Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Barcos > Dicas para cuidar do seu barco

Dicas para cuidar do seu barco

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Barcos
Visitas: 6
Comentários: 1
Dicas para cuidar do seu barco

Para manter a “saúde” de um barco, e a consequente segurança do(s) marinheiro(s) e tripulantes, há que observar determinados procedimentos, simples, mas que se revelam essenciais.

Assim, e ainda que o barco já esteja molhado ou tenha passado o dia a navegar no mais limpo dos rios, é fundamental aplicar jatos de água na casco, a fim de remover impurezas e/ou sal, suscetíveis de comprometer a sua durabilidade. Depois, é aconselhável aplicar um produto específico para o casco e dar nova mangueirada de água limpa, fazendo com que o jorro chegue também à parte interna. Com efeito, ao regressar de cada viagem, deve ter-se o cuidado de retirar tudo o que se encontre no barco e passá-lo por água doce. Em acréscimo, é recomendável lavar a consola, os manómetros, a aparelhagem eletrónica e o vidro com um pano macio e bem espremido, para eliminar todos os resíduos de salitre. A tarefa mais delicada é a limpeza do motor. Faz-se lavando-o com um detergente neutro e lubrificando as frações que ostentem necessidade, mediante a aplicação de produtos antioxidantes.

Após a limpeza, volta-se a colocar o material de bordo no sítio, com todos os equipamentos limpos e secos. O barco é, posteriormente, coberto com um toldo e “estacionado” no lugar que lhe está destinado. Um bom marinheiro tem de saber atracar o barco onde quer que seja sem danificar o casco…

Na limpeza anual, sobretudo quando a embarcação “hiberna”, esvaziam-se todos os compartimentos, retira-se a bateria e o depósito de combustível, lava-se o barco como referido anteriormente e, quando o barco estiver bem seco, verifica-se todo o circuito elétrico em busca de fissuras, estrangulamentos, oxidações, contactos desapertados e cortes, procedendo às respetivas reparações. Problemas na instalação elétrica podem consubstanciar risco de acidentes ou consumo exagerado de energia, sendo que os cabos finos são frágeis e incrementam o perigo de incêndio. Prevenir é a melhor forma de evitar percalços.

No que se refere à bateria, é preciso averiguar os níveis de eletrólitos dos elementos. É ainda recomendável analisar o óleo, mudar os filtros, limpar ou trocar as velas (que devem ser substituídas a cada cem horas de uso) e examinar a hélice. Por outro lado, o painel de iluminação deve constar das preocupações principais, uma vez que dele depende o facto de ver e de se ser visto quando se navega.

Convém, ainda, que o motor do guincho elétrico (que ajuda a puxar a âncora), mesmo que à prova de água, fique dentro do paiol, dado que na proa bate água, o que é passível de lhe reduzir a vida útil. Os guinchos funcionam melhor com correntes do que com cabos, apresentando estas vantagens no que respeita a tração e a segurança na ancoragem.

Embora exterior ao barco, o atrelado que o transporta em terra firme faz parte do conjunto e é bom passar o chassis por água, para que a água salgada não o deteriore.
É imprescindível munir-se de um kit de primeiros socorros e seria muito vantajoso aprender a fazer os vários nós, porque nunca se sabe…


Maria Bijóias

Título: Dicas para cuidar do seu barco

Autor: Maria Bijóias (todos os textos)

Visitas: 6

805 

Imagem por: ell brown

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 1 )    recentes

  • SophiaSophia

    17-06-2014 às 06:40:39

    Mantê-los limpos e com cestos de lixo pelo ambiente interno é uma boa ideia. E não jogar restos de alimentos nas águas, isso é péssimo!
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder

Comentários - Dicas para cuidar do seu barco

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Estratégia do arco-íris

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Serviços
Estratégia do arco-íris\"Rua
Pessoas comuns estão a descobrir novas estratégias que supostamente fazem dinheiro rápido. Mas, a verdade da questão é que, isso é quase impossível. Ao longo de sua jornada de negociação, vai experimentar algumas vitórias e derrotas. Então, vejamos uma das estratégias que irá produzir mais vitórias do que derrotas: a estratégia do arco-íris. Esta é uma estratégia muito poderosa que qualquer um pode utilizar, especialmente novatos lá fora. Se é novo no comércio de opções binárias e gostaria de ganhar dinheiro online, esta é a estratégia ideal para si.

A estratégia do arco-íris envolve um período de 6, 14 e 26 períodos, períodos de média móvel exponencial. Estes permitem filtrar os movimentos menores no mercado e dar-lhe uma visão clara da tendência.

O mercado está numa tendência alta quando o período de 6 EMA está no topo dos 14 períodos EMA e dos 26 períodos EMA. A tendência baixa ocorre quando as EMA cruzam-se. Agora, os 26 períodos EMA devem estar no topo da EMA de 14 períodos. Em tendências altas, os comerciantes devem concentrar-se principalmente em opções de compra.

Uma opção de compra pode ser acionada quando o preço para baixo remonta à EMA 14 e começa a mover-se para cima. Uma opção de venda pode ser acionada quando o preço refaz para cima, e os períodos EMA 14 começam a mover-se para baixo.

As vantagens desta estratégia é que muitos dos sinais são precisos e não requerem muita análise para fazer um bom negócio. Com a gestão de risco adequada, pode fazer desta a sua principal estratégia. Mas, antes de tomar essa decisão, saiba que existem algumas desvantagens. O preço às vezes pode ir além dos 14 períodos de EMA. Alguns comerciantes podem não saber como reagir a isso.

Além disso, mesmo se os mercados são tendências, ainda existe a possibilidade de dar sinais falsos, mas com a gestão de riscos aplicadas, esses sinais falsos não causam muito dano. Combinar esta estratégia com coisas como Fibonacci, linhas de tendência ou médias móveis podem ajudar a reduzir as chances de perdas.

Em geral, a estratégia do arco-íris é um grande indicador. Ele faz maravilhas nos mercados de tendências e é muito fácil de usar para os comerciantes de todos os níveis. No fim de contas, é apenas uma questão de fazer uma boa gestão de risco. É uma ótima estratégia para iniciantes começarem a usar e obterem vitórias, experiência e bastante dinheiro.

Pesquisar mais textos:

Jerónimo Diogo Magalhães

Título:Estratégia do arco-íris

Autor:Jerónimo Diogo Magalhães(todos os textos)

Imagem por: ell brown

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios