Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Alimentação > Salada de Folhas de Espinafre, Couve Roxa e Pinhões

Salada de Folhas de Espinafre, Couve Roxa e Pinhões

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Alimentação
Visitas: 20
Salada de Folhas de Espinafre, Couve Roxa e Pinhões

A receita de Salada de Folhas de Espinafres, alface pinhões é leve e refrescante – podendo ser desfrutada em qualquer altura, é uma verdadeira receita de verão. É muito fácil e rápida de preparar e os pinhões são o único elemento mais dispendioso do prato, mas que lhe confere uma sofisticação extra. É ovo-vegetariana, sendo no entanto os ovos cozidos opcionais, podendo ser substituídos por outro ingrediente, como cogumelos frescos inteiros fritos com um fim de azeite e alho.

Para preparar esta salada leve, para 4 pessoas, vai precisar de: 700g de folhas de espinafre, uma couve roxa, pinhões, 5 colheres de sopa de azeite, duas colheres de sopa de vinagre, uma colher de sopa de mostarda de qualidade, duas cebolas, rodelas de meio ananás, cubos de pão frito (igual ao que se adiciona à sopa de peixe), 4 ovos, sal e pimenta preta q.b.

O modo de preparação desta salada é o seguinte:
Ferva água abundante e, adicionando sal em quantidade suficiente, coza os ovos durante cerca de cinco minutos. Se gostar da gema mais cozida (mais amarela que cor de laranja) deixe cozer por mais três minutos. Retire os ovos, passe por água fria abundante e, quando estiverem arrefecidos, tire-lhes a casca, corte em fatias e reserve.

Lave as folhas de espinafre e a couve roxa, cortando de seguida a couve em tiras grosseiras, sem necessidade de método. Toste os pinhões numa frigideira antiaderente, sem adicionar azeite. Numa tigela, verta o vinagre, o azeite e a mostarda. Misture tudo e tempere com sal e pimenta preta q.b. Com uma batedeira elétrica ligada na intensidade mínima, bata o molho até que fique uma pasta homogénea.

Numa saladeira, disponha a couve roxa, as folhas de espinafre e as rodelas de metade de um ananás, as cebolas também cortadas em rodelas finas e os cubos de pão, previamente fritos numa frigideira antiaderente. Misture tudo com cuidado e verta o molho de vinagre, azeite e mostarda. Enfeite a saladeira com os ovos e os pinhões tostados. Aprecie com um chá gelado de pêssego ou vinho branco, num almoço ou jantar de verão, depois da praia ou de uma caminhada ao fim da tarde.
Bom apetite!


Sofia Nunes

Título: Salada de Folhas de Espinafre, Couve Roxa e Pinhões

Autor: Sofia Nunes (todos os textos)

Visitas: 20

768 

Comentários - Salada de Folhas de Espinafre, Couve Roxa e Pinhões

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Um sinal de compromisso

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Jóias Relógios
Um sinal de compromisso\"Rua
Exibir uma aliança de compromisso é, frequentemente, motivo de orgulho e, quando se olha para ela, vai-se rodando-a no dedo e fica-se com aquela expressão ridícula na cara.

Uma questão se coloca: qual a razão de estas alianças de compromisso serem tão fininhas: será porque os seus principais clientes, os jovens, são sujeitos de poucas posses (tendendo as mesadas a emagrecer ainda mais com a crise generalizada) ou porque esse compromisso, não obstante a paixão arrebatadora, é frágil e inseguro?

Sim, porque aqui há que fazer cálculos matemáticos: x compromissos vezes y alianças…com um orçamento limitado sobre um fundo sentimental infinito…

Depois, importa perpassar os tipos destas alianças. Há as provisórias, que duram em média quinze dias; há as voadoras, que atravessam os ares à velocidade da luz quando a coisa dá para o torto; há as que insistem em cair do dedo, sobretudo em momentos em que ter um compromisso se revela extremamente inoportuno; e depois há as residentes, que uma vez entradas não tornam a sair.

Os pombos-correios usam anilhas onde figuram códigos que os identificam. Talvez não fosse completamente descabido fazer umas inscrições deste género em algumas alianças de compromisso por aí…

Só para ajudar os mais esquecidos a recordarem a que “pombal” pertencem.

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:Um sinal de compromisso

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Deixe o seu comentárioDeixe o seu comentário

Comentários

  • Luene ZarcoLuene

    22-09-2014 às 05:46:10

    Um sinal de amor e lealdade perpétua! Adoro ver os vários modelos de aliança! Vale a pena escolher uma bem bonita!

    ¬ Responder

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios