Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Animais Estimação > Dermatite Alérgica - Cuide do seu Animal

Dermatite Alérgica - Cuide do seu Animal

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Animais Estimação
Visitas: 10
Dermatite Alérgica - Cuide do seu Animal

Os problemas de pele seca nos cães têm imensas causas. Os cães que saem de casa regularmente, embora sejam lavados e cuidados, podem desenvolver pele seca, o que se torna muito desconfortável e irritante para eles. Quando o seu cão se arranha constantemente com as patas traseiras ou se roi torna-se enfadonho tanto para o seu animal de estimação como para si. A razão para a pele seca, às vezes pode ser difícil de rastrear, até mesmo para o seu veterinário. As infestações por pulgas, a alimentação ou o ambiente podem causar este sintoma. Para determinar uma solução, o veterinário precisa saber os detalhes da vida do seu cão, portanto preste atenção a qualquer coisa que possa causar este sintoms r informe o seu veterinário de todos os pormenores.

A dermatite nutricional é causada pela alimentação do seu cão, é bastante comum e facilmente tratável. A qualidade nutricional na alimentação do seu cão tem um grande impacto sobre a pele e pelo. A alimentação de baixo custo, embora económica e apesar das afirmações de que é nutricionalmente completa e balanceada, pode não conter a quantidade de proteínas necessárias para a nutrição do seu cão. Isto pode causar pele seca e tornar o pelo seco e áspero. Os alimentos de maior qualidade podem ser mais caros, mas você pode economizar desnecessárias contas veterinárias a longo prazo.

Outro tipo de alergia, é a derrmatite ambiental. Ela é comum em cães que são mantidos dentro de casa. Os cães que se encontram fora de casa, muitas vezes, desenvolvem naturalmente imunidade contra substâncias irritantes.

Existem diversas alergias que podem ter como um dos sintomas a pele seca. A dermatite infeciosa, outro exemplo, é causada por um organismo de fungos, como a micose e é facilmente transmitida aos seres humanos. Os organismos bacterianos também são culpados por outras dermatites infeciosas, como a coceira e a inflamação que pode evidenciar-se quando o equilíbrio bacteriano, que é naturalmente construído na pele do seu cão, se torna desequilibrado por uma infestação parasitária ou por condições ambientais.

A dermatite parasitária também é bastante comum. A forma mais comum da dermatite parasitária é a causada por pulgas. Os parasitas sem asas são os culpados pela coceira do seu cão e, em alguns casos, por reações alérgicas. A saliva das pequenas pestes podem irritar a pele do seu cão facilmente. Outras pragas parasitas são os carrapatos, os ácaros Cheyletiella (chamado de "caspa andante" porque se parecem com flocos de pele seca do seu cão), os ácaros sarcóptica (conhecidos como vermelho sarna ou escabiose, que toca mais na pele do seu cão), e os ácaros Demodex (chamado sarna, estes ácaros podem entrar nas glândulas sebáceas e folículos pilosos do seu cão e reproduzem-se rapidamente).

Quanto à dermatite alérgica, pode ser difícil para o seu veterinário identificá-la. As causas podem facilmente variar entre ambiental e nutricional a causas bacterianas. Deve alertar o veterinário para todas as condições acima referidas para o ajudar a determinar uma solução.


Rua Direita

Título: Dermatite Alérgica - Cuide do seu Animal

Autor: Rua Direita (todos os textos)

Visitas: 10

799 

Comentários - Dermatite Alérgica - Cuide do seu Animal

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Como fazer disfarces de Carnaval

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Vestuário
Como fazer disfarces de Carnaval\"Rua
O ano começa e depressa chega uma data muito ansiada principalmente pelos mais jovens: o desejado Carnaval!

Esta é uma data que os pequenos adoram e deliram com as fantasias. O problema maior é a despesa que os disfarces representam e no ano seguinte já não usarão o mesmo disfarce ou, no caso dos mais pequenos, já não lhes serve.
O melhor nesta data é mesmo reciclar e aprender a fazer disfarces caseiros utilizando truques mais económicos e materiais reciclados para preparar as fantasias dos pequenitos!

Uma sugestão para os meninos é o traje de pirata que pode facilmente ser criado a partir de peças que tenha em casa. Procure uma camisa de tamanho grande e, de preferência, de cor branca com folhos. Se não tiver uma camisa com estas características facilmente encontrará um modelo destes no guarda-vestidos de alguma familiar, talvez da avó.

Precisará de um colete preto. Na falta do colete pode utilizar um casaco preto que esteja curto, rasgue as mangas pelas costuras dos ombros. As calças devem ser velhas e pretas para poderem ser cortadas na zona das pernas para envelhecer a peça. Coloque um lenço preto ou vermelho na cabeça do menino e, de seguida, com um elástico preto e um pouco de velcro tape um dos olhos.

Para as meninas não faltam ideias originais para fazer disfarces bonitos e especiais para este dia. Uma ideia original é a fantasia de Flinstone. É muito fácil e prática de fazer e fica um disfarce muito bonito. Comece por arranjar um pedaço de tecido branco. Coloque o tecido em volta do corpo como uma toalha de banho e depois amarre num dos braços fazendo uma alça. Depois corte as pontas em ziguezague mantendo um lado mais comprido que o outro. Amarre o cabelo da menina todo no cimo da cabeça, como se estivesse a fazer um rabo-de-cavalo mas alteie-o mais. Com o auxílio de um pente frise o cabelo, pegando nas pontas e passando o pente em sentido contrário até que fique todo despenteado. Numa loja de disfarces compre um osso de plástico e prenda na fita da criança.

Pegue nos materiais, puxe pela imaginação e ponha mãos ao trabalho!

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:Como fazer disfarces de Carnaval

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Rua DireitaRua Direita

    09-06-2014 às 04:01:21

    Não em carnaval, mas em bailes de fantasia, sempre usei o TNT. Eles são ótimos para trabalhar o corte, para costurar e deixa bem bonito!
    Cumprimentos,
    Sophia

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios