Bem vindo à Rua Direita!
Eu sou a Sophia, a assistente virtual da Rua Direita.
Em que posso ser-lhe útil?

Email

Questão

a carregar
Textos | Produtos                                                    
|
Top 30 | Categorias

Email

Password


Esqueceu a sua password?
Início > Textos > Categoria > Alimentação > Os Lanches Escolares

Os Lanches Escolares

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Categoria: Alimentação
Os Lanches Escolares

Na hora de preparar os lanches para levar para a escola a escolha deve ser a mais acertada. Acertada pode ser diferente para as mães e para os filhos. Divergências na hora de preparar o lanche são comuns nas cozinhas das mães Portuguesas.

A obesidade infantil é um problema grave e cujo crescimento tem sido cavalgante nos últimos anos. Muito á conta dos lanches calóricos e rápidos que se despejam para dentro das lancheiras dos mais pequenos.

Mas como negociar um lanche saudável e nutritivo que agrade às crianças, fazendo-as comer sem esconder no lixo lá da escola?

Antes de mais e para que não hajam mais discussões sobre os lanches, negoceie com o seu filho que ele poderá levar um lanche mais açucarado uma vez por semana. Nesse dia será ele a decidir o que vai levar para comer no intervalo das aulas.

Invente alguns lanchinhos divertidos e surpreenda-o.

Atenção aos sumos. Prefira os leites e os iogurtes, mas sem açúcares ou chocolate. Iogurtes líquidos são ideias, mas tenha especial atenção á refrigeração. Adquira uma lancheira que mantem os alimentos frescos.

O pão é fundamental na alimentação por causa dos hidratos de carbono, pelo que umas sandes são perfeitas. Ao queijo, acrescente uma folha de alface ou umas raspas de cenoura. Além de fazerem bem vão dar uma cor diferente e tornar-se mais apetitosas. Bolachas de fibra, ou barras de cereais são perfeitas e algumas até têm pedacinhos de frutas que oferecem a parte doce do lanche.

A fruta é essencial para o crescimento e se a colocar na lancheira que mantem os alimentos frescos, a variedade pode ser enorme.

Sumos e bolachas são permitidos no “dia de abuso”, mas existem algumas técnicas que deve colocar em prática. Não coloque o pacote inteiro e quanto aos sumos prefira os néctares aos açucarados.

Tenha em atenção o facto de ser normal entre as crianças a troca de lanches, pelo que deve manter-se informada sobre o lanche dos amiguinhos do seu filho. Podem existir fortes possibilidades de estarem a ocorrer trocas de lanches saudáveis por lanches calóricos no recreio.

Manter uma alimentação saudável é importante e faz parte da educação dos seus filhos. Se em casa consegue controlar a alimentação, na escola vai ter de o fazer com algumas estratégias e truques.


Carla Horta

Título: Os Lanches Escolares

Autor: Carla Horta (todos os textos)

Visitas: 0

641 

Comentários - Os Lanches Escolares

voltar ao texto
  • Avatar *     (clique para seleccionar)


  • Nome *

  • Email

    opcional - receberá notificações

  • Mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios


  • Notifique-me de comentários neste texto por email.

  • Notifique-me de respostas ao meu comentário por email.

Martelos e marrettas

Ler próximo texto...

Texto escrito nos termos do novo acordo ortográfico.
Tema: Ferramentas
Martelos e marrettas\"Rua
Os martelos e as marretas são, digamos assim, da mesma família. As marretas poderiam apelidar-se de “martelos com cauda”. Elas são bastante mais robustas e mantêm as devidas distâncias: o cabo é maior.

Ambos constituem, na sua génese, amplificadores de força destinados a converter o trabalho mecânico em energia cinética e pressão.

Com origem no latim medieval martellu, o martelo é um instrumento utilizado para “cacetear” objectos, com propósitos vários, pelo que o seu uso perpassa áreas como o Direito, a medicina, a carpintaria, a indústria pesada, a escultura, o desporto, as manifestações culturais, etcétera, variando, naturalmente, de formas, tamanhos e materiais de composição.

A diversidade dos martelos é, realmente, espantosa. O mascoto, por exemplo, é um martelo grande empregue no fabrico de moedas. Com a crise económica que assola o mundo actualmente, já se imaginam os governantes, a par dos banqueiros, de martelo em punho para que não falte nada às populações…

Há também o marrão que, mais do que o “papa-livros” que tira boas notas a tudo, constitui um grande martelo de ferro, adequado para partir pedra. Sempre poupa trabalho à pobre água mole…

O martelo de cozinha serve para amaciar carne. Daquela que se vai preparar, claro está, e não da de quem aparecer no entretanto para nos martelar a paciência…!

Já no âmbito desportivo, o lançamento do martelo representa uma das provas olímpicas, tendo sido recentemente adoptado na modalidade feminina. Imagine-se se, em vez do martelo, se lançasse a marreta… seria, certamente, mesmo sem juiz nem tribunal, a martelada que sentenciaria a sorte, ou melhor, o azar de alguém!

Pesquisar mais textos:

Rua Direita

Título:Martelos e marrettas

Autor:Rua Direita(todos os textos)

Alerta

Tipo alerta:

Mensagem

Conte-nos porque marcou o texto. Essa informação não será publicada.

Pesquisar mais textos:

Deixe o seu comentário

  • Nome *

  • email

    opcional - receberá notificações

  • mensagem *

  • Os campos com * são obrigatórios