Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Alimentação > Sentar-se com a família à mesa: um ato de carinho

Sentar-se com a família à mesa: um ato de carinho

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Alimentação
Visitas: 20
Comentários: 1
Sentar-se com a família à mesa: um ato de carinho

Reunir a família, os amigos ou aqueles que nos são queridos para uma refeição é além de um ato de encontro, um ato de carinho. Receber as pessoas e reuni-las à mesa, é proporcionar momentos de diálogo e interação intensos e bastante significativos. São nestes momentos que as pessoas conversam, trocam experiências e vivenciam momentos especiais. São alimentados o corpo e a alma.

Em inúmeras diferentes culturas o momento da refeição é um momento sagrado, único, repleto de simbolismo. Reunir-se em torno de uma refeição é, para muitos, motivo de festa e confraternização. As celebrações mais importantes da sociedade são sempre envoltas em momentos de degustação e alimentação. Nas receções são sempre oferecidos alimentos e bebidas aos visitantes como forma de demonstrar o quanto aquelas pessoas são esperadas e bem recebidas.

Ao redor da mesa muito se conversa, se aprende um do outro, se troca experiência, se aproxima-se dos entes queridos, se olha nos olhos, se escuta o outro, se esclarece maus entendidos. É, sem dúvida, um momento único que não deve se perder na corriqueira rotina que se está vivendo.

Atualmente muitas famílias vêm deixando de lado este momento único. Cada um vai fazendo sua refeição ao seu tempo, sem se comunicarem. Sem ao menos se olharem. Muitas famílias substituem a mesa pelo sofá e pela televisão. As pessoas estão deixando de vivenciar momentos preciosos para o seu aprendizado e evolução.

Convidar uma pessoa para jantar é uma evidência de que se quer estar próximo desta pessoa. Sinônimo de amor e carinho. Por vezes, é na mesa, na confraternização, que muitos casais se encontram, que muitos relacionamentos desgastados retomam seus laços. É também ao redor da mesa que decisões importantes são tomadas, sempre recheadas por ponderações e diferentes opiniões.

E não é só o momento da refeição em si o mais importante. Há toda uma preparação seja para festas maiores como para simples refeições em casa e em família. Deve-se pensar nos talheres, na mesa, na toalha, na quantidade certa de alimento, no gosto das pessoas que receberão o alimento, no tipo de serviço, no tipo de alimento que será serviço, na bebida adequada, na sobremesa. Enfim, reunir em torno de um alimento é possibilitar muito mais do que um encontro; é uma forma de demonstrar o quanto é de valor a presença de cada um naquele momento.

É no hábito de alimentar-se que se demonstra quem se é. Há os que comem apressadamente, há os que comem em demasia, há os que cuidam da sua alimentação, há os que desperdiçam o alimento, mas todos, quando se tem essa prática, não dispensam o momento de estar junto aos seus, sejam eles familiares, amigos, colegas de trabalho ou conhecidos. Partilhar o alimento com o outro é mostrar o quão solidário e  afetuoso se é.

É muito importante que esse hábito não se perca com a evolução das rotinas de trabalho e com as novas gerações, pois até hoje nenhuma nova tecnologia substituiu o ato de olhar para o outro, de pensar no outro, de conversar com o outro. Manter, então, essa prática é manter a alma enriquecida na certeza de que não se está só. Na certeza de que se tem amizades verdadeiras e de que se construirá muitas outras ainda.



Rosana Fernandes

Título: Sentar-se com a família à mesa: um ato de carinho

Autor: Rosana Fernandes (todos os textos)

Visitas: 20

787 

Imagem por: shareski

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários     ( 1 )    recentes

  • RosanaRosana Pegoraro

    10-01-2010 às 16:17:28

    O amor é como um flor: tem que ser regado todos os dias.
    Fazer pelo menos uma refeição à mesa com a família é um ato "regatório" para a continuidade do amor, para não se perder a cumplicidade e o companheirismo.

    ¬ Responder

Comentários - Sentar-se com a família à mesa: um ato de carinho

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Secretária em vidro

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Mobiliário
Secretária em vidro\"Rua
A maior parte das casas tem um escritório para fazer os trabalhos relativos Á profissão ou outros. È uma divisão extremamente necessária para as pessoas se recolherem a trabalhar. Por isso o escritório deve ser um local com conforto e agradável. O ambiente torna-se extremamente importante para o recolhimento necessário e a concentração que certos trabalhos exigem. Se não se tiver no local de trabalho tem de construir-se em casa.

Em todas as profissões é útil ter uma secretária para colocar um computador portátil. Livros e outros acessórios. É uma peça de mobiliário que não se dispensa de forma nenhuma. Desde sempre que foi indispensável na escola, no escritório, na empresa. A sua funcionalidade é como a do computador que praticamente não se dispensa. Para onde se vá leva-se o computador portátil a servir de complemento.

No que diz respeito à secretária ela exige um bom material e design bonito. E de facto há secretárias muito belas desde o seu modelo ao material e design. Por exemplo uma secretária em vidro fica muito bem num escritório amplo de uma vivenda ou numa empresa particular bem decorada. Pode colocar-se também num pequeno escritório de um apartamento ou numa sala especial e decorada a gosto. Há quem prefira ter uma secretária num espaço pequeno especificamente para trabalho. Deste modo concentra-se mais nele e não pensa no que tem para fazer em casa. Ou seja, dá mais prioridade ao que eventualmente tenha que fazer numa secretária. Para além de ajudar a decorar e embelezar o espaço onde se coloca dá um certo ar de charme e gramou num ambiente. Se este for decorado com objectos bonitos de decoração e uma estante para livros dá um ar mais intelectual ao ambiente. Deste modo mais propício para o recolhimento.

Não é por acaso que muita gente prefere o seu escritório para passar as horas que dispõe no seu quotidiano ou fins – de - semana. É um local propício a pensar mais nos projectos, no trabalho e nos encargos da vida. Deste modo cada divisão da casa tem uma funcionalidade diferente e um ar distinto dos restantes.

Não quer dizer que uma secretária em vidro não fique adaptada noutro local que não seja para o trabalho de estudantes ou outros, ela pode ainda adaptar-se para embelezar ou harmonizar espaços que estejam por preencher numa casa maior ou outro local. Sem dúvida que a secretária em vidro não vai deixar mal nenhum espaço onde se coloque.

Pesquisar mais textos:

Teresa Maria Batista Gil

Título:Secretária em vidro

Autor:Teresa Maria Gil(todos os textos)

Imagem por: shareski

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Rua DireitaRua Direita

    20-04-2014 às 15:52:38

    Fantástico texto! A Rua Direita agradece!

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios