadas com este artigo.

Com esta informação, podem já fazer as mais fantásticas proezas nas unhas!


Patrícia Carvalho

Título: Tipos de vernizes - Conhece todos?

Autor: Patrícia Carvalho (todos os textos)

Visitas: 44

768 

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 15 )    recentes

  • SophiaSophia

    17-06-2014 às 07:16:54

    Muito bom os tipos de vernizes, geniais!
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder
  • Cristina SousaCristina Sousa

    01-10-2012 às 14:48:20

    Os tipos de vernizes que conheço são os de tratamento e os que dão cor. Sem que faço a manicure e pedicure, e pinto as unhas, coloque primeiro um verniz de tratamento e depois um de cor. No inverno, nas unhas dos dedos dos pés só aplico um verniz de tratamento, pois os pés não ficam exposto ao ar. Nesta situação, uma esteticista recomendou-me a aplicação de um verniz anti fungos.

    ¬ Responder
  • Pedro gil FerreiraPedro gil Ferreira

    29-09-2012 às 11:27:30

    No geral quase todas as mulheres usam as unhas pintadas e até homens já pintam de branco ou cr brilhante.è verdade que umas unhas bem pintadas faz sobressair a atenção e complementa as toiletes.quanto ás cores e tipo de vernizes há para todos os gostos e feitios, bem como preços.

    ¬ Responder
  • Nilson EmpreendedorNilson Uemoto

    28-09-2012 às 01:13:24

    Com esse artigo todas as mulheres a partir de agora serão capazes de fazer as próprias unhas em casa.Muitas mulheres esquecem das utilidades dos vernizes e com isso suas unhas não ficam tão bonitas e nem duram muito quando são pintadas.Vernizes são fáceis de aplicar e existem de todos os tipos, vale a pena conhecer melhor a utilidade deles e começar a usá-los na manicure

    ¬ Responder
  • Nilson EmpreendedorNilson Uemoto

    28-09-2012 às 01:04:40

    Com esse artigo todas as mulheres a partir de agora serão capazes de fazer as próprias unhas em casa.Muitas mulheres esquecem das utilidades dos vernizes e com isso suas unhas não ficam tão bonitas e nem duram muito quando são pintadas.Vernizes são fáceis de aplicar e existem de todos os tipos, vale a pena conhecer melhor a utilidade deles e começar a usá-los na manicure

    ¬ Responder
  • Lucas SouzaLucas Souza

    27-09-2012 às 10:57:11

    Que engraçado, aqui no Brasil o vernize que conheço é aquele que passamos nos móveis e eles ficam brilhantes. Interessante como o significado da palavra pode mudar de uma forma tão diferente. Minha namorada adora esmaltes (os vernizes de Portugal), procurando sempre cores bonitas e novas para mudar o look e fazer a diferença. Acho legal diversas cores, a vastidão é grande podendo combinar com todas as mulheres. Belas dicas Patrícia, as moças certamente agradecem!

    ¬ Responder
  • Daiany Nascimento

    26-09-2012 às 14:13:07

    Olá Patrícia, parabéns pelo ótimo texto, realmente gostei de conhecer as diversas cores de esmaltes que existem. Isto porque eu adoro deixar as minhas unhas sempre bonitas, também adoro variar nas cores de esmaltes, e gostei bastante de suas dicas. Achei muito legal o UV changing, ainda não tinha conhecimento de tal efeito, agora vou procurar para ver se acho vendendo em algum lugar. Não vejo a hora de poder experimentar e ver o efeito!

    ¬ Responder
  • Teresa Maria Batista GilTeresa Maria Batista Gil

    26-09-2012 às 14:12:42

    A escolha do verniz para pintar as unhas é cada vez mais difícil em virtude da sua imensa variedade.A cada dia aparecem diferentes marcas e cores, relacionados com a moda atual e maquilhagem.Há quem pinte as unhas de várias cores, com desenhos, lisas , de preto ou de roxo.E, apesar disso, nem todos os tipos de vernizes se conhecem, devido à moda das unhas de gel.

    ¬ Responder
  • Gabriela TorresGabriela Torres

    26-09-2012 às 03:17:46

    Vernizes são ótimos para dar um bom acabamento em qualquer pintura.Não existe pintura ou tinta que fique bem,sem aplicar um verniz após.Por isso acho necessário conhecer vários tipos de vernizes,antes de pintar um local.

    ¬ Responder
  • Adriana SantosAdriana dos Santos da Silva

    24-09-2012 às 17:25:26

    Os vernizes servem para dar uma maior durabilidade e brilho às sua cores. Sejam elas onde forem, produzem um efeito bem melhor que se não o tivessem usados. Esses tipos de vernizes nos mostram o quanto é importante conhecê-los para que possamos adaptá-los com uma maior absorção. Que bom poder me manter informada sobre seus tipos, não os conhecia e vale a pena ler sobre ele. Parabéns pelo texto, bem riquíssimo. Gostei bastante, muito útil.

    ¬ Responder
  • Daniela VicenteDaniela Vicente

    24-09-2012 às 00:31:13

    não conheço todo o tipo de vernizes. eu uso o mais simples que se compra aí no mercado.é de uma marca ,muito conhecida por ser boa. a cosmética em Portugal ainda não tem muita concorrência, pois a importação é muito restrita. eu oiço falar de produtos em programas estrangeiros que nunca ouvi falar aqui em Portugal, pois simplesmente não há. também não sei até que ponto é importante saber isso, em todo o caso parabéns.

    ¬ Responder
  • Carla HortaCarla Horta

    23-09-2012 às 22:55:08

    É curioso, não sabia que existiam tantos tipos de vernizes. De facto a industria de manicura está muito desenvolvida e não fazia sentido haver somente um tipo de verniz. Informação preciosa para quem faz a manicura em casa. parabéns.

    ¬ Responder
  • Sofia NunesSofia Nunes

    23-09-2012 às 15:57:54

    Gostei muito do seu texto. É incrível como pintar as unhas adequadamente e para que o efeito dure mais tempo (ao mesmo tempo que as protegemos) pode envolver tantos produtos. Pessoalmente, e apesar de demorar mais tempo, costumo usar sempre uma base de verniz, para que este agarre melhor, seguido de duas camadas de esmalte, terminando finalmente com um secante, seja de brilho ou mate. Interessou-me especialmente, no seu texto, o craquelê, que irei experimentar.

    ¬ Responder
  • M.L.E.- Soluções de ClimatizaçãoDaniela Vicente

    12-09-2012 às 15:03:52

    que texto maravilhoso. nunca pensei que pintar as unhas englobasse tantos processos, ou melhor, tantos produtos. eu usei durante algum tipo a base para as unhas, mas passado algum tempo as unhas ficaram muito frágeis e lascavam-se. se calhar usei muito tempo a base. realmente não sei o que se passou. agora uso só o verniz muito conceituado no mercado e passo duas vezes na unha. fica com um efeito lindo, brilhante, cor de pérola.

    ¬ Responder
  • Patrícia CarvalhoPatrícia Carvalho

    16-05-2014 às 20:16:24

    Daniela possivelmente não usou uma base adequada. Deve também ter as unhas sem verniz durante algum tempo entre pinturas, para as deixar respirar

    ¬ Responder

Comentários - Tipos de vernizes - Conhece todos?

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Dicas para decorar salas pequenas.

Ler próximo texto...

Tema: Decoração
Dicas para decorar salas pequenas.\"Rua
A realidade das grandes cidades é que a maioria das pessoas mora em espaços pequenos. É fato também que todos desejam ter um ambiente acolhedor e aconchegante para receber amigos. Em contrapartida, na medida em que os espaços encolhem, a quantidade de aparelhos eletrônicos que utilizamos aumenta cada vez mais. Há ainda quem use a sala como home-office.

Nesta busca de inspiração para organizar e incrementar sua sala, encontramos uma série de sites especializados e blogs com muitas, muitas ideias. O conceito de D.I.Y. (do it yourself) que significa "faça você mesmo” nunca esteve tão na moda. É uma alternativa para reduzir gastos com mão de obra e nada melhor do que criar um espaço com um toque todo seu. Inspirações e ideias não faltam. Hoje, de certa forma todos nos sentimos meio decoradores.

Mas planejar a decoração de uma sala pequena exige alguns cuidados para que o ambiente não fique entulhado de móveis, disfuncional ou até mesmo desagradável.

Confira algumas dicas para decorar sua sala com estilo e valorizando seu espaço:
Os espelhos, além da autocontemplação, causam efeitos interessantes. Aplicados, por exemplo, em uma parede inteira pode duplicar a amplitude do ambiente. Pode ser usado também em móveis, tetos, em diversos formatos e valorizar a luminosidade da decoração.

As cores tem poder de causar sensações. Em ambientes com pouco espaço, elas podem colaborar para que a sensação de amplitude possa tanto aumentar quanto diminuir. Para pintar as paredes de sua sala aposte em cores claras. O teto com uma cor mais clara que a das paredes, por exemplo, pode simular uma elevação do teto, já em uma cor mais escura, promoverá uma sensação de rebaixamento do teto.

A escolha e posição dos móveis são um aspecto muito importante. Opte por poucos móveis, nunca de tamanhos exagerados e posicione-os de forma que valorize o espaço. Móveis que misturam poucos materiais, baixos e com linhas retas proporcionam leveza ao ambiente.

Uma solução muito interessante para espaços pequenos é a utilização de prateleiras. Caixas para produtos horto frutícolas reformadas podem se tornar lindas prateleiras. Mas cuidado com a profundidade, para não atrapalhar na disposição de outros móveis e objetos.

Móveis multifuncionais ou móveis inteligentes são excelentes alternativas para uma sala pequena. Um bom exemplo são pufes, que podem ser usados como mesas de centro ou ficarem alojados debaixo de aparadores e quando recebemos visitas podem se transformar em assentos extras. Mesas dobráveis também são uma ótima opção.

Escolher o mesmo piso ou revestimento pode dar a impressão de área maior, de continuidade. Mudanças drásticas de um ambiente para outro pode causar a sensação de divisão e consequentemente fazer parecer menor.

Algumas outras dicas: um sofá retrátil ou reclinável garante muito mais conforto e ocupa o espaço de um sofá simples. Suporte ou painéis móveis para TV possibilitam que ela seja movida na direção desejável. Caso o ambiente tenha escadas, escolher um modelo de escadas vazadas evita divisões e pode se tornar uma peça de destaque na sala. E para as cortinas, escolha tecidos leves, lisas e sem estampas.

De qualquer forma, ouse, não tenha medo de arriscar, crie, não copie, só assim será seu!

Luciana Santos.

Outros textos do autor:
Dicas para decorar salas pequenas.

Pesquisar mais textos:

Luciana Maria dos Santos

Título:Dicas para decorar salas pequenas.

Autor:Luciana Maria Santos(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Carlos Rubens Neto 16-06-2016 às 16:20:24

    Excelente matéria! Parabéns Luciana ;)

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios